Benfica pede árbitros estrangeiros nos seus jogos e nos jogos do FC Porto

Manuel Fernando Araújo / Lusa

O Benfica apelou à Liga Portuguesa de Futebol Profissional (LPFP) e à Federação Portuguesa de Futebol (FPF) para que nomeiem “árbitros estrangeiros internacionais para todos os jogos” das ‘águias’ e do FC Porto “até final da época”.

Num extenso comunicado divulgado no site oficial, sob o título “Arbitragem e VAR ao serviço da ‘competitividade do futebol português’”, o Benfica critica a arbitragem do clássico de sábado, com o FC Porto, que terminou com o triunfo dos ‘dragões’, por 3-2.

“Face ao histórico das constantes insinuações, ameaças, coações, pressões e suspeitas sobre as equipas de arbitragem, como pudemos constatar ainda esta semana, por parte de diversos responsáveis do FC Porto e em nome da preservação da verdade desportiva, apelamos à LPFP e à FPF que tomem as medidas adequadas e diligenciem no sentido de nomearem árbitros estrangeiros internacionais para todos os jogos do Benfica e FC Porto até ao final desta época”, pede o clube lisboeta.

O Benfica considerou que “a verdade desportiva foi claramente desvirtuada com diversas decisões da equipa de arbitragem e do VAR com influência direta no jogo e no resultado” e que a atuação da equipa liderada pelo árbitro Artur Soares Dias “merece a mais veemente das denúncias”.

O clube lisboeta enumerou alguns lances da partida da 20.ª jornada da I Liga para justificar a “dualidade de critérios” da equipa de arbitragem, como “uma clara agressão de Marega a Taarabt, que passou totalmente incólume”, “uma entrada de Otávio sobre Rafa (…) e uma entrada de Alex Telles sobre André Almeida”, que “não mereceram qualquer cartão amarelo”.

O Benfica refere que “o pior estava guardado para o minuto 35”, quando Soares Dias e o VAR “não quiseram ver o que todas as imagens mostram” e assinalaram uma grande penalidade favorável ao FC Porto, mesmo perante uma “falta nítida de Soares, que agarra a camisola e empurra Ferro”.

“A conivência e passividade perante tudo o que se passou antes, durante e após o jogo, o fechar de olhos às agressões, os erros com direta influência no resultado, a nomeação perfeita e a mentira da fonte da federação denunciam e colocam a nu a tentativa desesperada de tudo ser feito para, a exemplo do que acontece há décadas, se influenciar e desvirtuar a verdade desportiva”, denunciou o emblema da Luz.

Os ‘encarnados’ informam ainda que vão solicitar a despenalização de Julian Weigl, que foi admoestado com o cartão amarelo, “num lance em que nem sequer tocou no adversário”.

O FC Porto venceu por 3-2 o Benfica no sábado e reduziu para quatro pontos a desvantagem para o líder da I Liga. Sérgio Oliveira, Alex Telles, de grande penalidade, e Rúben Dias, na própria baliza, apontaram os tentos dos ‘dragões’, enquanto Carlos Vínicius ‘bisou’ para os ‘encarnados’.

“A absoluta falta de vergonha”

O diretor de comunicação do FC Porto não tardou a reagir ao comunicado do SL Benfica. Através do Twitter, Francisco J. Marques caracterizou o pedido dos ‘encarnados’ como “a absoluta falta de vergonha”.

O Benfica sabe que não é possível e que é ofensivo para a arbitragem portuguesa”, escreveu o membro da estrutura portista. No entanto, num novo comunicado, o Benfica realçou que o novo regulamento aprovado em 2016 “passou a possibilitar a nomeação de árbitros estrangeiros nas competições portuguesas”.

“Importa recordar que este novo regulamento foi aprovado até por clube cujo porta-voz, assustado com tal possibilidade, veio de forma apressada e incompetente afirmar que tal era impossível e, talvez numa autocrítica ao clube que representa, considerando que seria ofensivo para a arbitragem portuguesa. Depois de sucessivas críticas e ameaças aos árbitros nacionais e perante uma proposta prevista nos regulamentos, afinal do que têm medo?“, lê-se ainda no comunicado das ‘águias’.

“Quando podiam tirar as dúvidas e defrontar-nos com árbitro estrangeiro acabaram eliminados pelo Braga, a quem goleiam sempre“, escreveu Francisco J. Marques.

O diretor de comunicação portista referia-se ao jogo da meia-final da Liga Europa, em 2011, em que o Benfica foi eliminado pelo Braga, num resultado agregado de 2-2, no qual valeram os golos fora como critério de desempate. Nessa edição, o FC Porto eliminou o Villarreal nas ‘meias’, antes de vencer os bracarenses na final.

“Esses dois jogos tiveram árbitros estrangeiros. São mesmo ridículos”, escreveu ainda.

