Guerreiro medieval com faca em vez de mão é o primeiro “ciborgue” conhecido

Uma equipa de arqueólogos italianos descobriu no norte do país o esqueleto de um homem medieval amputado que tinha uma faca em vez de uma mão.

Arqueólogos italianos fizeram uma descoberta inédita no norte de Itália: o esqueleto de um guerreiro medieval com uma faca que parece servir de prótese, no lugar da sua mão amputada.

Após análise dos restos encontrados, os cientistas concluíram que a descoberta data da Idade Média, entre os séculos VI e VIII. O homem terá aparentemente morrido quando tinha entre 40 e 50 anos. O seu braço direito foi amputado, mas no seu lugar foi-lhe implantado um membro artificial com uma faca em vez de uma mão.

A descoberta foi apresentada num artigo publicado no Journal of Anthropological Sciences. “É provável que o braço tivesse sido amputado por razões médicas, ou o homem o tenha fracturado numa queda”, diz a arqueóloga Ileana Micarelli, autora principal do estudo.

Além da faca, os arqueólogos encontraram material biológico degradado, que parece tratar-se de correias de couro, e uma fivela de metal, provavelmente usadas para ajudar a fixar a prótese ao membro amputado.

Os arqueólogos notaram também que os dentes do guerreiro medieval, o primeiro “ciborgue” da história, estavam muito desgastados. Este desgaste invulgar dos dentes do guerreiro poderá ter sido causado, consideram os autores do estudo, pela necessidade que terá tido de fixar melhor o membro artificial e realizar algumas acções com a boca.

Micarelli et al. / Journal of Anthropological Sciences

O guerreiro medieval encontrado em Itália substituiu a mão amputada por uma faca

Após as primeiras análises do esqueleto, os cientistas confirmaram que a ausência do membro não se devia a uma malformação natural, mas a uma amputação, que provavelmente terá sido necessária devido a algum tipo de traumatismo severo.

Segundo os arqueólogos, as calosidades encontradas no toco do membro amputado são tipicamente encontradas em pessoas que usaram algum tipo de prótese durante muito tempo. Também as erosões encontradas nos ossos do ombro são consistentes com uma postura pouco natural devido à amputação de um membro.

O desgaste dos dentes e dos ossos no membro amputado parecem indicar que o guerreiro não só sobreviveu à amputação, mas que se terá adaptado bastante bem à prótese e vivido bastante tempo com a mesma.

Apesar de algumas conclusões que o estudo já permitiu tirar, a inédita descoberta está ainda rodeada de algum mistério.

Em primeiro lugar, a escolha de uma faca como prótese para o lugar da mão. Os autores do estudo consideram que o homem, presumivelmente um guerreiro porque o eram todos os lombardos adultos na época, poderia usar a faca como arma auxiliar nas suas batalhas, mas não colocam de lado que o amputado pudesse ser um carniceiro.

Mas além disso, está ainda por explicar como é que numa época em que as infecções abundavam e a descoberta dos antibióticos estava a séculos de distância, um homem conseguiu sobreviver a uma amputação e à implantação de uma prótese primitiva.

PARTILHAR

9 COMENTÁRIOS

  1. Bem… Fiquei a saber que qualquer pessoa que use uma prótese é “ciborgue”… Tenho chumbo nos dentes… por isso sou “ciborgue”

    “Um Ciborgue é um organismo dotado de partes orgânicas e cibernéticas, geralmente com a finalidade de melhorar suas capacidades utilizando tecnologia artificial.” Fonte: https://pt.wikipedia.org/wiki/Ciborgue

    “Ciborgue, ci.bor.gue, siˈbɔrɡ(ə). Nome masculino
    Ser humano fictício cujas funções fisiológicas vitais são comandadas por meio de dispositivos mecânicos” Fonte: https://www.infopedia.pt/dicionarios/lingua-portuguesa/ciborgue

    “”ciborgue”, in Dicionário Priberam da Língua Portuguesa [em linha], 2008-2013, https://www.priberam.pt/DLPO/ciborgue [consultado em 16-04-2018].” Fonte: https://www.priberam.pt/DLPO/ciborgue

  2. Uma pequena questão, se o braço amputado era o direito porque é que na pintura colocaram a prótese no esquerdo, ficou amputado dos dois assim.

