O armazenamento de energia “sem massa” está a chegar

Uma equipa de cientistas da Chalmers University of Technology, na Suécia, produziu uma bateria estrutural com um desempenho dez vezes melhor do que todas as versões anteriores. A descoberta abre caminho ao armazenamento de energia “sem massa” em veículos e outras tecnologias.

Atualmente, a bateria dos carros elétricos constitui uma grande parte do peso dos veículos. Uma bateria estrutural, por outro lado, funciona tanto como fonte de energia, como parte da estrutura.

O chamado “armazenamento de energia ‘sem massa'” baseia-se no facto de o peso da bateria ser uma parte da estrutura de suporte de carga. Os cálculos mostram que este tipo de bateria multifuncional pode reduzir muito o peso de um veículo elétrico.

Uma equipa de cientistas da Chalmers University of Technology, na Suécia, desenvolveu recentemente uma bateria estrutural com propriedades que excedem em muito qualquer uma já criada em termos de armazenamento de energia elétrica, rigidez e resistência.

Segundo o SciTechDaily, o seu desempenho multifuncional é dez vezes maior do que os protótipos de bateria estruturais anteriores.

A bateria tem uma densidade de energia de 24 Wh/kg, ou seja, aproximadamente 20% da capacidade em comparação com as baterias de iões de lítio atualmente disponíveis. Além disso, apresenta uma rigidez de 25 GPa.

O portal explica ainda que, como o peso dos veículos pode ser bastante reduzido com esta bateria, menos energia será necessária para fazer um carro elétrico andar. Além disso, uma densidade de energia mais baixa também proporciona mais segurança.

“Usando fibra de carbono, conseguimos projetar uma bateria estrutural com capacidade e rigidez competitivas de armazenamento de energia”, disse Leif Asp, professor da Chalmers e líder da investigação.

A equipa já iniciou um novo projeto, financiado pela Agência Espacial Nacional Sueca, para tentar aumentar ainda mais o desempenho da bateria estrutural.

A ideia é substituir a folha de alumínio por fibra de carbono como material de suporte de carga no elétrodo positivo, proporcionando maior rigidez e densidade de energia. O separador de fibra de vidro será substituído por uma variante ultrafina, que terá um efeito maior e ciclos de carregamento mais rápidos.

Leif Asp estima que a bateria possa atingir uma densidade de energia de 75 Wh/kg e uma rigidez de 75 GPa. O novo projeto deverá estar concluído em dois anos.

Liliana Malainho Liliana Malainho, ZAP //

PARTILHAR

RESPONDER

Covid-19: Portugal com uma morte e 324 novos casos nas últimas 24 horas

Portugal registou hoje uma morte atribuída à covid-19, 324 novos casos de infeção pelo novo coronavírus e uma ligeira subida no número de internamentos em enfermaria, segundo a Direção-Geral da Saúde (DGS). De acordo com o …

Roma já tem uma máquina de venda automática de pizza

A capital italiana tem agora uma máquina de venda automática que faz pizzas em apenas três minutos. Os preços variam de 4,50 aos seis euros (e as opiniões sobre esta ideia também). Raffaele Esposito, o napolitano …

Morreu Bo, o cão de água português de Barack Obama

Bo, o cão de água português que o ex-presidente dos Estados Unidos, Barack Obama, adotou em 2009 morreu este domingo com 13 anos, em consequência de um cancro, anunciou o político nas redes sociais. O cão …

Futuro pós-vacinação entre reforço de dose, controlo de variantes e medicamentos

A incerteza sobre a duração da imunidade das vacinas contra a covid-19 deixa o futuro do combate à doença entre o reforço da vacinação, a monitorização de novas variantes e o desenvolvimento de terapêuticas alternativas, …

Presidente da República promulga Carta de Direitos Humanos na Era Digital

O Presidente da República, Marcelo Rebelo de Sousa, promulgou este sábado a Carta de Direitos Humanos na Era Digital, aprovada em abril na Assembleia da República, segundo uma nota divulgada no site da Presidência. A lei, …

Depois de 17 anos no subsolo, biliões de cigarras vão emergir nos Estados Unidos

Biliões de cigarras vão emergir nos Estados Unidos. O aviso é de um grupo de cientistas que alerta que, dentro de alguns dias ou semanas, as cigarras da Ninhada X vão surgir depois de 17 …

Foguetão chinês regressou à Terra (e a maior parte desintegrou-se)

Um importante segmento do foguetão chinês desintegrou-se este domingo ao reentrar na atmosfera terrestre e caiu no oceano Índico, perto das Maldivas, anunciou a agência espacial da China. "De acordo com o percurso e análise, pelas …

"Se eu encaixar, eu sento-me." Os gatos adoram caixas ilusórias

Qualquer amante de gatos sabe que estes animais têm uma predileção inata por se sentarem em espaços fechados, mesmo que o espaço seja apenas um contorno bidimensional de um quadrado no chão.  Os cientistas analisaram esta …

Jet pack da Marinha britânica. Fuzileiros navais testam macacão Gravity em exercício de embarque

Quem melhor do que as organizações militares para testar e usufruir dos jet packs? A Marinha Real Britânica e os Fuzileiros Navais reais testaram um macacão a jato, desenvolvido pela empresa Gravity Industries. Esta semana, a …

Marés de Júpiter podem ajudar a perceber a história do Sistema Solar

Uma equipa de investigadores detetou uma pequena perturbação gravitacional em Júpiter. A descoberta pode ajudar a investigar o interior do planeta e perceber melhor a história do Sistema Solar. "Se você tentasse mergulhar em Júpiter, nunca …