Bah chegou: o Benfica está “manco” na sua posição desde Nélson Semedo?

(dr) Slavia Praga

Alexander Bah

Jovem internacional dinamarquês aterrou em Lisboa nesta segunda-feira e vai ser o novo lateral-direito do Benfica.

Alexander Bah chegou a Lisboa na noite desta segunda-feira, para assinar contrato com o Benfica.

No aeroporto, poucas palavras: “Estou muito contente e orgulhoso por estar aqui, e ansioso por começar. Tenho um dia longo pela frente, amanhã, e por isso não vou falar mais com vocês agora, mas depois falamos mais”.

Alexander Hartmann Bah tem 24 anos e era titular habitual no Slavia Praga, onde chegou apenas no início do ano passado.

Antes passou por clubes do seu país natal, a Dinamarca: SonderjyskE, HB Køge e Naesby.

Já jogou três vezes pela selecção nacional dinamarquesa. A sua estreia, em 2020, teve duas particularidades: foi convocado por causa de diversas baixas relacionadas com a COVID-19; e aproveitou para marcar um golo, logo no seu primeiro jogo pela selecção principal (num duelo particular com a Suécia).

Alexander Bah deverá ser concorrente de Gilberto, na luta pela titularidade na posição de lateral-direito.

O brasileiro passou a ser titular em 2020/21, depois de André Almeida ter sido a prioridade para essa posição nas épocas anteriores – até que sofreu uma lesão grave.

O plantel do Benfica também tem Diogo Gonçalves e Gil Dias, que podem cobrir esse sector.

Mas, de acordo com o portal Visão de Mercado, a posição de lateral-direito parece estar “manca” na Luz desde que Nélson Semedo saiu para o Barcelona, em 2017.

E têm-se acumulado “apostas falhadas” neste contexto. Pedro Pereira, Tyronne Ebuehi, Douglas, Sébastien Corchia e Tomás Tavares também foram opções nos últimos cinco anos. Mas a maioria raramente (ou nunca) jogou pela equipa principal do Benfica.

  Nuno Teixeira da Silva, ZAP //

 

 

Deixe o seu comentário

Your email address will not be published.