Astrónomo amador descobriu um planeta demasiado grande para a sua estrela

ANU

Conceito artístico da estrela HATS-6 e do exoplaneta HATS-6b.

Conceito artístico da estrela HATS-6 e do exoplaneta HATS-6b.

Investigadores da ANU, a Australian National University, com a ajuda de um astrónomo amador, descobriram um exoplaneta estranho que orbita uma estrela pequena e fria a 500 anos-luz de distância e que está a desafiar as noções de formação planetária.

“Encontrámos uma estrela pequena com um planeta gigante do tamanho de Júpiter, orbitando muito perto,” afirma George Zhou, investigador da Escola de Astrofísica e Astronomia da ANU.

“Deve ter-se formado mais longe e migrado para mais perto da estrela, mas as nossas teorias não conseguem ainda explicar como é que isto aconteceu”, explicou o astrónomo.

Nas últimas duas décadas, foram descobertos mais de 1800 exoplanetas para lá do nosso Sistema Solar, em órbita de outras estrelas.

A estrela hospedeira deste exoplaneta, HATS-6, está classificada como uma anã de classe M, um dos tipos mais comuns de estrelas na Galáxia.

Embora sejam muito comuns, as estrelas anãs de classe M não são bem compreendidas. São muito frias e ténues, o que torna difícil o seu estudo.

A HATS-6 emite apenas um vigésimo da luz do nosso Sol. Os astrónomos aperceberam-se de que a estrela fraca tinha um planeta em órbita quando observaram a diminuição de brilho estelar durante um trânsito exoplanetário.

A descoberta, publicada no Astronomical Journal, foi feita pelo projecto HAT-S, que inclui cientistas da Austrália, EUA, Chile e Europa, que operam uma rede de pequenos telescópios robóticos no Chile, na Namíbia e no Observatório Siding Spring da Universidade Nacional Australiana.

Para confirmar que o sinal era mesmo de um planeta e não apenas um “blip” no sistema, a equipa pediu a ajuda de um dos maiores telescópios do mundo, o Telescópio Magalhães, no Chile, e a um astrónomo amador, TG Tan, que opera a partir do seu quintal em Perth.

“TG Tan tem sido muito prestável nos nossos projectos. Ele foi capaz de observar o trânsito do exoplaneta a partir de Perth, depois da estrela desaparecer para trás do nosso horizonte,” explica Zhou.

Observações subsequentes do telescópio chileno e espectros obtidos pelo telescópio de 2,3 metros do Siding Spring confirmaram que o planeta tinha uma órbita equivalente a um-décimo da órbita de Mercúrio, e que completa uma volta em torno da sua estrela a cada 3,3 dias.

“O planeta HATS-6b tem uma massa semelhante à de Saturno, mas o seu raio é parecido com o de Júpiter, por isso é um planeta bastante ‘inchado’. Tendo em conta que a sua estrela é fria, não aquece muito o planeta. Assim sendo, é muito diferente dos planetas observados até agora,” comenta Zhou.

“A atmosfera deste planeta será um alvo interessante para estudos futuros”, acrescentou.

CCVAlg

PARTILHAR

RESPONDER

Agência Europeia também investiga problemas nos novos aviões da TAP

A Agência Europeia para a Segurança da Aviação (EASA) confirmou à TSF que também estar a investigar os estranhos casos de enjoos nos novos aviões da TAP. A tomada de posição da EASA foi confirmada à …

PCP apresenta programa eleitoral que inclui “reforma fiscal”

O secretário-geral comunista, Jerónimo de Sousa, apresenta esta terça-feira formalmente o programa eleitoral do partido para as legislativas, que inclui um pacote de medidas de “reforma fiscal”, em cerimónia pública, num hotel lisboeta. O líder do …

Multa histórica ao Facebook deixou Zuckerberg mil milhões de euros mais rico

A multa histórica de 4,4 mil milhões de euros aplicada ao Facebook, no âmbito do escândalo Cambridge Analytica, não está a fazer mossa na empresa e até fez subir as suas acções em bolsa, com …

Vale paga 165 mil euros a familiares dos trabalhadores mortos em Brumadinho

A empresa brasileira acordou indemnizar cada familiar dos trabalhadores mortos na rutura da barragem de Brumadinho, ocorrida em janeiro passado. O acordo, firmado entre o Ministério Público do Trabalho e a companhia mineira Vale, determina que …

Novo currículo e novas metas. Peritos desafiam Costa a mudar tudo no ensino da Matemática

Um grupo de peritos constituído em dezembro pelo Ministério da Educação quer que o ensino da Matemática assente num novo currículo, deixando para trás documentos que considera contraditórios entre si. Coordenado pelo professor Jaime Carvalho e …

Johnson & Johnson investigada por risco de cancro do pó de talco

O Departamento de Justiça dos Estados Unidos está a investigar a Johnson & Johnson para aferir se mentiu sobre o possível risco de cancro do seu pó de talco. Mais de 13 mil pessoas nos Estados …

Von der Leyen apresentou um "ramalhete" de promessas no Parlamento Europeu. Votação marcada para as 18h

A candidata à presidência da Comissão Europeia comprometeu-se esta terça-feira a tornar a Europa o primeiro continente a alcançar a meta da neutralidade carbónica em 2050, indicando que irá apresentar um “acordo verde” nos primeiros …

Em 2018, ficaram por pagar 12 milhões de euros em salários. É um aumento de 60% desde 2017

A Autoridade para as Condições do Trabalho (ACT) identificou 6.618 trabalhadores com salários em atraso, no valor de 11,7 milhões de euros. É, de acordo com o Jornal de Notícias, um aumento de 59% no espaço …

Maior central elétrica do país está há oito meses à espera de uma nova licença ambiental

A maior central elétrica do país está há oito meses à espera que a sua licença ambiental, essencial para que possa permanecer em operação, seja renovada. Apesar da morosidade do procedimento, e de a licença original …

Esta terça-feira vai poder ver o eclipse parcial da Lua

A Lua vai estar, esta terça-feira, na sombra da Terra devido a um eclipse parcial que vai poder ser visto em Portugal. Este fenómeno vai ser visível, a partir das 21h01, hora em que a Lua …