Bruno de Carvalho admite processar o Estado (e quer regressar ao Sporting)

Rodrigo Antunes / Lusa

O antigo presidente do Sporting, Bruno de Carvalho, admitiu processar o Estado português depois de ter sido absolvido de todos os crimes que lhe estavam imputados no ataque à academia de Alcohete.

“Ação ao estado português? Pecuniária, sim?”, disse Bruno de Carvalho, que liderou os leões entre 2013 e 2018, esta sexta-feira na TVI24.

Na mesma entrevista, Bruno de Carvalho considerou que os  “os sportinguistas deviam pensar no que aconteceu e solicitar uma Assembleia Geral” para que o próprio Bruno de Carvalho possa “regressar como associado de plenos poderes“.

“Acho que fiz um excelente trabalho em algo que me acho muito bom”, observou, citado pelo Diário de Notícias. Apesar de considerar que se “fez justiça naquilo que é o processo penal”, recordou que a leitura da sentença e a sua absolvição “não é o fim”.

“Foi muito pesado para mim e para a minha família. Foi um assassínio de caráter. E na rua as pessoas dizem que não foi feita justiça”, continuou, frisando que “a decisão por falta de provas não corresponde à verdade”.  “Esta procuradora tentou por todos os meios defender a tese da acusação. Era sempre o Bruno de Carvalho o tema do julgamento”.

Bruno de Carvalho foi esta quinta-feira absolvido de todos os crimes no julgamento do ataque à Academia de Alcochete. Na leitura do acórdão, que decorreu no tribunal de Monsanto, em Lisboa, o coletivo de juízes presidido por Sílvia Pires considerou que não foram provados os factos apontados a Bruno de Carvalho.

O mesmo coletivo considerou que também não foram aprovados os factos contra Mustafá, ex-líder da claque Juve Leo, e a Bruno Jacinto, oficial de ligação aos adeptos do Sporting.

“Os factos foram dados como não provados (…) Nada se provou contra eles”, disse a juíza na leitura da sentença, citada pelo Público. Quanto a Bruno de Carvalho, detalhou, “não ficou provado que as críticas à equipa tivessem o objetivo de incitar à violência”.

ZAP ZAP //

PARTILHAR

5 COMENTÁRIOS

  1. esse senhor pode não ser o autor moral do crimeem causa mas seria sempre dele, na qualidade de presidente, a responsabilidade máxima de evitar o dia mais negro do SCP, já para não falar nas peripécias pós-Alcochete para se manter no poder e no estado financeiro que deixou o clube, altamente lesado pela sua gestão e pelos danos financeiros provocados pelo ataque que ele como presidente tinha obrigação de antecipar e evitar.

  2. Neste caso, a ausencia de provas nao significa inocencia. Significa que nao se conseguiu provar que é o culpado e é mais uma mancha no servico do ministério público. Este “senhor” devia nesta altura estar engavetado pelo que ocasionou. o que é que ele pode oferecer ao SCP agora?

  3. Não há “provas” ???….mas no mínimo dos mínimos, há “provas” dos comportamentos arruaceiros que tem !…esta do que “façam o que quiserem” ao encontro da claque quer dizer o quê ????

  4. Ele que tenha vergonha e agradeça não estar preso, pois sempre, onde há fumo há fogo, e mais tarde ou mais cedo, como o mar, tudo é devolvido, tudo se vem a descobrir.

RESPONDER

Testes alargados a todas as escolas e passam a contemplar amostras de saliva

Os testes ao novo coronavírus vão abranger todas as escolas de Portugal continental e contemplar a amostra de saliva para a realização dos rastreios laboratoriais, segundo a atualização da norma da Direção-Geral da Saúde (DGS) …

Poeira de asteróide encontrada na cratera Chicxulub encerra caso da extinção dos dinossauros

Uma equipa de investigadores acredita ter encerrado o caso da extinção dos dinossauros após ter encontrado poeira de asteróide na cratera que Chicxulub terá criado há 66 milhões de anos. Desde os anos 1980 que a …

CDS recebeu com "alegria e entusiasmo" candidatura de Moedas a Lisboa

O presidente do CDS-PP afirmou, esta sexta-feira, que o partido recebeu com "grande alegria e entusiasmo" a candidatura de Carlos Moedas à Câmara de Lisboa, considerando que é "um nome forte" e uma "ótima notícia" …

Nem Pote, nem Porro. As estatísticas mostram que Manafá tem sido o melhor em Portugal

O índice de desempenho de uma ferramenta de scouting usada por grandes clubes europeus aponta Wilson Manafá como o jogador em melhor forma da Liga NOS. Não é tecnicamente dotado, nem um favorito dos adeptos. O …

TAP avança com lay-off de um ano a partir de segunda-feira

A TAP vai avançar com um processo de lay-off clássico, que passará por uma redução dos períodos normais de trabalho ou suspensão de contratos, a partir da próxima segunda-feira e durante 12 meses. De acordo com …

Os tigres estão em risco e podem precisar de um "resgate genético"

Os tigres estão sob ameaça e um novo estudo sugere que estes felinos podem precisar de um "resgate genético". O acasalamento entre diferentes subespécies é uma opção. Fragmentação do habitat, conflito entre humanos e vida selvagem, …

Há estranhas nuvens que brilham à noite (e já sabe o que são)

Uma equipa de cientistas usou um pequeno foguete lançado pela NASA para estudar a natureza de um tipo indescritível de nuvens que brilham no escuro, criando uma artificialmente. Desde o final dos anos 1800 que …

Eis o primeiro enxame de (pequenos) buracos negros num aglomerado globular

Uma equipa de cientistas, que esperava encontrar um buraco negro de massa intermédia no coração do aglomerado globular NGC 6397, encontrou, em vez disso, evidências de uma concentração de buracos negros mais pequenos. Por vezes, na ciência, …

Ruth, a "humana digital" da Nestlé ensina como fazer as bolachas perfeitas

Graças à Inteligência Artificial, nasceu Ruth, um "humano digital" da Nestlé que interage connosco e nos ajuda a fazer as melhores bolachas com pepitas de chocolate. A internet é o maior livro de receitas a que …

“Ditador egoísta e despótico”. Margaret Tatcher comparou Saddam Hussein a Hitler após ataque ao Kuwait

Documentos do início da Guerra do Golfo revelam que a antiga primeira-ministra britânica Margaret Thatcher comparou Saddam Hussein a Adolf Hitler após a invasão do Kuwait pelo ditador iraquiano. De acordo com os documentos anteriormente confidenciais …