A um mês de fazer 100 anos, australiano bate recordes mundiais

Darren England / EPA

Aos 99 anos, George Corones bateu o recorde mundial de 50m: 56,12 segundos, tirando 35 centésimos de segundo ao tempo feito pelo britânico John Harrison em 2014.

“Quando se está na água, naquele ambiente, é tudo lindo.” Palavras de George Corones, o desportista que começou a fazer natação em criança, parou no início da Segunda Guerra Mundial e regressou às piscinas quando fez 80 anos, “pelo exercício físico”.

Nos Gold Coast Swimming Trials da Austrália para os Jogos da Commonwealth, no Aquatic Center da cidade, o nadador atrai todas as atenções: tanto por ser o único inscrito na prova de 50m livres, como pela sua entrada mais vagarosa. No entanto, depois de tirar a roupa e de subir para o bloco com ajuda da organização, ninguém o consegue parar.

Um peixe dentro de água, é como Corones se sente quando nada. A um mês de atingir a marca centenária, o facto de ser o único atleta do seu escalão não o impede de ir mais além. Corones bateu o recorde mundial de 50m: 56.1 segundos, tirando 35 segundos ao tempo feito pelo britânico John Harrison, em 2014.

Mas, como se não fosse suficiente, no dia seguinte juntou uma nova melhor marca nos 100m livres, escalão 100-104 anos, com menos um minuto do que o registo anterior, conta o Observador.

https://twitter.com/FairPlaypt/status/971757602320379904

“Não me importo nada de saltar sozinho para a piscina, quando estou a correr não existe nada para mim além da água, estou centrado naquela linha preta“, contou numa entrevista após a primeira prova.

Ao El País, Corones não escondeu o peso da idade. “Com esta idade, uma pessoa cansa-se de forma mais rápida, mas se fizeres tudo com sensatez, as recompensas são astronómicas”, confessa o recordista.

No Campeonato do Mundo de Itália, há seis anos, o australiano tinha já batido uma série de recordes. Nessa altura, integrava o escalão 90-94 anos e treinava três dias por semana natação e ginásio noutros dois.

“A natação é a única atividade que os humanos podem fazer e onde a gravidade é gratuita. Com a idade, não podemos escapar da gravidade nem mesmo quando estamos sentados. Na água não temos peso e podemos usar todos os músculos do corpo sem o peso do mesmo”, disse Corones em declarações reproduzidas ao The Guardian.

ZAP //

PARTILHAR

4 COMENTÁRIOS

  1. Não será antes “34 centésimas de segundo ao recorde?”
    Mas que é lindo ler notícias assim, é! Só prova que a idade é o número, mt. boa genética, força de vontade, saúde, etc.!
    Desculpem e obrigado!
    Bom fim de semana.

RESPONDER

Governo suspendeu 18 obras na ferrovia consideradas prioritárias

A Infraestruturas de Portugal (IP) adiou e/ou atrasou ou 18 obras do setor ferroviário que estavam contemplados no programa Ferrovia 2020 e eram consideradas prioritárias. De acordo com o Jornal de Notícias, que avança a notícia …

Suspeito do roubo das pistolas Glock implicou Direcção da PSP (mas nunca foi interrogado sobre isso)

O polícia que está acusado do roubo das pistolas Glock da PSP insinuou, em conversas telefónicas, que haveria chefias da Direcção Nacional desta força policial envolvidas na prática do crime. Apesar disso, nunca terá sido …

O Natal traz emoções fortes. Viva-as intensamente

Quando o tempo frio faz as suas primeiras aparições, quase imediatamente alguém afirma “não tarda nada estamos no Natal”. De facto, a quadra natalícia é o grande prémio de consolação do Inverno: o motivo pelo qual …

Estádio para os Jogos Olímpicos concluído antes da data prevista

O estádio Nacional Japonês, sede dos Jogos Olímpicos e Paralímpicos de Tóquio de 2020, está concluído, a um mês da estreia oficial, informou esta terça-feira o organismo proprietário do complexo. De acordo com o Conselho de …

Suécia deixa cair investigação de violação contra Julian Assange

O Ministério Público sueco deixou cair a investigação de um caso de violação alegadamente cometido por Julian Assange, fundador do WikiLeaks, em 2010. "O Diretor Adjunto do Ministério Público, Eva-Marie Persson, decidiu hoje [terça-feira] descontinuar a …

Portugal produz menos lixo do que a média da OCDE (mas é o 3.º que menos recicla)

Portugal produz menos lixo do que a média da OCDE, mas é o 3.º que menos recicla, revelaram dados recentes da organização internacional. Em 2017, cada português produzir quase 500 quilogramas de lixo, valor inferior …

Novas demissões na Agência de Informações Financeiras do Vaticano

Um membro da entidade de regulação financeira do Estado do Vaticano, Marc Odendall, demitiu-se na sequência de buscas realizadas pela polícia e que originaram na suspensão do organismo do sistema de comunicações global. Marc Odendall, banqueiro …

Governo e Liga de clubes discutem redução do IVA para espetáculos desportivos

Secretário de Estado do Desporto afirma querer ouvir as reivindicações do organismo, mas sem se comprometer. O secretário de Estado da Juventude e do Desporto anunciou ontem que vai reunir-se com representantes da Liga Portuguesa de …

Tufão obriga a retirada de cerca de cinco mil pessoas do norte das Filipinas

Cerca de cinco mil pessoas foram retiradas do norte das Filipinas devido à aproximação do tufão Kalamaegi, que deverá tocar terra na província de Cagayan nas próximas horas, disseram esta terça-feira as autoridades locais. "Estamos preparados …

Acabaram-se as trotinetas no Algarve. Duraram 10 meses

  Dez meses depois de terem sido anunciadas como uma mais-valia para a promoção da mobilidade suave no Algarve, as trotinetes elétricas foram retiradas das ruas da capital algarvia e de Portimão, disseram à Lusa fontes …