Os cientistas já têm a certeza absoluta de que o Oumuamua não é uma nave alien

ESA / M. Kornmesser / European Southern Observatory

Impressão de artista do primeiro asteróide interestelar: `Oumuamua.

Afinal, o Oumuamua não é uma nave alienígena. Uma nova investigação, que analisou as várias investigações já levadas a cabo, concluiu que este corpo estelar, o Primeiro Mensageiro Estelar, não tem uma origem artificial.

Depois de vários meses de discussão, nos quais a comunidade científica defendeu várias teorias completamente contraditórias sobre a origem deste corpo em forma de charuto, um novo estudo, cujos resultados foram esta semana publicados na revista científica especializada Nature Astronomy, descarta agora uma eventual origem extraterrestre.

“A hipótese da nave espacial alienígena é uma ideia divertida, mas a nossa análise sugere que há toda uma série de fenómenos naturais que poderiam explicá-la”, defendeu Matthew Knight, da Universidade de Maryland, nos Estados Unidos, citado em comunicado.

Os estranhos movimentos e formas dos Oumuamua levaram alguns cientistas a especular sobre a possibilidade de o primeiro objeto oriundo de outro sistema estelar encontrado através do nosso Sistema Solar ser algum tipo de tecnologia alienígena que pudesse explorar o cosmos. Após analisar os dados, a equipa de cientistas não encontrou “evidências convincentes que favoreçam uma explicação extraterrestre”.

“A nossa descoberta-chave é que as propriedades de Oumuamua são consistentes com uma origem natural, uma explicação estranha não se justifica”, disse Knight, que é também co-autor do estudo agora publicado. No entender dos cientistas, o Primeiro Mensageiro é fruto de uma série de processos naturais.

Mas se não é uma nave espacial, o que poderá ser? O cientista aponta para algo semelhante cometa, admitindo, contudo, que não há ainda uma resposta aceite de forma universal. “Os sinais apontam que Oumuamua é um objeto natural, talvez algo semelhante a um cometa (…) Mas não há alienígenas”, frisou o especialista.

O Oumuamua foi detetado pela primeira vez pelo telescópio Pan-STARRS1 da Universidade do Havai em 14 de outubro de 2017. O objeto, com cerca de 800 metros de comprimento, esteve sob o olhar atento dos astrónomos até 2 de janeiro de 2018, data em que ficou muito fraco para ser detetado, mesmo recorrendo a telescópios poderosos.

Apesar de a equipa afirmar que descobriu a sua origem, os cientistas admitem que não sabem ainda como classificá-lo. “Evitamos colocá-lo numa dessas caixas e preferimos chamá-lo de ‘objeto genérico”, explica Knight.

De acordo com investigadores, um “explicação direta [apresentada na investigação] é que a Oumuamua é um planetesimal [um objeto sólido que se estima existir nos discos protoplanetários]”, um bloco de construção planetário, ou um fragmento do mesmo, formado num sistema estelar distante.

A sua composição é outro dos mistérios apontados pelo cientista, que não sabem ainda se o corpo consiste apenas numa rocha ou se incluiu algum metal ou outros ingredientes.

  ZAP //

PARTILHAR

2 COMENTÁRIOS

  1. Pouco esclarecedor. Mais claro sobre o que não se sabe, que parece ser quase tudo, do que do que se sabe, que parece ser quase nada.

RESPONDER

FCSH diz que "não existe matéria que comprometa a integridade" do CV de Raquel Varela

O Conselho Científico da FCSH da Universidade Nova de Lisboa diz que não há "matéria que comprometa a integridade" do CV da investigadora Raquel Varela. A investigadora Raquel Varela viu-se envolvida numa polémica depois de ter …

Mexidas no PSD já se fazem sentir no pagamento de quotas dos militantes

Para além de no Conselho Nacional se ter superiorizado a Rio com os conselheiros a chumbarem o adiamento das eleições internas, Rangel conseguiu outra vitória que passou despercebida a alguns: o prolongar de prazos das …

No Reino Unido, o aumento de infeções está a causar preocupação. O que explica este cenário?

No Reino Unido, os casos e internamentos estão a subir, sendo que alguns especialistas já apelam a um regresso de algumas restrições antes do inverno. Mas o que pode estar a causar este aumento dos …

Flamengo acelera compra do Tondela e planeia chegar à Champions em sete anos

O Flamengo quer concluir a compra do Tondela até ao final do ano e planeia levar o clube à Liga Europa dentro de quatro anos e à Champions dentro de sete a oito anos. Num modelo …

Há hospitais em "estado de calamidade" por todo o país

Os presidentes das secções regionais da Ordem dos Médicos consideram que a situação que o SNS ultrapassa atualmente não é nova e que é culpa da "ausência de liderança por parte da tutela". A situação de …

O internacional português Cristiano Ronaldo a festejar um golo.

"O Teatro dos Sonhos está a arder" e Ronaldo foi o piromaníaco da reviravolta

Cristiano Ronaldo fez o golo que deu a vitória ao Manchester United, esta quarta-feira, frente à Atalanta. Bruno Fernandes também esteve em destaque. O Manchester United recebeu e venceu a Atalanta por 3-2, num jogo que …

Restos mortais encontrados junto a pertences do namorado de Petito em parque da Flórida

O FBI divulgou esta quarta-feira que foram encontrados restos mortais junto a alguns pertences do namorado de Gabby Petito. Brian Laundrie continua desaparecido desde setembro. Segundo noticia a Reuters, a descoberta ocorreu no Parque Ambiental Myakkahatchee …

Costa arrasa modelo de leilão do 5G "inventado" pela Anacom: é o "pior possível"

O primeiro-ministro considerou esta quarta-feira que o modelo de leilão para a quinta geração de comunicações móveis (5G) “inventado pela Anacom” é o “pior possível”, razão pela qual está a provocar um “atraso imenso” ao …

Lope Martín: O marinheiro afro-português que "abriu" o Pacífico e foi apagado da História

Lope Martín foi um marinheiro afro-português, injustamente acusado de traição, que foi primeiro a navegar das Américas para a Ásia e voltar. Entre 1415 e 1543, uma série de conquistas foram feitas por Portugal em viagens …

A presidente da Comissão Europeia, Ursula von der Leyen

Estado de Direito na Polónia ameaça tornar cimeira da UE "numa das mais difíceis"

A situação do Estado de direito na Polónia ameaça perturbar uma cimeira que tem uma agenda oficial já muito carregada. Os líderes da União Europeia (UE) reúnem-se em Bruxelas numa cimeira com uma agenda preenchida, dominada …