O cérebro cresce na idade adulta

Um grupo de cientistas da Faculdade de Medicina da Universidade Stanford, nos EUA, percebeu que a região do cérebro relacionada com o reconhecimento de caras continua a crescer, em crianças e adultos.

A descoberta é surpreendente, pois até aqui os especialistas pensavam que o desenvolvimento cerebral estagnava na idade adulta.

Até agora, pensava-se que o desenvolvimento cerebral ocorria exclusivamente por um processo chamado de “poda sináptica”. Trata-se de um mecanismo de destruição das sinapses (ligações entre os neurónios) que são raramente usadas, abrindo o caminho para o desenvolvimento de sinapses mais fortes e eficazes.

Esta foi a primeira vez que uma investigação encontrou provas de que o tecido nesta parte do cérebro, chamada giro fusiforme, aumenta da infância à fase adulta. As pesquisas anteriores sugeriam que a maior parte das mudanças no tecido cerebral ocorria durante a infância (de 0 a 2 anos) e envolvia poda sináptica ou diminuição do tecido.

A poda sináptica elimina ligações sinápticas desnecessárias de modo a que seja criado espaço para as novas memórias relevantes.

Para chegarem ao resultado, que está a fazer a ciência repensar o desenvolvimento anatómico do cérebro através dos anos, os cientistas recrutaram 22 crianças e 25 adultos.

Estes foram submetidos a testes de memória de reconhecimento visual de faces e lugares e aos exames de ressonância magnética funcional e ressonância magnética quantitativa.

A ressonância magnética funcional serviu para identificar, em cada voluntário, as regiões do cérebro ativadas durante atividades de reconhecimento facial e durante atividades de reconhecimento de lugares.

Já com a ressonância magnética quantitativa, os cientistas mediram a quantidade de tecido cerebral presente nessas regiões anteriormente identificadas como responsáveis pelo reconhecimento de faces e lugares.

Ao comparar os resultados obtidos em crianças e em adultos, foi possível verificar que a área responsável pelo reconhecimento de faces continua a crescer nos adultos. No entanto, o mesmo não ocorre com a área responsável pelo reconhecimento de lugares.

A investigação envolveu dois estudos, que foram publicados nas revistas científicas Science e Cerebral Cortex.

Segundo os cientistas, esta descoberta pode ser útil para o futuro na medida em que pode ser utilizada para examinar como o cérebro muda durante o envelhecimento e para observar outras partes do cérebro.

Além disso, este método pode permitir examinar a origem cerebral de outros défices visuais, como défices de leitura ou défice no processamento de faces que ocorre, por exemplo, no autismo.

ZAP // Move

PARTILHAR

RESPONDER

Esta é a cidade com mais Alzheimer do mundo (e a culpa é de uma estranha mutação genética)

Na Colômbia, os habitantes da cidade de Yarumal parecem estar condenados a uma maldição que os faz esquecerem-se da sua vida, morrendo pouco tempo depois do início dos sintomas. Milhares de pessoas, pertencentes a apenas 25 …

Idosa de 93 anos recuperou de Covid-19 (e há 6 crianças em estado grave no Dona Estefânia)

Uma mulher de 93 anos que esteve internada em Lisboa, com Covid-19, recuperou da infecção ao cabo de 11 dias. Enquanto isso, há seis crianças com idades entre 4 meses e 17 anos que estão …

"Grande erro" da Europa é não usar máscaras, considera especialista chinês

George Gao, diretor dos Centros de Controlo e Proteção de Doenças da China (CDC), considera que o "grande erro" da Europa no combate à pandemia de covid-19 é o facto de as pessoas não usarem …

Obama critica de Trump. "Cada um de nós deve exigir mais dos nossos líderes"

O ex-Presidente norte-americano, Barack Obama, considerou esta terça-feira que o seu sucessor, Donald Trump, ignorou os avisos sobre os riscos de uma pandemia do novo coronavírus, e recordou o mesmo comportamento quanto às alterações climáticas, …

Covid-19. Hotel cinco estrelas na Austrália vai acolher sem-abrigo

A Austrália vai levar a cabo um projeto piloto que visa retirar das ruas alguns sem-abrigo e transferi-los para hotéis de luxo, protegendo-os assim do novo coronavírus oriundo da China (Covid-19).  O projeto, Hotels With Heart, …

Red Bull equacionou infeção voluntária dos seus pilotos

Um responsável da Red Bull admitiu que propôs aos pilotos da marca austríaca, que participa no Mundial de Fórmula 1, uma estratégia de infeção voluntária de covid-19, visando ficarem imunes no início da temporada. Helmut Marko …

TAP avança com lay-off para 90% dos trabalhadores (e reduz atividade para cinco voos semanais)

Numa mensagem enviada aos seus funcionários, a TAP revelou que vai mesmo avançar com um processo de 'lay-off' para 90% dos trabalhadores e com a redução do período normal de trabalho em 20% para os …

Estado vai devolver 3 mil milhões em reembolsos do IRS

O Estado vai devolver 3 mil milhões de euros aos contribuintes em reembolsos do IRS, cuja entrega arranca esta quarta-feira e se estende até 30 de junho. A informação foi avançada pelo ministro de Estado, …

Há quatro infetados no sistema prisional. Estão todos em isolamento domiciliário

O Ministério da Justiça revelou esta terça-feira que aumentou para quatro o número de infetados com covid-19 no sistema prisional e que estão todos em isolamento domiciliário segundo indicação da saúde pública. Em comunicado, o Ministério …

Sousa Cintra diz que Rafael Leão "não ficou no Sporting porque foi apertado"

Sousa Cintra, ex-líder da SAD do Sporting no tempo da Comissão de Gestão, lamenta a rescisão do jogador Rafael Leão, considerando que "ele não continuou porque foi apertado". O jovem jogador foi, recentemente, condenado a …