ZAP ZAP // Lusa

PARTILHAR

5 COMENTÁRIOS

  1. Pedem vocês, nas opiniões, bom senso e seriedade! Quando se lê os emails; Se sabe o que benfica faz/fez e continua a fazer! Quando se lê o que os juízes fazem – os da lista, com toga, e os dos calções, sem toga!!
    Quando se vê a não expulsão de um sujeito, que fez 4 tentativas e acabou por ser “expulso” pelo treinador para evitar a verdadeira expulsão, tem de convir que é dose, aturar esta gente!!
    Ainda por cima, acham que foram prejudicados! Foram, claro, uma vez que contrariamente aos adversários, o FCP não “abre as pernas”. No próximo fim de semana volta o “regabofe”e lá terão o braga amigo, para lhes levantar o moral!!!

  2. Estes LAMPIÕES, não têm vergonha nenhuma. É mesmo triste ter que ler este tipo de afirmações. São uns privilegiados a todos os níveis.
    Vejam a última do orelhas, sobre as acções vendidas em 2010. 1.600.000 euros que não vai pagar ao fisco.!!!!!!!!
    O QUE SE PASSA NESTE PORTUGAL DECADENTE?

  3. Aos caríssimos em cima, podem ter razão em tudo o que dizem ou em nada.
    Acusar é fácil, provar um pouco mais difícil.

    Neste caso, apesar de ser contra este tipo de comunicados, o que foi dito são factos e não acusações.
    Está nas regras o recurso a árbitros estrangeiros e o Benfica usou factos reais para justificar o pedido, se alguém se sente acusado, então que venha desmentir a falta não assinalada antes do penalty, ou explicar o amarelo ao Odisseias por se queixar das bolas de golf (O Benfica deve ser a única que a perder quer queimar tempo).
    E se a desculpa é que agarrar a camisola e depois empurrar quando o jogador esta no ar não foi suficiente para falta, então expliquem o penalty do Porto ontem…

    O mais curioso é o Benfica ser acusado e sujeito a penalização por fazer um pedido que esta contemplado pelas regras.

RESPONDER

Pessoas que enfrentam bem a manhã são mais saudáveis (e trabalham melhor)

Vários estudos têm demonstrado que algumas pessoas enfrentam as manhãs de forma naturalmente melhor, o que faz com que tenham um conjunto de diferenças cerebrais que as tornam mais felizes quando acordam. Por outro lado, as …

Cavalos, elefantes e peixes. Circo alemão substitui animais por hologramas gigantes

Após muitas críticas e polémicas à volta do uso de animais em circos, o Circo Roncalli decidiu substituí-los por hologramas, tornando-se o pioneiro nesta abordagem futurista. Os circos têm uma história polémica devido ao facto de …

FC Porto 2-3 SC Braga | Vitória no Dragão leva Braga à final da Taça

O Sporting de Braga venceu hoje o FC Porto por 3-2, em jogo da segunda mão da meia-final da Taça da Portugal de futebol, e garantiu um lugar na final da competição. Depois do empate (1-1) …

Mona Lisa: a cadeira escondida que transforma o significado da obra de Da Vinci

O quadro da autoria de Leonardo Da Vinci é a obra de arte mais famosa do mundo. Contudo, há um detalhe que tem passado despercebido: a cadeira onde a misteriosa mulher está sentada. Escondida, mas …

"Projeto Xueliang". O plano chinês para fiscalizar 100% do espaço público

O "Projeto Xueliang" da China tem como objetivo fiscalizar a totalidade do espaço público, transformando vizinhos em agentes de vigilância do Estado. Em 2016, o município de Pingyi, localizado sete horas a norte de Shangai, tinha …

Há quem tome medicamento para cavalos para tratar covid-19, podendo envenenar-se acidentalmente

A pandemia de covid-19 gerou uma série de desinformações, algumas levando as pessoas a tomar medicamentos não prescritos para tratamento da doença, colocando em risco a sua saúde. Quando a cloroquina, medicamento para tratar a malária, …

Parece o "Batmóvel", é movido a energia solar e pode ser produzido em massa

A Aptera Motors está a preparar-se para lançar o primeiro automóvel movido a energia solar a ser produzido em massa até ao final do ano. A Aptera Motors, uma empresa norte-americana, apresentou recentemente o primeiro carro …

George Floyd. Minneapolis ia contratar influencers para combater desinformação durante julgamento de Derek Chauvin

A cidade de Minneapolis, nos Estados Unidos, planeava contratar seis influencers para ajudar a partilhar informações durante o julgamento de Derek Chauvin, o ex-polícia acusado de assassinar George Floyd. De acordo com a CNN, o plano …

Imagens revelam que a Coreia do Norte oculta local onde armazena armas nucleares. EUA planeiam agir

As imagens de satélite mostram que a Coreia do Norte tomou medidas para ocultar uma instalação, que as agências de inteligência dos EUA acreditam estar a ser usada para armazenar armas nucleares. A situação fez …

Antigo primeiro-ministro italiano Matteo Renzi recebeu envelope com duas balas

O antigo chefe do governo italiano Matteo Renzi recebeu, esta quarta-feira, um envelope com duas balas no interior, uma ameaça imediatamente denunciada por toda a classe política. O envelope foi entregue diretamente na sede do Senado, …