Em Bragança pode viajar por apenas 10 cêntimos

O Serviço de Transportes Urbanos e Bragança (STUB) começam a aplicar, a partir de segunda-feira, a redução de 90% nas tarifas, com bilhetes a 10 cêntimos e passes a 2,40 euros, informou a Câmara Municipal.

As novas tarifas vão estar em vigor durante todo o mês de dezembro e fazem parte do pacote da Comunidade Intermunicipal (CIM) Terras de Trás-os-Montes, que decidiu aplicar a tranche a que teve direito do PART- – Programa de Apoio à Redução do Tarifário dos transportes públicos na redução de 90% do preço dos bilhetes nas 76 carreiras que servem os nove concelhos do território.

A medida está em vigor desde o dia 20 de novembro, mas em Bragança só começa a ser aplicada a partir do dia 1 de dezembro, o que na prática significa segunda-feira, já que os transportes municipais não funcionam ao fim de semana. A medida entra em vigor mais tarde nos STUB porque foi necessário adaptar o serviço aos novos preços, segundo o presidente da Câmara, Hernâni Dias.

De acordo com a nova tabela, a que a Lusa teve acesso, os transportes municipais de Bragança que servem a cidade e várias aldeias, vão ter, a partir de segunda-feira, bilhetes a 10 cêntimos nos circuitos urbanos e alguns rurais e no máximo de 20 cêntimos nos circuitos mistos, que permitem viajar na cidade e aldeias.

Os carregamentos mensais para passe social passam de um mínimo de 24 euros para 2,40 euros e de um máximo de 45 euros para 4,5 euros.

Os STUB de Bragança juntam-se assim às restantes carreiras do território da CIM que, com a exceção da rede expresso, têm em vigor uma redução de 90% no preço das viagens nos concelhos de Bragança, Macedo de Cavaleiros, Vinhais, Mirandela, Vimioso, Vila Flor, Alfândega da Fé, Mogadouro e Miranda do Douro.

A população dos nove concelhos pode viajar por todo o território até ao final do ano por apenas alguns cêntimos. A título de exemplo, uma viagem entre Bragança e Mirandela fica a cerca de 60 cêntimos, enquanto até aqui o bilhete custava seis euros.

A ideia inicial da Comunidade Intermunicipal era a gratuitidade dos bilhetes, mas, segundo explicou o presidente, Artur Nunes, questões técnicas como a emissão e controlo dos bilhetes por parte das operadoras impediram este propósito.

A CIM ainda não sabe como irão ficar os preços no início do ano com o presidente a defender que transportes gratuitos seria “a situação ideal” para este território e a prometer reivindicar financiamento junto do Governo por entender que esta seria uma medida de discriminação positiva.

A CIM Terras de Trás-os-Montes recebeu do PART quase 176 mil euros que tem aplicado na redução dos bilhetes no território. A primeira redução foi de 15% entre maio e julho seguida de outra para 40%, que estimulou um aumento da procura médio mensal de 13%, ou seja, mais 1.500 bilhetes vendidos por mês. As sucessivas reduções que têm ocorrido nos preços dos bilhetes equivalem a um investimento superior a 100 mil euros para compensar as operadoras.

Estas medidas têm sido tomadas enquanto a CIM ultima ainda o plano de transportes para uma nova rede no território, que só deverá ficar pronto para ir a concurso público no próximo ano.

ZAP // Lusa

PARTILHAR

1 COMENTÁRIO

RESPONDER

Inscrição hebraica com 2.800 anos revela antigo nome bíblico

Uma equipa de arqueólogos encontrou um jarro com 2.8000 anos com a inscrição em hebraico "Benayo" no sítio arqueológico de Abel Beth Maacah, no norte de Israel, local várias vezes mencionado na Bíblia Hebraica.  De …

Braga vence FC Porto e conquista Taça da Liga. Sérgio coloca lugar à disposição

O Sporting de Braga venceu hoje o FC Porto por 1-0 e conquistou a Taça da Liga, com Ricardo Horta a marcar o golo decisivo aos 90+5, garantindo um troféu que os bracarenses já tinham …

Rara moeda de ouro com a cara de Eduardo VIII vendida por preço recorde

Uma rara moeda de ouro com o perfil do rei britânico Edward VIII foi vendida a um comprador particular pelo valor recorde de 1,3 milhões de dólares. A informação é avançada pela Royal British Mint, a …

Depois dos incêndios, Austrália está prestes a experimentar uma "bonança" de aranhas mortais

Depois dos incêndios florestais que assolaram o país, os australianos começaram a implorar por chuva. O bónus de aranhas mortais não estava incluído no pedido, mas os especialistas do Australian Reptile Park acreditam que é …

Governo admite retirar cidadãos nacionais de Wuhan

As autoridades portuguesas estão a cooperar com outros países europeus para reforçar o apoio aos cidadãos nacionais que se encontram em Wuhan, onde ocorreram os primeiros casos do novo coronavírus, admitindo a possibilidade de retirá-los …

Os cogumelos podem ser muito mais antigos do que pensávamos

Os cogumelos podem ser mais antigos do que pensávamos, concluíram cientistas que dataram vestígios de micélio (constituinte dos cogumelos) com 800 milhões de anos, divulgou esta quarta-feira a Universidade Livre de Bruxelas, na Bélgica. Estudos anteriores …

Comer iogurte natural pode ajudar a reduzir o risco de cancro da mama

Uma das causas mais apontadas para o cancro da mama é a inflamação causada por bactérias nocivas. Esta tese ainda não foi provada, mas é apoiada pelas evidências até agora disponíveis de que a inflamação …

Primeiro caso suspeito de infeção por coronavírus detetado em Portugal

Foi detetado o primeiro caso suspeito de infeção infeção pelo novo coronavírus , em Portugal, anunciou este sábado a Direção-Geral de Saúde. “Este doente, regressado hoje [este sábado] da China, onde esteve na cidade de Wuhan …

Slava Semeniuta transforma chuva em atmosfera néon

O artista e fotógrafo russo Slava Semeniuta, também conhecido como Visual Scientist, mistura elementos naturais e faz mágica com eles. Slava Semeniuta, também conhecido como Visual Scientist, retoca fotografias de poças de água para criar composições …

Empresa quer vender dispositivos que extraiem água potável do ar

A empresa israelita Watergen está a planear começar a vender uma versão para o consumidor do seu aparelho que extrai água potável do ar ainda este ano. A tecnologia do gerador atmosférico da empresa está em …