Benfica, Sporting e FC Porto querem cortar salários em 50%

Estela Silva, José Sena Goulão, António Cotrim / Lusa

Pinto da Costa, Frederico Varandas, Luís Filipe Vieira

Os ‘três grandes’ do futebol português querem cortar a folha salarial dos jogadores em 50%. Em causa está o controlo dos danos financeiros da pandemia de covid-19.

Benfica, Sporting e FC Porto querem reduzir os salários dos jogadores em 50%, avança esta terça-feira o jornal Record. Este corte na folha de vencimentos surge como medida de contenção para controlar os prejuízos económicos causados pela pandemia de covid-19, que levou à interrupção dos campeonatos.

O jornal desportivo adianta que nenhum dos ‘três grandes’ chegou a acordo com os jogadores, mas acreditam que o entendimento seja assegurado até ao final desta semana.

“Não se compreende que os clubes sejam rápidos a exigir cortes a jogadores e funcionários e não se incomodem com a atitude das operadoras, que beneficiam escandalosamente deste negócio há anos e no momento de maior necessidade nos abandonaram”, acusou o Sindicato dos Jogadores, liderado por Joaquim Evangelista.

Por sua vez, os jogadores pretendem ser ressarcidos do dinheiro que estão agora a perder com os cortes salariais. Quando a situação voltar ao normal, os futebolistas pretendem receber o dinheiro de volta, algo que deverá acontecer por volta do verão.

Sporting de Braga, Santa Clara, Portimonense, Nacional, Farense e Mafra são alguns dos clubes que procuram adotar este plano.

O Sindicato dos Jogadores garante também que “reagirá a esta atuação dos clubes e não deixará de convocar todas as entidades públicas e órgãos de governo do futebol, para necessidade de pôr termos a uma atuação que lesa os jogadores, mas sobretudo os contribuintes e o país”.

Benfica, Sporting e FC Porto são os clubes que deverão sentir os maiores efeitos causados pela quebra de receitas, que se estima ser superior a 50%.

O impacto global de uma paragem de um mês, por exemplo, será “superior a 40 milhões de euros”, em números estimados a partir de uma observação do fluxo económico das SAD de Benfica, FC Porto e Sporting, realçou o professor da Escola Superior de Desporto de Rio Maior e coordenador da licenciatura de Gestão das Organizações Desportivas Alfredo Silva.

“A situação vai ser muito complicada para Benfica, FC Porto e Sporting. Mas a verdade é que estes problemas estão a ser vividos igualmente nos outros países. Não há competição, não há valorização dos jogadores, não há direitos de transmissão e receitas de bilheteira… Mas há salários e contratos para pagar”, explica, por sua vez, o diretor executivo do Instituto Português de Administração de Marketing (IPAM), Daniel Sá.

ZAP ZAP //

PARTILHAR

RESPONDER

Caso BES está parado há 8 meses (por causa de uma tradução para francês)

O caso BES está parado há oito meses. O atraso deve-se a uma tradução para francês das quatro mil páginas do processo, necessária para notificar três arguidos suíços. De acordo com o Jornal de Notícias, que …

Lopetegui continua interessado em Corona

O treinador dos espanhóis do Sevilha, Julen Lopetegui, continua interessado na contratação de Tecatito Corona, que alinha pelo FC Porto.  De acordo com o jornal La Razón, o treinador espanhol continua interessado na contratação do jogador mexicano …

Tem de haver "solidariedade estratégica" na pervensão de fogos. Costa oferece bonsai a Marcelo

O Presidente da República foi convidado especial do último Conselho de Ministros do seu primeiro mandato, dedicado às florestas, onde se discutiu o Programa Nacional de Ação do Plano de Gestão Integrada de Fogos Rurais. …

Bolsonaro volta a criticar os media. "Para a imprensa o vírus sou eu"

O Presidente brasileiro voltou a criticar a imprensa e, num momento de descontrolo da pandemia no país, afirmou que para os jornalistas o vírus é o próprio chefe de Estado. "Estamos a fazer o dever de …

Miguel Duarte foi ilibado da acusação de auxílio à imigração ilegal, "mas não foi feita justiça"

Miguel Duarte que, juntamente com outros ativistas, estava a ser acusado pela justiça italiana de ajuda à imigração ilegal, foi "ilibado", mas "o caso segue para tribunal com uma acusação aos restantes membros". A revelação foi …

Parque das Nações recebe Comic Con em dezembro

Com o mote "A New Hope", a sétima edição da Comic Con terá lugar no Parque das Nações, em Lisboa, no mês de dezembro. A sétima edição da Comic Con Portugal, um evento dedicado à cultura …

Polícia sueca investiga ataque à faca e aponta para "motivações terroristas"

A polícia sueca fez buscas no apartamento do homem que esfaqueou sete pessoas no país, na quarta-feira, informando que há pormenores na investigação que apontam para motivações terroristas. Segundo avançou esta quinta-feira o Público, a polícia …

Advogados apontam falhas à investigação da morte de Giovani Rodrigues

Alguns advogados de defesa dos acusados do homicídio de Giovani Rodrigues apontaram, esta quarta-feira, falhas à investigação, desde o apuramento dos factos à condição clínica, com a revelação de que o jovem foi também vítima …

Dia com menos mortes desde 28 de outubro. Mais 830 novos casos

Há mais 830 casos de covid-19 em Portugal. A Direção-Geral da Saúde indica que há agora 1708 doentes com covid-19 internados, menos 119 do que na quarta-feira. O número de doentes nos cuidados intensivos está …

Concelhia do PSD/Sintra tenta contornar Santana (e já aprovou um nome)

Enquanto a direção nacional do PSD tenta convencer Pedro Santana Lopes, a estrutura do PSD/Sintra aprovou o nome de António Pinto Pereira como candidato. Esta quarta-feira, a concelhia do PSD/Sintra aprovou o nome de António Pinto …