Bruno Lage faz mea culpa. Sérgio Conceição mostra-se solidário

José Sena Goulão / Lusa

Bruno Lage, treinador do Benfica

O treinador de futebol do Benfica retratou-se este domingo das declarações proferidas na terça-feira, após a derrota com o Santa Clara, quando questionou quem andaria a pagar refeições e viagens a alguns jornalistas.

O técnico dos encarnados fez questão de abordar o assunto, no Seixal, logo a abrir a conferência de imprensa de antevisão da partida de segunda-feira, da 29.ª jornada da I Liga, frente ao Marítimo, para lamentar que as suas palavras tenham “causado alguma confusão” e garantir que nunca foi sua intenção ofender alguém.

“As minhas declarações foram feitas em função de uma pergunta que se tem repetido constantemente e nunca foi minha intenção, desde que sou treinador, ofender alguém. Por isso, se essas declarações, em função de uma pergunta muito específica, ofenderam alguém, e parece que sim, aqui estou eu a lamentar o sucedido e a retratar-me no local próprio”, disse o técnico antes de avisar que não voltaria a falar sobre o assunto.

Na terça-feira, em conferência de imprensa, após a derrota do Benfica com o Santa Clara (4-3), para a I Liga, no Estádio da Luz, Bruno Lage foi questionado sobre uma eventual demissão do cargo de treinador dos ‘encarnados’, acabando por lançar suspeitas sobre a idoneidade dos jornalistas e acusando-os de cederem a “almoços, jantares e viagens”.

Perante estas acusações, o Sindicato dos Jornalistas (SJ) emitiu um comunicado, na quarta-feira, no qual pediu “ao treinador que apresente as provas que sustentam as suas suspeitas, que são graves e põem em xeque toda uma classe profissional”.

“Na ausência dessas provas, o SJ exige a Bruno Lage que se retrate publicamente e ao Benfica que se demarque das declarações do treinador. As considerações de Bruno Lage, com a visibilidade que o futebol lhe confere, não podem ficar sem um cabal esclarecimento, a bem da verdade jornalística e desportiva”, vincou o organismo.

Também na quarta-feira, a Associação dos Jornalistas de Desporto (CNID) repudiou as “declarações inaceitáveis, de qualquer ponto de vista”, do treinador do Benfica e instou o treinador a que “rapidamente” se retratasse.

Lage recusa comentar rumores

Na mesma conferência de imprensa, na antevisão da partida com o Marítimo, da 29.ª jornada da I Liga, Bruno Lage deixou claro que “disputar o campeonato e a final da Taça de Portugal” são os seus planos imediatos ao leme do Benfica.

Antes de viajar para a Madeira, o técnico encarnado repetiu a mesma ideia em resposta a quatro perguntas distintas, numa conferência de imprensa, no Seixal.

Bruno Lage garantiu que não se sente um treinador a prazo no Benfica, rejeitou comentar as notícias que dão conta de contactos do clube da Luz com Jorge Jesus e considerou que o resultado da partida de segunda-feira não é decisivo para a sua carreira, aproveitando sempre para vincar a intenção de “disputar o campeonato e a Taça de Portugal”.

O técnico considerou, também, que a sua mensagem continua a passar “não só para os jogadores que estão no Benfica, como também para os que estiveram”, aproveitando a ocasião para enviar um abraço a Jonas, antigo avançado do clube de que quem disse ter recebido recentemente uma mensagem de incentivo.

Conceição mostra-se solidário

Bruno Lage disse ainda que recebeu “com agrado” as palavras de solidariedade de Sérgio Conceição, e fez questão de enviar “um abraço” ao treinador do FC Porto.

Instantes antes, o técnico dos dragões aproveitou a sua própria conversa com os jornalistas, no Olival, para expressar o seu desagrado pela forma como Bruno Lage tem vindo a ser falado nos últimos dias, quando dizia que no balneário portista não se fala na crise de resultados do Benfica.

“Ele [Sérgio Conceição], melhor do que ninguém, pela carreira que teve e tem, sabe o que é esta vida. Também passou por esta situação recentemente e eu também não fiquei feliz. É sinal de que aqui não há inimigos, há adversários. Um abraço para ele e só não lhe desejo sorte, porque a sorte dele não é a minha”, agradeceu Bruno Lage.

O técnico ‘encarnado’ fez questão de deixar o agradecimento antes de abandonar a sala de imprensa do Benfica Futebol Campus, no Seixal.

