O candidato que não chegou a ser lança um livro e conta tudo

(dr)

Joaquim Jorge ia ser. Mas depois não foi, não chegou a ser. O biólogo e fundador do Clube dos Pensadores vai fazer a sua “última intervenção pública”. E sobre o assunto, segundo conta ao ZAP, “não tecerá mais comentários”.

No concelho de Matosinhos, foi aprovado cinco vezes. O passo seguinte para ser reconhecido como candidato à Câmara de Matosinhos para as autárquicas, que se realizam a 1 de outubro, seria fazer chegar o nome do independente Joaquim Jorge para ser aprovado na distrital do PSD, mas isso nunca aconteceu e entretanto o nome caiu. Porquê?

Foi a convite do presidente da concelhia do PSD de Matosinhos, José António Barbosa, que Joaquim Jorge ponderou aceitar o convite “inesperado”. Depois de ter sido aprovado, a distrital questionou a última votação por não ter sido feita por voto secreto.

Desde o início que a candidatura “que não chegou a sê-lo” do biólogo esteve envolta em polémica: numa das votações na concelhia, António José Barbosa, presidente, teve que usar o voto de qualidade para desempatar a votação. No entanto, a decisão foi polémica, já que havia quem questionasse o uso do voto do presidente.

Dentro do partido – ao qual Joaquim Jorge nunca se associou, por se considerar independente -, havia discórdia e, na altura, diz o jornal Sol, uma fonte social democrata referiu-se ao biólogo como uma “pessoa que deu uma entrevista a um jornal local a dizer que em Matosinhos só o PS ganhava“.

“Quando disse que o PS ganhava sempre em Matosinhos, foi muito antes de me passar pela cabeça ser candidato. E não disse mentira nenhuma“, explica o biólogo ao ZAP.

A verdade é que o independente Joaquim Jorge – ex-militante socialista, desfiliado das hostes do PS desde 2008, após ter alegado que a vida partidária não era aliciante – nunca chegou à luta pela presidência da Câmara Municipal de Matosinhos, com o nome do médico Jorge Magalhães, antigo vereador da Câmara de Matosinhos no mandato de 1997/2001, a surgir em seu lugar.

Joaquim Jorge considera que esta corrida – agora perdida – foi mais difícil para si por não ter cartão de militante do PSD.

Na altura da apresentação do candidato da coligação PSD/CDS para as autárquicas de Matosinhos, o presidente da concelhia demitiu-se em rutura com a distrital e levou consigo mais 13 pessoas.

Agora, toda a jornada é contada na primeira pessoa, ao longo de 90 páginas. No livro – “CANDIDATO que não chegou a sê-lo” – que será apresentado esta quinta-feira, às 21h30, na FNAC do NorteShopping, está inserida uma carta enviada ao líder do PSD, Pedro Passos Coelho, e outra ao presidente da distrital do PSD do Porto, Bragança Fernandes.

Joaquim Jorge garante que Pedro Passos Coelho, por quem tem “grande estima”, lhe respondeu à carta com um telefonema, não querendo revelar o teor da conversa.

Com a candidatura à Câmara, Joaquim Jorge queria uma oportunidade para colocar em prática “o ativismo cívico e a forma de pensar a democracia” já há 11 anos “através do debate no Clube dos Pensadores”.

Apesar de sentir um “misto de impotência e alívio”, o biólogo diz que vai continuar “transparente, livre, independente e insubmisso”.

CF, ZAP //

PARTILHAR

RESPONDER

EUA apresentam plano de paz para o Médio Oriente já condenado pela Palestina

O Presidente dos Estados Unidos (EUA), Donald Trump, apresenta esta terça-feira o seu plano de paz para o Médio Oriente, após reuniões com líderes israelitas, que poderá estar condenado ao fracasso, perante a rejeição dos …

Vacina chinesa para o coronavírus pode começar a ser testada em menos de 40 dias

A equipa chinesa que trabalha no desenvolvimento de uma vacina para combater o coronavírus de Wuhan disse que espera poder começar os testes em menos de 40 dias, informou a agência estatal Xinhua. Pelo menos 106 …

Netanyahu anuncia retirada da sua imunidade parlamentar

Benjamin Netanyahu retirou o pedido de imunidade ao Parlamento israelita contras as três acusações de que foi alvo em novembro, que envolvem casos de corrupção, fraude e abuso de confiança. O primeiro-ministro de Israel disse, em …

Vitória já tem proposta por Tapsoba (e pode fazer encaixe histórico)

O Vitória de Guimarães recebeu uma proposta por Edmond Tapsoba que pode levar os vimaranenses a abrir mão do jogador. Sabe-se que a proposta recebida ronda os 20 milhões de euros. A notícia avançada esta terça-feira …

Livre exige que património das ex-colónias em museus portugueses seja devolvido

O Livre quer que todo o património das ex-colónias, presente em território português, possa ser restituído pelos países de origem de forma a “descolonizar” museus e monumentos estatais. O partido da papoila quer que o património …

Pedro Sánchez usou helicóptero que procurava homem desaparecido

O primeiro-ministro espanhol requisitou, na passada quinta-feira, um helicóptero que estava a ser utilizado nas operações de busca de um homem de 34 anos que estava desaparecido em Maiorca. De acordo com o jornal espanhol ABC, tratava-se …

Isabel dos Santos contrata advogados de Ronaldo, Meghan e J. K. Rowling

Isabel dos Santos decidiu esta segunda-feira processar o consórcio de jornalistas. Para tal, contratou a mesma firma de advogados que conta com clientes como Cristiano Ronaldo, Harry e Meghan Markle e J. K. Rowling. Depois de …

ERC dá parecer favorável à nova direção de informação da RTP

A Entidade Reguladora para a Comunicação (ERC) deu, esta segunda-feira, "parecer favorável à nova direção de informação da RTP", 20 dias depois de a equipa liderada por António José Teixeira ter sido indigitada. O Conselho Regulador …

OE2020. BE quer fim do regime "aberrante" dos vistos gold

O BE destacou, entre as cerca de 200 propostas de alteração que apresentou ao Orçamento do Estado, o fim do regime dos ‘vistos gold’ e a obrigação de qualquer injeção de capital no Novo Banco …

Após 20 anos de silêncio, sinos e carrilhões de Mafra voltam a tocar

Os sinos e os carrilhões do Palácio de Mafra vão tocar a partir de 1 de fevereiro, após obras de restauro, depois de os primeiros sinais de deterioração surgirem a 11 de setembro de 2001, …