Paleontólogos descobrem na China fósseis com mais de 500 milhões de anos

(dr) Dongjing Fu

Uma equipa de paleontólogos descobriu um verdadeiro tesouro escondido nas margem do Rio Danshui, na província de Hubei, na China.

A vida animal explodiu – em diversidade e em forma – durante o período Cambriano há cerca de 500 milhões de anos. Uma equipa de paleontólogos descobriu recentemente um sítio fóssil cambriano na China – chamado Qingjiang – que contém uma vasta variedade de espécimes, dos quais mais de metade é desconhecida.

As escavações levadas a cabo pelos especialistas revelaram milhares de espécimes primitivas – minhocas, águas-vivas, anémonas e algas –, que viveram há aproximadamente 518 milhões de anos.

Esta descoberta recente é considerada particularmente rara, uma vez que os tecidos moles de muitas das criaturas, incluindo a pele, os olhos e os órgãos internos, estão perfeitamente conservados.

Os paleontólogos recolheram mais de 20 mil amostras do recém descoberto sítio arqueológico, e um total de 4.351 fósseis já foram analisados. Segundo a BBC, foram identificadas, até agora, 101 espécies, das quais 53 nunca haviam sido catalogadas.

A descoberta, publicada na revista científica Science, é considerada “surpreendente” pelos especialistas, principalmente pela quantidade de espécies novas descobertas. “Os fósseis vão ser uma fonte muito importante no estudo das origens primitivas dessas criaturas”, disse à BBC Xingliang Zhang, um dos autores do estudo e professor da Northwest University, na China.

Robert Gaines, geólogo que também participou do estudo, explica que a descoberta é particularmente notável porque “a maioria das criaturas são organismos de corpo mole, que normalmente não têm a possibilidade de ser fossilizadas”. A maioria dos fósseis existentes tende a ser de animais com partes rígidas, como ossos, que têm menos probabilidade de apodrecer e decompor.

Zhang suspeita de que os fósseis de Qingjiang devem ter sido “soterrados rapidamente por sedimentos” de uma tempestade, teoria que explicaria o facto de os tecidos moles estarem tão bem preservados.

Estes fósseis datam do período Cambriano da Era Paleozoica, altura em que houve um rápido aumento da diversidade de espécies no planeta, há cerca de 541 milhões de anos. “A diversidade de seres vivos é algo que, atualmente, não valorizamos, apesar de haver indícios de que as taxas de extinção estão a aumentar acentuadamente”, afirma Gaines.

“No entanto, a maioria das principais linhagens de animais é resultado de um evento singular na História – a explosão Cambriana – e nunca voltou a ser visto um evento semelhante”, continua o especialista.

Mas especial atenção mereceram os fósseis de águas-vivas e anémonas do mar. “É diferente de tudo que eu já vi. A enorme abundância e diversidade de formas são impressionantes”, descreve Gaines.

Esta descoberta é encarada pela comunidade científica como uma das mais importantes dos últimos 100 anos. A equipa está, atualmente, a realizar novas escavações no local com o objetivo de descobrir ainda mais sobre o antigo ecossistema local e o processo de fossilização destas criaturas.

  ZAP // BBC

PARTILHAR

RESPONDER

Vítimas do ataque na Noruega foram mortas com facadas e não com arco e flecha

A polícia norueguesa esclareceu, esta segunda-feira, que as cinco vítimas mortais do ataque perpetrado na semana passada foram esfaqueadas, afastando assim a tese inicial que as mortes tinham sido provocadas por um arco e flechas. Segundo …

É um pássaro? É um avião? Não, é uma estrada de drones

Várias empresas estão a juntar-se ao governo de Israel na criação de sistemas de entregas através de drones. O objectivo final é ter uma estrada destes aparelhos nos céus. Num futuro próximo, as estradas podem estar …

IVAucher já devolveu 5,5 milhões de euros aos consumidores

Até agora, o programa IVAucher devolveu 5,55 milhões de euros aos consumidores, foi anunciado, esta segunda-feira, pelo Ministério das Finanças. De acordo com o comunicado do Ministério das Finanças, desde 1 de outubro foram efetuadas 609.560 …

Bloco já enviou as nove propostas ao Governo. Cinco são alterações ao Código do Trabalho

O Bloco já enviou ao Governo a redação das nove propostas para as negociações do Orçamento do Estado para 2022 (OE2022), cinco das quais são alterações ao Código do Trabalho que terão de ser efetivadas …

Bielorrússia expulsa embaixador francês

O embaixador francês na Bielorrússia deixou o país este domingo, depois de as autoridades bielorrussas o terem mandado embora, sem especificar o motivo.  "O Ministério das Relações Exteriores da Bielorússia exigiu que o embaixador partisse antes …

Grupo 400 Mowozo apontado como responsável pelo rapto de 17 missionários estrangeiros no Haiti

Grupo raptado era composto por 14 adultos e três crianças que se encontravam em território haitiano no quadro de uma missão de solidariedade dinamizada pela Christian Aid Ministries. Um grupo armado intitulado 400 Mawozo, considerado um …

Agentes disparam para o ar no jogo entre o Olímpico do Montijo e o Vitória de Setúbal B

Violência, tiros para o ar: Montijo reage aos incidentes do jogo com o Vitória

Cenas de pânico, logo a seguir ao jogo entre o Olímpico do Montijo e a equipa B de Setúbal. Versões diferentes dos treinadores. O jogo entre Olímpico do Montijo e Vitória de Setúbal B terminou sem …

Defesa de Salgado pede suspensão do processo por diagnóstico de Alzheimer

A defesa do antigo banqueiro pediu a suspensão do processo no qual o ex-presidente do Banco Espírito Santo (BES) é arguido, fundamentando-o com um atestado médico a comprovar o diagnóstico de doença de Alzheimer. De acordo …

Marcelo sobre combustíveis: "Vamos esperar que isto não seja para durar mais de seis meses"

O Presidente da República disse, esta segunda-feira, que o aumento do preço dos combustíveis é "preocupante" e que o Governo aguarda luz verde de Bruxelas para tomar medidas sociais para as famílias e as empresas. "No …

Frente Comum confirma greve na Função Pública a 12 de novembro

A Frente Comum de Sindicatos da Administração Pública confirmou, esta segunda-feira, a realização de uma greve nacional a 12 de novembro, para exigir ao Governo que altere a proposta de Orçamento do Estado para 2022 …