O primeiro carro movido a energia solar começou a ser produzido

2

Lightyear 0

O Lightyear 0, o primeiro carro do mundo movido a energia solar, começou a ser produzido pela empresa neerlandesa que lhe dá o nome.

A Lightyear, que passou os últimos seis anos a desenvolver tecnologias para criar o veículo elétrico, entrou na fase de produção, segundo um comunicado da empresa, citado pelo Interesting Engineering.

À medida que o mundo avança para os transportes elétricos, novos desafios estão a ser lançados. Ao contrário dos veículos movidos por motores de combustão, os elétricos requerem infraestruturas específicas e tempo para carregar as baterias. Os avanços nas baterias têm reduzido os tempos de carregamento nos últimos anos.

O fundador e CEO da Lightyear, Lex Hoefsloot, acredita que as infraestruturas de carregamento não vão conseguir acompanhar a rápida transição para os veículos elétricos. Os veículos ligeiros movidos a energia solar, porém, não estarão dependentes dessas infraestruturas.

O Lightyear 0 tem um cabo que permite ligar a qualquer tomada elétrica. A bateria do carro é de 60 kW por hora e promete uma autonomia de 463 quilómetros com uma única carga. Combinado com a energia solar disponível através de painéis duplos, o Lightyear 0 pode percorrer até 695 quilómetros de uma só vez.

Sendo improvável que o condutor consuma diariamente o total da bateria, os painéis continuam a carregar o Lightyear 0 e a acrescentar mais quilómetros à sua autonomia. Com base num trajeto médio de 35 quilómetros, pode andar durante dois meses antes de precisar se novamente ligado a um carregador.

A Lightyear associou-se à Valmet Automotive, sediada na Finlândia, para a produção. A Valmet tem mais de uma década de experiência na criação de veículos elétricos e as suas colaborações anteriores incluem grandes nomes da indústria automóvel, como a Mercedes Benz, a Porsche, e a Saab.

Nesta fase, será produzido um carro por semana. No ano passado, a empresa informou que estava a trabalhar num sucessor para o Lightyear 0, mais acessível, que se espera que venha a exigir um acesso menor à carga elétrica.

“O início da produção do Lightyear 0, o primeiro carro solar, aproxima-nos da nossa missão de mobilidade limpa para todos, em todo o lado”, disse Lex Hoefsloot, no comunicado de imprensa. “Podemos ser os primeiros a conseguir, mas espero que não sejamos os últimos”, concluiu.

  ZAP //

2 Comments

Deixe o seu comentário

Your email address will not be published.