“Temos o nosso trajeto e percurso. Sinceramente, no balneário não se fala disso [na crise  do Benfica]. Estamos focados, temos bom espírito, seriedade e consciência das dificuldades até ao fim, para ganhar dois títulos importantes”, começou por dizer Conceição.

“Não gosto da forma como está ser discutido Bruno Lage, Não gosto. Mas faz parte deste mediatismo todo do futebol. Não gosto de ver um colega de profissão, seja quem for – o Lage, o Pepa, o [Nuno] Manta – a ser assim tratado. São treinadores e meus colegas de profissão”, rematou o técnico do FC Porto.

ZAP // Lusa

PARTILHAR

2 COMENTÁRIOS

  1. De quem tem constado até agora haver certos pagamentos a pessoas ligadas ao desporto tem sido o clube dele, mas não tem passado daí, porque neste país existem pessoas e organismos intocáveis, a nós resta-nos ficar na dúvida e na desconfiança.

  2. Ainda bem,este Lage não tem capacidade de treinar o Benfica nem o Vieira para gerir o Benfica.São dois falidos que levaram o clube à pouca vergonha que se encontra.

RESPONDER

"Tão lentamente quanto humanamente possível". Site simula como era usar a Internet nos anos 90

Se é jovem e gostaria de experimentar as velocidades lentas da Internet dos anos 90, está com sorte. Um novo site simula a experiência dolorosa à qual já não estamos habituados com as redes atuais. Nos …

Novembro vai ser “muito duro e muito exigente” (e fechar escolas seria uma "grande falta de respeito")

O primeiro-ministro, António Costa, avisou hoje que “convém não criar falsas expectativas”, porque novembro vai ser “muito duro e muito exigente”, sendo maior a probabilidade de, daqui a 15 dias, acrescentar mais concelhos à lista …

O Torsus Praetorian é o autocarro mais radical de sempre (e não permite faltas à escola)

Cheias, árvores caídas ou tempestades. Há muitas razões para faltar à escola ou, neste caso, haviam. É que a Torsus lançou um novo autocarro capaz de enfrentar todos os obstáculos e transportar as crianças até …

Spot, o cão-robô, visitou Chernobyl (e analisou os seus níveis de radiação)

Uma equipa de engenheiros da Universidade de Bristol visitou a Central Nuclear de Chernobyl na semana passada para testar Spot, um robô de quatro patas feito pela empresa norte-americana Boston Dynamics. O Spot é o robô …

Sangue de porco é mais proteico do que qualquer proteína do mercado (e pode ser consumido em smoothies)

Uma equipa de investigadores do departamento de ciência alimentar da Universidade de Copenhaga desenvolveu um método para extrair proteínas do sangue de porco. O resultado é um pó fino, branco, com sabor neutro e com …

Costa anuncia cinco medidas restritivas para 121 concelhos "de elevado risco" e reforços da capacidade de resposta

Após um Conselho de Ministros extraordinário que durou mais de 8 horas, o primeiro-ministro anunciou este sábado novas "medidas imediatas" de combate à pandemia de covid-19. Concelhos "de elevado risco" estão sujeitos a medidas restritivas, …

Escola na China transformou-se num "edifício andante" para evitar a demolição

Os residentes da cidade chinesa de Xangai que, no início deste mês, passaram pelo distrito de Huangpu podem ter encontrado uma visão incomum: um "edifício andante". De acordo com a cadeia de televisão CNN, uma escola primária …

Joke Boon, a chef holandesa que não tem olfato nem paladar

Joke Boon perdeu o paladar e o olfato quando ainda era criança, mas isso não a impediu de viver da culinária, área na qual estes requisitos são, à partida, essenciais.  "Como seria a minha vida se …

Portugal com mais 39 mortos, mais 4007 casos e recorde de internamentos graves

Portugal registou hoje 39 mortos e mais 4.007 casos de novas infeções pelo novo coronavírus, tendo alcançado um novo recorde de 286 doentes internados nos cuidados intensivos por covid-19, segundo a Direção-Geral da Saúde. Registou-se este …

Leiloada carta de Nobel antissemita a desprezar Einstein e os judeus

Uma carta escrita em 1927 pelo Prémio Nobel Philipp Lenard a um colega a reclamar das conquistas de Einstein e do suposto domínio judaico da ciência foi a leilão no Nate D. Sanders Auctions, em …