Carvalhal explica porque é que disse “não” ao Flamengo

Hugo Delgado / Lusa

Carlos Carvalhal explicou, em entrevista ao Esporte Interactivo, porque é que recusou o convite para treinar os brasileiros do Flamengo. “Não foi uma questão de não querer, foi não poder”, explicou o técnico, que agora orienta o SC Braga.

Em entrevista ao canal brasileiro, o treinador português explicou que se viu obrigado a dizer “não” ao lugar deixado por Jorge Jesus no Flamengo por causa da sua família,

“Antes de mais, quero dizer que não se recusa um clube como o Flamengo. É um dos melhores clubes do mundo e só uma circunstância especial faz um treinador não poder aceitar um convite destes. Não foi uma questão de não querer, foi não poder”, disse.

“Apresentaram-me o projeto numa reunião em Lisboa e fiquei encantado. Estava entusiasmado e decidido a aceitar o convite, mas surgiu um contratempo”.

“Já trabalhei na Grécia, nos Emiratos Árabes Unidos, em Inglaterra e na Turquia e nunca viajei contra a vontade da minha família. Foi sempre com a concordância [da minha família]. Desta vez, e devido à covid-19, criou-se impasse“, continuou, dando conta que a sua família foi o principal motivo pelo qual rejeito o convite.

“Houve muita resistência e não posso sair de casa sem a concordância da minha família. Por muito bom que seja o projeto e até a questão financeira, que é o menos importante, não podia fazer isso. Fiquei extremamente desapontado. Há situações na vida que transcendem a nossa vontade. Não foi possível naquele momento, as circunstâncias no futuro podem mudar e quem sabe se amanhã não poderei trabalhar no Brasil”, confessou.

Já em agosto do ano passado, o treinador do SC Braga admitiu, em declarações ao BT Sport, que foi muito difícil rejeitar o convite do clube do Rio de Janeiro.

“Foi difícil dizer que não ao Flamengo. Não só pela proposta, mas por causa do futebol e do clube. É um dos maiores do mundo, é o maior da América do Sul… Há momentos na vida em que temos de tomar decisões e esta foi uma dessas vezes”, explicou.

Ainda ao Esporte Interactivo, revelou que esta não foi a primeira vez que recebeu uma proposta de um clube brasileiro: quando estava no Rio Ave, recebeu também uma proposta do RB Bragantino de São Paulo.

“Fui contactado e tivemos umas reuniões. Nessa altura estava no Rio Ave. Falámos sobre as ideias e formas de jogar que pretendiam para o clube. Na altura fiquei animado, mas depois o timing fugiu. Estava apostado em fazer algo único no Rio Ave e conseguimos, com a melhor pontuação de sempre do clube e um lugar na Liga Europa”, concluiu.

ZAP ZAP //

PARTILHAR

RESPONDER

"Os dados de milhões de pessoas estão em risco", alertam denunciantes da Amazon

Denunciantes da Amazon alertam que os dados de milhões de pessoas estão em risco devido à falta de preocupação da empresa com a cibersegurança. A par da Google, Apple, Microsoft e Facebook, a Amazon é uma …

Mais 41 mortes e 718 novos casos de covid-19 nas últimas 24 horas

Portugal registou, este domingo, mais 41 mortes e 718 novos novos casos de infeção pelo novo coronavírus, segundo o boletim epidemiológico da Direção-Geral da Saúde (DGS). De acordo com o último boletim da DGS, dos 718 …

Navalny chega a colónia penal a leste de Moscovo

O principal opositor do Kremlin chegou, este domingo, a uma zona a cerca de 200 quilómetros a leste de Moscovo para ser transferido para uma colónia penal onde vai cumprir a sua pena, informou um …

Já chegou o voo de repatriamento com 300 passageiros vindos do Brasil

O voo de repatriamento vindo do Brasil chegou, este domingo de manhã, ao Aeroporto Humberto Delgado, em Lisboa, com cerca de 300 passageiros. De acordo com a RTP, o voo de repatriamento vindo de São Paulo, …

Costa imune ao descontrolo da pandemia. Popularidade de Marcelo dispara

A sondagem TSF/JN/DN regista uma avaliação positiva do primeiro-ministro e do Presidente da República, com este a atingir um novo pico de popularidade. Os líderes do PSD e do Chega surgem empatados como principais figuras da …

Mais seis mortos nos protestos em Myanmar. Embaixador na ONU afastado

Seis manifestantes foram mortos em Myanmar, este domingo, por forças de segurança que dispersavam com violência as manifestações pró-democracia. Três manifestantes foram mortos em Dawei (no sul do país), enquanto dois adolescentes, de 18 anos, morreram …

Siza Vieira anuncia que Programa Apoiar vai ser reforçado e alargado

O programa Apoiar, destinado a empresas afetadas pela pandemia da covid-19, vai ser reforçado e alargado a novas situações, anunciou o ministro da Economia, indicando que as medidas vão ser anunciadas na próxima semana. "Queremos reforçar …

Embaixadora deixa Venezuela na terça-feira. UE chama embaixador em Cuba

A embaixadora da União Europeia na Venezuela vai sair do país na terça-feira, informou à agência Lusa fonte diplomática europeia, sem adiantar mais detalhes. Na última quarta-feira, a Venezuela decidiu expulsar Isabel Brilhante Pedrosa, em retaliação …

EUA aprovam vacina unidose da Johnson & Johnson. Nova Zelândia volta ao confinamento

O regulador do medicamento norte-americano aprovou, este sábado, a vacina contra a covid-19 da Johnson & Johnson, a terceira autorizada nos Estados Unidos. A vacina em causa da Johnson & Johnson é de dose única e junta-se …

Estes traços psicológicos podem ajudar a identificar pessoas vulneráveis ao extremismo

As características dos cérebros das pessoas podem oferecer pistas sobre as suas crenças políticas, sugere um novo estudo científico. Num estudo com cerca de 350 cidadãos norte-americanos, uma equipa de investigadores examinou a relação entre as …