Chichén Itzá esconde cave de relíquias maia (e havia uma cobra venenosa a protegê-la)

(CC0/PD) aladecuervo / Pixabay

Templo de Kukulcán, localizado em Chichén Itzá – uma cidade arqueológica maia, no Iucatã

Uma equipa de arqueólogos liderados por Guillermo de Anda descobriu uma caverna cheia de relíquias antigas sob as ruínas da cidade maia de Chichén Itzá, no México. A descoberta, que foi já rotulada como “incrível”, pode desvendar alguns segredos da civilização maia.

De Anda, citado pela agência de notícias AFP, disse em conferência de imprensa que os achados são um verdadeiro “tesouro científico”.

De acordo com o líder da expedição, a caverna com centenas de objetos foi encontrada a cerca de dois quilómetros do templo de Kukulkan, a 24 metros de profundidade.

A caverna tem várias câmaras conectadas por passagem extremamente estreitas que obrigaram os investigadores a rastejar através delas. A sua extensão é, para já, desconhecida, tendo os arqueólogos conseguido explorar cerca de 460 metro até então.

Tal como explico De Anda, a caverna foi já descoberta há mais de 50 anos por moradores locais. Na época, foi enviado um arqueólogo até ao local, que decidiu por razões desconhecidas selar a entrada com pedras e apresentar um breve relato.

No ano passado, o líder da expedição voltou a encontrar esta caverna, trazendo agora à luz todas as suas relíquias. Entre as centenas de objetos encontrados, contabilizam-se sete queimadores de incenso sob a forma de Chaac, uma importante divindade maia associada à chuva. Estima-se que os maiores queimadores deste tipo date, de 700 a 1000 anos d.C.

“O que descobrimos foi incrível e completamente intocado”, acrescentou.

Os cientistas acreditam que os moradores de Chichén Itzá consideram a caverna como “as entranhas dos deuses“. Além disso, a equipa sublinhou ainda que a o tesouro subterrâneo ajudará os cientistas a entender melhor as origens, a vida e as crenças dos moradores de Chichén Itzá.

A AFP adinta ainda que os indígenas maias que habitam a área atualmente deixaram um alerta à equipa: uma cobra coral venenosa protegia o local. E, na verdade, os cientistas encontraram essa espécie, que bloqueou o acesso à caverna durante quatro dias, tal como revelou o líder da expedição. A pedido dos moradores, a equipa passou também por uma ritual de purificação de seis horas antes de entrar na caverna.

De Anda e a sua equipa planeiam continuar a explorar a caverna e os seus artefactos, não querendo contudo remover os objetos encontrados, mas antes estudá-los no local.

ZAP //

PARTILHAR

3 COMENTÁRIOS

  1. Vi esta noticia em outro site mas falava em 24 quilómetros de profundidade e não 24 metros como vocês mencionam… Podem por favor esclarecer qual a informação correta?

    • Caro Luís Novais,
      As fontes que consultámos, que incluem a agência AFP e o The New York Times, apontam que a caverna está 24 metros de profundidade, tendo sido encontrada a 2 quilómetros do templo de Kukulkan.
      Agradecemos desde já as suas visitas.

RESPONDER

Carros novos vão ter sistema que "bloqueia" condutores alcoolizados a partir de 2022

A Comissão Europeia vai implementar uma série de medidas de segurança nos automóveis, que serão obrigatórias de forma progressiva a partir de 2022, com objetivo de evitar 25 mil mortes em acidentes rodoviários e 140 …

Iraque condena três franceses a pena de morte por pertencerem ao Estado Islâmico

Três homens de nacionalidade francesa foram este domingo condenados a pena de morte, pelo tribunal de Bagdade, capital do Iraque, por pertenceram ao Estado Islâmico, avança a AFP, que cita o juiz que leu a …

Oposição levou mais gente às ruas do que Bolsonaro

Manifestações a favor do presidente Jair Bolsonaro e da reforma da previdência, o principal objetivo do governo neste ano, moveram milhares de brasileiros em pouco mais de 130 cidades de 26 estados do Brasil. No passado …

Utentes da Soflusa estão “cansados” de constantes supressões

Os utentes da Soflusa mostraram-se esta segunda-feira "cansados" das constantes supressões das ligações fluviais entre o Barreiro e Lisboa, que estão hoje a acontecer durante todo o dia devido à falta de mestres. "Já estou a …

Banco Alimentar recolhe 1.605 toneladas de alimentos no fim de semana

O Banco Alimentar contra a Fome recolheu 1.605 toneladas de alimentos durante o fim de semana da campanha nacional que decorreu em mais de duas mil superfícies comerciais, anunciou a presidente do Banco Alimentar contra …

Sérgio Conceição apontado à Lazio

A imprensa italiana aponta esta segunda-feira o treinador do FC Porto, Sérgio Conceição, à Lazio. O técnico português, recorde-se, passou pelo emblema italiano em duas ocasiões como jogador de futebol. O jornal italiano Il Messaggero adianta …

Filial portuguesa de multinacional alemã envolvida em subornos em Angola

A sucursal portuguesa em Angola da multinacional alemã Fresenius Medical Care, que actua na área médica, esteve envolvida num esquema de pagamento de subornos a médicos e militares angolanos que renderam 124 milhões de euros …

CGD acaba com empresa que criou há quase 20 anos com a PT

Criada há quase 20 anos pela Caixa Geral de Depósitos (CGD) e pela Portugal Telecom (PT), a Caixanet foi liquidada no início deste ano, bem como a Caixa Tec e a Sogrupo, duas outras empresas …

MB Way. Bancos "fecham" aplicação para cobrar comissões diferenciadas nas transferências

Em pleno arranque do 'open banking', os bancos estão a substituir a aplicação MB Way por soluções próprias que "amarram" os clientes, com o propósito de cobrar comissões diferenciadas nas transferências através do telemóvel. Segundo noticiou …

A abstenção venceu. É a mais alta de sempre

A abstenção foi a grande figura das eleições europeias deste domingo, tendo 68,7% dos portugueses optado por não votar. A abstenção em Portugal voltou a atingir um novo recorde, enquanto que a taxa de participação …