Associated Press acusada de ter colaborado com regime nazi

Um estudo realizado por uma historiadora alemã, divulgado esta quarta-feira pelo jornal britânico The Guardian, afirma que a agência de notícias americana Associated Press teria colaborado com o regime nazista durante os anos 1930.

A reportagem do The Guardian afirma que a AP foi a única agência de notícias ocidental autorizada a operar na Alemanha de Adolf Hitler, enquanto outros órgãos de imprensa estrangeiros foram banidos ou forçados a encerrar a actividade, depois de sofrerem ataques por empregarem jornalistas judeus.

A AP continuou em actividade na Alemanha até à entrada dos Estados Unidos na Segunda Guerra Mundial, em 1941.

Até esse momento, a agência foi o principal meio de informação sobre o Estado totalitário para os países do Ocidente, fornecendo notícias e fotografias exclusivas.

No estudo, publicado no portal alemão de estudos de história contemporânea Zeithistorische Forschungen, a historiadora Harriet Scharnberg, da Universidade Martin Luther, na cidade alemã de Halle, sustenta que a AP só conseguiu manter a actividade no país através de uma colaboração mútua com o regime nazi.

A agência ter-se-á submetido à chamada Schriftleitergesetz, a lei dos editores, que proibia a divulgação de matérias destinadas a “enfraquecer o poder do Reich no exterior ou no país” e obrigava os meios de informação a contratar repórteres que trabalhavam para a divisão de propaganda do regime nazi.

Um dos fotógrafos contratados pela AP, Franz Roth, terá sido indicado directamente por Hitler, que também seleccionava as suas fotos para serem distribuídas pela agência.

Segundo a historiadora, ao mesmo tempo que fornecia aos países do Ocidente a possibilidade de observar a sociedade nazi por dentro, a agência também permitia que o regime ocultasse alguns dos seus crimes.

Harriet Scharnberg afirma que a colaboração entre a Associated Press e os nazis permitia ao regime alemão “retratar uma guerra de extermínio como uma guerra convencional“.

AP rejeita acusações

Em comunicado, a Associated Press negou qualquer alegação de que tenha colaborado propositadamente com os nazis e afirmou que a investigação da historiadora se refere a uma agência de fotos alemã que era subsidiária da AP britânica.

Segundo o comunicado, depois de 1935, a subsidiária foi afectada pelo controle de imprensa nazi.

A AP reconhece que distribuiu imagens disponibilizadas pelo regime nazi, mas afirma que os créditos das fotografias deixavam isso claro e que a decisão sobre a publicação das fotos cabia aos editores dos jornais.

“Imagens daquela época na Alemanha tinham um valor jornalístico legítimo, pois os editores e o público precisavam de saber mais sobre os nazis”, afirmou a agência.

“A AP não se envolveu directamente na publicação e, até à divulgação da investigação da sra. Scharnberg, não tinha conhecimento de nenhuma acusação de que material nosso pudesse ter sido produzido e seleccionado por ministérios de propaganda nazis”, diz a agência.

“Se tal aconteceu, os créditos das fotos teriam deixado isso claro”, realça a Associated Press.

ZAP / DW

PARTILHAR

RESPONDER

Revelada a primeira fotografia de entrelaçamento quântico

Pela primeira vez na História, os cientistas capturaram uma fotografia de entrelaçamento quântico - um fenómeno tão estranho que o físico Albert Einstein o descreveu como "uma ação fantasmagórica à distância". A imagem foi capturada por …

Netflix retira imagens de suicídio de "13 Reasons Why"

A Netflix modificou o episódio da série "13 Reasons Why" onde apareciam imagens do suicídio da protagonista Hannah Baker (Katherine Langford), passando agora essa parte da ação a ocorrer de forma totalmente oculta para os …

Belinda Sharpe é a primeira árbitra do râguebi australiano em 111 anos

Belinda Sharpe vai tornar-se na primeira árbitra de campo na história de 111 anos da liga profissional de râguebi na Austrália, quando dirigir um jogo do campeonato agendado para quinta-feira. A Liga Nacional de Râguebi (NRL) …

Os chimpanzés não têm noção de justiça e aceitam desigualdades

Os chimpanzés carecem da noção de justiça e aceitam a desigualdade na repartição de comida ou materiais, segundo a investigadora Nereida Bueno. A cientista, da Universidade Pontificia de Camillas, que participou num estudo publicado esta semana …

Descartar drogas pelo esgoto pode criar "meta-caimões" nos Estados Unidos

O Departamento da Polícia de Loretto, no estado norte-americano do Tennessee, alertou este sábado para os perigos associados à eliminação de narcóticos através das canalizações das casas de banho. Numa publicação na página oficial de Facebook, …

Descoberta nova via terapêutica para tratar o Alzheimer

Um grupo de cientistas descobriu uma nova via terapêutica para tratamento do Alzheimer, que segundo os investigadores cria “alguma esperança” para travar o desenvolvimento da doença em estágios mais iniciais. O projeto, cujas conclusões foram publicadas …

Exército de carraças está a dizimar vacas (e pode chegar aos humanos)

Uma espécie invasiva de carraças já dizimou um quinto da população de vacas na Carolina do Norte. Os cientistas temem que o próximo alvo podem ser os humanos. A espécie de carraça Haemaphysalis longicornis tem feito …

Ucrânia aprova castração química para pedófilos

Na Ucrânia, será administrada uma injeção que reduz o libido aos pedófilos. A legislação vai aplicar-se a homens com idades entre os 18 e os 65 anos que forem considerados culpados de violação ou abuso …

Em vez de desaparecer, ilhas do Pacífico poderão mudar de forma

Países insulares como Tuvalu, Toquelau e Kiribati passam o nível do mar em poucos metros. Estes são Estados considerados vulneráveis ao aquecimento climático do planeta e as populações acreditam que podem desaparecer com a subida …

Morreu o pugilista Pernell Whitaker. O campeão olímpico foi vítima de atropelamento

O pugilista norte-americano Pernell Whitaker morreu atropelado este domingo em Virginia Beach, aos 55 anos. O atleta foi atingido mortalmente quando atravessava a estrada num cruzamento, durante a noite. Num comunicado enviado ao Guardian, o Departamento …