Braços robóticos controlados remotamente podem vir a realizar cirurgias delicadas

Um equipa de investigadores está a trabalhar para eliminar movimentos rígidos nos braços robóticos, de modo a torná-los mais ágeis. O objetivo é que no futuro estes possam empilhar pratos ou até realizar cirurgias delicadas.

Os avanços podem permitir que, num futuro próximo, os médicos consigam realizar cirurgias remotamente ou podem ajudar a eliminar dispositivos explosivos de alto perigo.

O novo projeto envolve a construção de braços robóticos com controlo remoto, que não possuem motores pesados tradicionalmente instalados nas articulações do punho. Em vez disso, estes dispositivos “mais fortes” são colocados na base da máquina.

“Sem motores no braço, estes robôs são muito mais leves do que um braço tradicional”, refere Peter Whitney, professor de engenharia mecânica e industrial da Universidade de Northeastern. “Ao ter acesso a um braço mais leve, é muito mais fácil movê-lo”, afirma.

O avanço tem o potencial de superar um obstáculo fundamental que os investigadores enfrentam ao controlar robôs remotamente: entender o ambiente em que a máquina se encontra.

Atualmente, “é difícil perceber exatamente onde o robô está, se está a tocar em algo ou não, ou com que força está a tocar num objeto”, explica Whitney, cuja pesquisa é focada no design de robôs.

“Tudo isto são fatores que podem influenciar como podemos obter um bom desempenho, mas também manter a segurança”, acrescenta.

Devido a estas dificuldades, os investigadores pretendem que a máquina disponibilize informações em tempo real que indicam quanta força está a ser aplicada, de modo a que o robô seja monitorizado da melhor forma.

“Quando tentamos agarrar ou manipular um objeto, podemos fazer uso dessas forças de contacto”, diz Whitney.

O investigador está também a colaborar com Taskin Padir, professor de engenharia elétrica e de computação, de modo a estudar o potencial de robôs controlados remotamente para serem usados para interagir fisicamente com amigos e familiares, servindo como um substituto mecânico, avança o TechXplore.

Ana Isabel Moura, ZAP //

 

PARTILHAR

RESPONDER

Há uma rua no Texas onde todas as casas foram impressas em 3D

Esta é a primeira comunidade de casas impressas em 3D nos EUA que está pronta a receber habitantes. A construção torna as habitações mais resistentes ao fogo e a inundações. Chama-se East 17th Street e fica …

A filha de Picasso doou nove obras do artista espanhol a França

A família de Pablo Picasso doou nove obras do artista ao Estado francês, que serão agora integradas no Museu Picasso, em Paris. Maya, a filha de Pablo Picasso, doou nove obras do artista como parte de …

Dormir bem? Depois da pandemia, não

O novo coronavírus criou uma "nação" de pessoas com insónias. Trabalhar menos horas pode ajudar. Insónias. Já eram um problema para muita gente até ao início de 2020 mas a pandemia que mudou o mundo também …

"Não posso ficar sentado a ver-nos voltar a 1972". Médico desafia a lei no Texas e admite que já fez um aborto

Um médico texano escreveu uma coluna de opinião no Washington Post a admitir que já fez um aborto no estado, depois da lei que proíbe interromper as gravidezes após seis semanas ter entrado em vigor. Em …

A cidade mais segura do mundo foi revelada (e é europeia)

Copenhaga foi eleita a cidade mais segura do mundo em 2021 pelo Índice de Cidades Seguras (SCI), da Economist Intelligence Unit. Quando se trata de escolher o destino a visitar, a segurança é um dos aspetos …

Benfica 3-1 Boavista | Águia evolui com Darwin para a vitória

Desde 1982/83 que o Benfica não vencia os primeiros seis jogos no Campeonato. Pois bem, na noite desta segunda-feira, os encarnados venceram o duelo ante o Boavista e fizeram xeque-mate graças ao bis de Darwin …

Milhões de pessoas em risco de tráfico e escravidão devido à crise climática, revela relatório

Milhões de pessoas forçadas a deixar as suas casas por causa da seca severa e ciclones correm o risco da escravidão moderna e de tráfico humano nas próximas décadas, alertou um novo relatório publicado esta …

Mercado teme corrida ao imobiliário com o fim dos vistos gold

A partir de janeiro, segundo as novas regras aplicáveis aos vistos gold, vão deixar de estar abrangidos os investimentos em imobiliário com destino a habitação em Lisboa, no Porto e no litoral. O regime que visa …

Desempregados inscritos no IEFP caem 10% em agosto

O número de desempregados inscritos no Instituto do Emprego e Formação Profissional (IEFP) voltou a cair, pelo quinto mês consecutivo. Agosto fechou com 368.404 desempregados inscritos nos serviços públicos de emprego De acordo com os dados …

Agora que a catedral de Notre-Dame está estabilizada, pode dar-se início à reconstrução

Dois anos e meio após o incêndio que devastou a catedral de Notre-Dame, o edifício encontra-se seguro para iniciar o processo de reconstrução, que se espera estar concluído em 2024. Os trabalhos de segurança e consolidação …