Bruno de Carvalho pede fim do processo disciplinar para poder ir a eleições

Miguel A. Lopes / Lusa

Bruno de Carvalho, presidente do Sporting

Bruno de Carvalho apelou, esta quinta-feira, ao fim do processo disciplinar de que é alvo por parte do Sporting, reclamando “liberdade” para se poder candidatar às eleições de 8 de setembro.

“Apelo novamente para que parem com os processos disciplinares em curso e que deixem aos sportinguistas a liberdade de se candidatarem e aos outros de poderem escolher quem querem, no próximo dia 8 de setembro, a liderar o clube, incluindo o último presidente e o seu CD [Conselho Diretivo], se tal for a nossa decisão”, escreveu Bruno de Carvalho na sua página no Facebook.

Bruno de Carvalho, o vice-presidente Carlos Vieira e os vogais Rui Caeiro, Alexandre Godinho, José Quintela, Luís Gestas e Luís Roque foram suspensos pela Comissão de Fiscalização nomeada pela Mesa da Assembleia Geral do Sporting e deveriam ter respondido até quarta-feira às notas de culpa dos respetivos processos disciplinares.

“O meu desejo é simples, que se acabe com este processo disciplinar e se permita aos sportinguistas ouvirem todos os que quiserem falar e decidirem o futuro do clube e SAD. E neste momento é muito importante não provocar mais fragmentações do universo leonino. Vamos encarar cada lista com o respeito que merece, pois querer servir o clube não é um ‘crime’, mas sim um ato de paixão“, lê-se na publicação do ex-presidente.

No sábado, numa assembleia geral que reuniu quase 15 mil sócios, a destituição do CD liderado por Bruno de Carvalho foi aprovada com 71% dos votos, na sequência de uma crise iniciada com a perda do segundo lugar da I Liga de futebol e com a invasão da Academia do Sporting, em Alcochete, por cerca de 40 adeptos que agrediram jogadores e elementos da equipa técnica.

Vamos ter a humildade de reconhecer as nossas virtudes e os nossos defeitos. Vamos ter a humildade de receber de braços abertos todos os que queiram apresentar o seu projeto para o Sporting (…). A demonstração de que somos um grande clube em tudo é deixar todos, os que assim o quiserem, sem decisões de ‘secretaria’ contrárias, ir a eleições e ver o seu projeto ser aprovado ou reprovado por quem manda: os associados”.

Até novas eleições para os órgãos sociais, a liderança está a cargo de uma Comissão de Gestão presidida por Artur Torres Pereira, que por sua vez nomeou José Sousa Cintra, antigo presidente do Sporting, para presidir à SAD.

// Lusa

PARTILHAR

4 COMENTÁRIOS

  1. Quando um marido (esposa) encontra a sua metade a traí-lo com outra pessoa e comete um homicídio, comete um atrocidade por paixão à sua cara metade, mas não deixa de ser um crime, classificado como crime passional. Da mesma forma a “paixão” afirmada por este senhor, não deve nem pode ser desculpa para os seus atos… Senão daqui a dia andamos todos “apaixonados” para fazermos o que nos apetecermos…

  2. Só se os sportinguista foram ainda mais LOUCOS que tu. Devias ser irradiado do futebol quanto mais do Sporting! DEvias ser internado casa de LOUCOS para NUNCA mais sair. Agora vens c/ lamechices quando colocas-te o clube no estado em que está? ACABOU a MAMA…

RESPONDER

Marisa Matias critica Centeno por “encabeçar ameaças” a Itália

A eurodeputada Marisa Matias, do Bloco de Esquerda, disse a Mário Centeno, num debate no Parlamento Europeu, que é “desconcertante” vê-lo, enquanto presidente do Eurogrupo, a “encabeçar as ameaças” a Itália, questionando-o se não "há …

Moscovici quer voltar a "tweeetar" com Costa (mas deixa avisos)

O comissário europeu dos Assuntos Económicos, Pierre Moscovici, diz que ficará "encantado" se o primeiro-ministro e seu "bom amigo" António Costa tiver o prazer de voltar a "tweetar". Isto para sublinhar que espera que Portugal …

Não há acordo. Greve dos enfermeiros começa quinta-feira e só acaba no fim do ano

Os enfermeiros mantêm a greve que começa na quinta-feira nos blocos operatórios de cinco hospitais, por falta de acordo com o Governo sobre a estrutura da carreira. A informação foi prestada à Lusa pelos presidentes da …

Próximas eleições portuguesas podem ser marcadas por fake news

A difusão de notícias falsas durante as eleições brasileiras atingiu níveis sem precedentes e o fenómeno chegou também a Portugal, onde se pode estar a preparar uma ação semelhante para as próximas eleições nacionais, alertou …

Proposta de Orçamento mostra um "profundo desconhecimento" do país

A presidente do CDS-PP, Assunção Cristas, considerou esta terça-feira que a proposta de Orçamento do Estado para 2019 (OE2019) mostra um "profundo desconhecimento" e está de "costas voltadas" para o país. "É um Orçamento que mostra …

Caso Khashoggi: Trump mantém-se ao lado da Arábia Saudita

Donald Trump emitiu um comunicado em que se pronunciou sobre o assassinato do jornalista Jamal Khashoggi, revelando que embora condene veemente o crime, a relação dos Estados Unidos é com Reino da Arábia Saudita, "parceiros …

Visita de João Lourenço pode deixar “irritante” entre Portugal e Angola para trás

A primeira viagem de Estado de João Lourenço a Portugal é uma demonstração de que Portugal e Angola "pretendem enterrar o irritante e avançar com os temas da cooperação direta", avança Jornal de Angola. No editorial …

Documento de 2014 previu colapso e aconselhava encerramento da estrada de Borba

Há novos dados que apontam que a tragédia da estrada de Borba, que desmoronou, provocando a morte de 2 pessoas e mais 3 desaparecidas, poderia ter sido evitada. Um memorando de 2014 já previa a …

Noiva adolescente leiloada no Facebook. Rede social só reparou depois do casamento

Uma jovem de 16 anos do Sudão do Sul foi leiloada para casamento no Facebook. Quando a rede social reparou, a jovem já tinha sido comprada e estava casada. De acordo com a organização pelos Direitos …

Défice português “desaparece” em 2020, mas é preciso mais

O défice público de Portugal deve cair para 0,2% do PIB em 2019, como prevê o Governo, e em 2020 deve “desaparecer”, transformando-se num excedente de 0,1% do PIB, defende a OCDE. A organização dos países …