Carros novos vão ter sistema que “bloqueia” condutores alcoolizados a partir de 2022

A Comissão Europeia vai implementar uma série de medidas de segurança nos automóveis, que serão obrigatórias de forma progressiva a partir de 2022, com objetivo de evitar 25 mil mortes em acidentes rodoviários e 140 mil feridos graves num período de 15 anos.

Segundo avançou o El País, citado pelo Jornal Económico no sábado, o calendário já foi definido pela União Europeia e será desenvolvido em três fases durante seis anos, através de um regulamento denominado GSR (abreviatura em inglês de regulamento geral de segurança) e que deve ser aprovado e publicado antes do fim do ano.

De acordo com a notícia, a primeira fase da implementação dos sistemas de segurança será iniciada em maio de 2022 para os novos modelos autorizados e no mesmo mês de 2024 para todos os carros matriculados.

Essa primeira etapa contempla um limitador de velocidade inteligente (avisa os condutores quando excede a velocidade permitida, um alcoolímetro incorporado ao veículo com um imobilizador (impede o arranque do automóvel quando os limites legais estabelecidos para a condução são ultrapassados) e um dispositivo de paragem de emergência (facilita a sinalização e imobilização do veículo na estrada sem ter de sair para o exterior).

Além disso, integra ainda um aviso de falta de atenção ao volante e detetor de sintomas de sonolência (avisando o motorista quando há um risco de acidente por estas razões), um sistema automático de manutenção das vias (para evitar deslocamentos involuntário na estrada), uma câmara traseira (que permite a visualização de pessoas e obstáculos) e sistemas de proteção traseira e lateral.

A segunda fase do plano irá coincidir com a anterior, tornando obrigatórios os seguintes sistemas em todas as novas homologações desde maio de 2024 e em 2026 para todos os carros registados: sistema autónomo de travagem de emergência (capaz de detetar os utentes vulneráveis da estrada), expansão da área frontal de impacto para proteção de peões e sistemas de assistência que permitem uma condução mais automática, capaz de ajudar o motorista em caso de distração.

A terceira e última fase destina-se exclusivamente a camiões e autocarros, com prazos de novembro de 2025 para as novas homologações e 2028 para todas as vendas, com referência a um sistema de visão direta para melhorar a visibilidade e reduzir ângulos mortos, além de gravar dados automáticos (popularmente conhecidos como caixa preta) para esclarecer as causas de um possível acidente.

TP, ZAP //

PARTILHAR

2 COMENTÁRIOS

  1. A Comissão Europeia tem é que implementar este sistema na própria comissão, para nos livrar de cenas como as do seu presidente – o esquentador luxemburgues Junker.

Militares portugueses já salvaram mais de 14 mil migrantes no Mediterrâneo

Marinha, Polícia Marítima e Unidade de Controlo de Costa da GNR, ao serviço da agência Frontex, no sul de Espanha e de Itália, já resgataram 14.151 migrantes no Mediterrâneo desde 2014. As equipas militares portuguesas, a …

Estudantes de Medicina dizem adeus ao "terrível" Harrison

Mais de 2.700 recém-licenciados de Medicina realizaram, esta segunda-feira, a Prova Nacional de Acesso (PNA), que substitui o "terrível" Harrison. Esta segunda-feira, mais de 2.700 candidatos responderam pela primeira vez a 150 questões da Prova Nacional …

Vítimas de legionella de Vila Franca de Xira reclamam 2,6 milhões ao Estado

A Associação de Apoio às Vítimas do Surto de Legionella de Vila Franca de Xira reclama uma indemnização de 2,6 milhões de euros por falhas e omissões de entidades públicas em relação às vítimas que ficaram …

Pelo menos três mortos em tiroteio em supermercado no Oklahoma

Pelo menos três pessoas morreram, esta segunda-feira, num tiroteio num supermercado da cadeia Walmart em Duncan, cidade do Estado norte-americano Oklahoma. O responsável da polícia de Duncan, Danny Ford, citado pela televisão local TNN-ABC, indicou que …

Benfica tem 125 jogadores com contrato profissional. Sporting tem 123 e o FC Porto só 80

O Benfica tem assinado contratos profissionais com cada vez mais jogadores, ao longo dos últimos anos. Actualmente, o clube da Luz tem contrato com 125 atletas. O Sporting está lá perto, com vínculos profissionais com …

Rússia está a negociar a troca de espiões ao estilo do que acontecia na Guerra Fria

A Rússia, a Noruega e a Lituânia realizaram recentemente uma troca de espiões, garantindo o retorno de vários agentes capturados aos seus países de origem. De acordo com chefe da contrainteligência lituana, citado pelo Moscow Times, …

"Totalmente depauperado". Bruno de Carvalho pede dispensa das sessões de julgamento

O ex-presidente do Sporting, que disse ser comentador desportivo, pediu dispensa das sessões, alegando não ter meio de transporte e estar completamente "depauperado". Arrancou, esta segunda-feira, no Tribunal de Monsanto, em Lisboa, o julgamento de 44 …

Nike deixa de vender produtos através da Amazon

A marca desportiva Nike vai deixar de vender as suas peças de roupa e calçado diretamente através da Amazon, acabando com um contrato firmado em 2017, no qual concordava em vender uma variedade limitada de produtos …

Marco António Costa apoia Pinto Luz. Cavaco também era “improvável e desconhecido”

O antigo vice-presidente do PSD declarou, esta segunda-feira, o seu apoio ao candidato Miguel Pinto Luz, afirmando que, em 1985, Cavaco Silva também foi um vencedor "improvável e desconhecido". "Em maio de 1985, o Governo de …

Veneza com "centenas de milhões" de euros de prejuízo por causa das cheias

A cidade de Veneza, com inundações nos últimos dias, voltou este domingo a registar uma maré alta, mas de menor magnitude, tendo as chuvas intensas que afetam Itália levado a alertas para as cidades de …