Afinal, a chita não é o animal mais rápido do mundo

A classificação dos animais mais rápidos do planeta não tem, na maioria das vezes, em conta a proporção do seu tamanho e da sua velocidade máxima.

Esta classificação, que utiliza como medida a quantidade de segundos que um ser vivo demora a percorrer o comprimento do seu próprio corpo, é o método mais justo para determinar os animais mais rápidos entre várias classes diferentes. Com esta nova fórmula, escreve a Visão, surgem nomes inesperados na lista de animais mais rápidos.

A chita é considerada o animal terrestre mais rápido do mundo conseguindo atingir velocidades de cerca de 115 quilómetros por hora em distâncias de 500 metros. O segredo para a sua velocidade é a espinha flexível que confere aos seus membros uma ampla gama de movimentos.

O alongamento dos membros maximiza a sua passada e as pernas traseiras densas e com fibras de contração rápida permitem que atinja uma velocidade de 26 metros por segundo em apenas 3 segundos. Contudo, dado o tamanho do seu corpo, esta espécie fica para trás, quando comparado ao primeiro e segundo lugar, uma vez que “apenas” se movimenta a cerca de 23 comprimentos do seu próprio corpo por segundo.

Na América do Norte, a lebre americana é conhecida como “lebre dos sapatos de neve” devido ao tamanho das suas patas traseiras, que têm como função impedir o animal de se afundar na neve. As patas estão cobertas de pelo, inclusivamente na sola, para as proteger das temperaturas negativas.

Quando são perseguidas, ao contrário de outras espécies que procuram um terreno aberto para correrem, estas lebres tendem a correr em círculos em territórios que conhecem bem. Conseguem atingir velocidades de 48 quilómetros por hora e saltar até aproximadamente 3,5 metros, uma marca impressionante para o seu tamanho que varia entre os 48 e os 67 centímetros.

A Paratarsotomus macropalpis – mais conhecida como Térmita Sul-Californiana, com 0.7 milímetros de comprimento, este animal consegue correr até 322 vezes o seu tamanho por segundo, o equivalente a um ser humano correr a 2092 quilómetros por hora.

Os beija-flores, ou colibris, são aves de pequeno porte – entre 3 a 6 centímetros – originárias das Américas. O seu esqueleto e constituição muscular estão adaptados para permitir um voo rápido e extremamente ágil.

O batimento das asas é muito rápido (nas espécies mais pequenas, até cerca de 80 batimentos por segundo) e pode atingir velocidades de cerca de 54 quilómetros por hora. São as únicas aves capazes de voar em marcha-atrás e de permanecer imóveis no ar.

Na época de acasalamento, os beija-flores movimentam-se mais depressa do que qualquer ser vertebrado, chegando a deslocar-se até 385 vezes o seu tamanho por segundo.

Os Copépodes são um grupo de crustáceos parecidos com insetos que possuem cerca de um milímetro e podem ser encontrados em águas doces ou no oceano. O seu corpo possui até quatro ou cinco pares de patas, assim como umas extremidades vibratórias, que lhes permitem nadar ou saltar até mais de 50 centímetros. Quando se sentem ameaçados, conseguem acelerar até 500 vezes o comprimentos do seu corpo por segundo.

Esta espécie microscópica é a mais rápida do planeta, comparado com a chita, que é o animal terrestre mais veloz, mas que teria de ser capaz de atingir 8000 quilómetros por hora para ser tão rápida como o copépode.

ZAP //

PARTILHAR

RESPONDER

Preço da luz vai descer 18 cêntimos no mercado regulado

Os preços da eletricidade no mercado regulado vão voltar a descer em 2020, segundo a proposta avançada esta terça-feira pela Entidade Reguladora dos Serviços Energéticos (ERSE). Esta terça-feira, a ERSE propôs uma atualização em baixa de …

Portugal teve perdas fiscais de 900 milhões de euros por menor tributação do gasóleo

A tributação ao gasóleo é mais baixa do que os impostos à gasolina. A diferença entre os dois combustíveis leva a perdas de 900 milhões de euros ao Estado. Quem abastece um carro a gasóleo na …

Dulce Neto é a primeira mulher a presidir um Supremo Tribunal português

A juíza conselheira toma posse, esta quarta-feira, como presidente do Supremo Tribunal Administrativo (STA), tornando-se na primeira mulher a ocupar o lugar cimeiro de um supremo tribunal em Portugal. Dulce Neto, de 58 anos, foi eleita …

Défice zero e mais crescimento. Previsões de Centeno para o OE2020 são de "elevado risco"

O Governo faz uma revisão das metas para 2020 no esboço do Orçamento de Estado para o próximo ano que enviou à Comissão Europeia, prevendo um aumento do crescimento económico e um saldo orçamental equilibrado, …

Conselho nacional do PSD pode ser atirado para novembro. Apoios a Rio e Montenegro equilibrados

Rui Rio mantém o silêncio sobre uma recandidatura a líder do PSD, o que está a ser visto como um condicionamento do partido, tendo também nas suas mãos o calendário interno. O conselho nacional para …

Varandas quer vender já em janeiro (e há três nomes em cima da mesa)

O Sporting deverá vender um jogador já no próximo mercado de transferências em janeiro. O dinheiro será destinado a renovações e a trazer um novo reforço para o ataque. Frederico Varandas continua a sua saga para …

Médicos, enfermeiros e professores lamentam recondução de ministros

Médicos, enfermeiros e professores lamentaram a recondução de ministros na pasta da Saúde, Educação e das Finanças, reagindo assim à constituição do novo Governo entregue em Belém pelo primeiro-ministro indigitado, António Costa. O secretário-geral do …

"Batalha campal" assola a Catalunha: 40 mil pessoas nas ruas, 50 detidos e mais de 100 feridos

Pelo menos 51 pessoas foram detidas e 70 polícias ficaram feridos desde o início dos atos de violência que começaram na segunda-feira na região espanhola da Catalunha após a sentença que condenou políticos separatistas catalães …

Kristalina Georgieva exige maior inclusão de mulheres nos mercados de trabalho

A diretora-geral do Fundo Monetário Internacional exigiu esta terça-feira, nos Encontros Anuais, uma maior inclusão de mulheres nos mercados de trabalho, dizendo que quando um país ignora "parte das suas capacidades" enfraquece o desempenho económico. Kristalina …

Cientistas nazis criaram um pesticida alternativo ao DDT (que até era melhor)

Cientistas nazis criaram uma alternativa ao inseticida DDT, que alegadamente seria menos tóxica para os mamíferos e de ação mais rápida. A sua produção viria a terminar abruptamente por intervenção das forças Aliadas. O DDT é …