    • Caro Carlos,
      Obrigado pelo seu reparo.
      Ao contrário da figura ao centro, devidamente legendada, que contém uma foto real e uma ilustração do achado, a figura ao topo é meramente ilustrativa, não representando necessariamente o guerreiro encontrado.
      Na realidade, a ilustração de topo representa o herói sul-americano Galvarino, famoso guerreiro Mapuche do século XIV, que depois de ter sido amputado em ambos os braços como punição por ter liderado uma insurreição, aparelhou facas aos membros amputados – e com elas combateu depois nas míticas batalhas da Guerra de Arauco que o tornaram lendário. Tal como fez, portanto, o nosso guerreiro medieval “ciborgue” – mas no caso de Galvarino, em ambos os membros, e uns 800 anos mais tarde.
      Encontra um resumo da história de Galvarino neste vídeo:
      https://www.youtube.com/watch?v=BfsfK6v1J4s

RESPONDER

Bruno de Carvalho suspeito de tirar meio milhão de euros ao Sporting

Duas avultadas transferências de dinheiro, que saíram do Sporting a 24 de junho, estão sob suspeita. Estão em causa cerca de meio milhão de euros que terão sido pagos a duas construtoras. Não se sabe exatamente …

Voyager 2 da NASA já entrou no espaço interestelar

Pela segunda vez na história, um objeto feito pelo homem alcançou o espaço entre as estrelas. A sonda Voyager 2 da NASA saiu da heliosfera - a bolha protetora de partículas e campos magnéticos criada …

Bombeiros não informaram Proteção Civil de 50% das ocorrências

O corte de relações entre os bombeiros voluntários e a Proteção Civil está a fazer-se sentir. Os bombeiros não informaram a Proteção Civil de 50% das ocorrências no país. A Autoridade Nacional de Protecção Civil (ANPC) …

Funcionários públicos que continuem no ativo depois dos 70 não vão perder dinheiro

Os trabalhadores da Função Pública com mais de 70 anos que queiram continuar a trabalhar e, que para isso tenham a autorização do Estado, vão passar a receber, além do salário a que têm direito, …

Viagens podem obrigar deputados a entregar novas declarações de rendimentos

Os deputados podem ter de alterar as declarações de rendimentos para incluírem o reembolso das despesas de transporte como “rendimentos do trabalho”. A notícia foi avançada esta manhã pelo Diário de Notícias e surge depois de, …

Portugal já não deve ao FMI. Pagamento antecipado poupa 100 milhões de euros

O ministro das Finanças, Mário Centeno, anunciou que Portugal concretiza esta segunda-feira o pagamento do total da dívida ao Fundo Monetário Internacional (FMI), com a liquidação de 4,7 mil milhões de euros. Numa conferência de imprensa …

37% dos portugueses rezam diariamente. Somos o 9º país mais religioso da Europa

Portugal é um dos países mais religiosos da Europa, ocupando a nona posição, à frente de Itália (13.º) e de Espanha (16.º), com 44% da população a afirmar a sua crença absoluta em Deus. Estes dados …

Rui Rio acusa Governo de discriminação salarial

O presidente do PSD, Rui Rio, disse esta segunda-feira não compreender a proposta do Governo, que determina um salário mínimo diferente para o público e para o privado, defendendo que não deve haver discriminações. "Não compreendo. …

China e EUA discutem calendário de negociações para acabar com guerra comercial

O breve comunicado de Pequim indica que foi discutido "o calendário das próximas consultas económicas e comerciais", sem precisar, no entanto, onde e quando terão lugar. Negociadores chineses e norte-americanos discutiram por telefone um calendário de …

Sindicatos voltam ao Ministério das Finanças para discutir aumentos salariais

Os aumentos salariais na função Pública são esta terça-feira de novo discutidos entre as estruturas sindicais do sector e a secretária de Estado da Administração Pública, Maria de Fátima Fonseca. A Frente Comum de Sindicatos da …