Aviação: Portugal é o 2.º país europeu mais perto dos números pré-pandemia

Número de voos em Portugal já chegou aos 96% do que se verificava em 2019. Só Noruega ultrapassa a contabilidade portuguesa.

O tráfego aéreo sofreu uma grande quebra desde Março de 2020, por causa do coronavírus.

Dezenas de países fecharam fronteiras e, para muitas pessoas, entrar num avião simplesmente deixou de acontecer.

Mas o cenário está a mudar e há quatro países europeus que já atingiram mais de 90% do tráfego aéreo que se verificava em 2019, o último ano antes da pandemia. Portugal é um deles.

A Eurocontrol, a organização europeia para a segurança da navegação aérea, indica que a Noruega é o país da Europa que está mais próximo da movimentação que se registava há três anos, com 97% do tráfego aéreo que se registava então.

Portugal surge logo a seguir, com 96% da movimentação, ficando à frente da Turquia (92%) e da Espanha (91%).

Ao longo da semana passada estes quatro países também foram dos que tiveram mais partidas e chegadas de aviões, nos seus aeroportos. Reino Unido, Alemanha, França, Itália, Países Baixos e Grécia também estão no top-10.

O Reino Unido superou os outros países, com pouco mais de 5 mil voos registados, durante a semana passada. Uma contabilidade 5% superior à semana anterior.

Há um mês, a Eurocontrol informou que espera que, no final deste ano, o tráfego aéreo na Europa atinja 92% do que se verificava no final de 2019, com um total de 9.3 milhões de voos em 2022.

  Nuno Teixeira da Silva, ZAP //

Deixe o seu comentário

Your email address will not be published.