Acusado de matar primo à sacholada diz não se lembrar das agressões

eltpics / Flickr

-

O homem acusado de matar um primo à sacholada, em julho de 2013, em Adaúfe, Braga, admitiu hoje que pode ter cometido o crime, mas garantiu não se lembrar de ter agredido a vítima.

Num depoimento marcado pela incoerência, o arguido, de 44 anos, disse que, no dia dos factos, foi ele o primeiro a ser agredido na testa com uma enxada, precisamente pelo primo que viria a morrer.

“A partir daí, não me lembro de mais nada, fiquei em estado de choque“, referiu.

Depois, trabalhou a tese de legítima defesa.

“Se não fosse ele [a morrer], era eu”, disse ainda.

O arguido estava acompanhado do filho, de 14 anos, que também terá dado umas sacholadas na vítima.

“Se o meu filho não dá, tinha morrido eu”, afirmou o arguido.

Mais à frente, o arguido disse que pensou logo que ia morrer e que teve medo que acontecesse alguma coisa ao filho.

Admitiu que antes do crime tinha bebido “duas tigelinhas” de vinho e que na altura dos factos se encontrava “muito exaltado”.

Sublinhando que não teve intenção de matar, disse sentir-se “culpado”, confessou-se “arrependido” e pediu “perdão” à família da vítima.

Segundo a acusação, deduzida pelo Ministério Público, o agressor, de 44 anos, e a vítima, 13 anos mais velha, já andavam desavindos por causa de partilhas.

No dia dos factos, 8 de julho, encontraram-se para limpar um rego de água, em Adaúfe, Braga, que serve várias leiras, tendo havido mais uma discussão, dessa vez por causa de uma mangueira e de um motor de rega.

O arguido terá começado a insultar e ameaçar o primo, após o que os dois se “pegaram”.

Ainda segundo a acusação, a vítima começou por agredir o arguido na cabeça, com uma enxada.

O arguido respondeu da mesma forma, tendo a vítima caído no chão, inanimada, mas mesmo assim o arguido e um seu filho, de 14 anos, continuaram a agredi-la com utensílios agrícolas.

Um inspetor da Polícia Judiciária, hoje ouvida em julgamento, disse que as agressões foram perpetradas “com extrema violência“, tendo a vítima sido atingida com “pelo menos” seis sacholadas, sobretudo na cabeça.

O agressor está acusado de homicídio qualificado, um crime punível com pena de prisão entre 12 e 25 anos.

/Lusa

PARTILHAR

RESPONDER

Hong Kong. Agente atingido por flecha e operação policial reforçada com canhão de água

Um polícia foi atingido numa perna por uma flecha lançada por manifestantes antigovernamentais e pró-democracia, informaram as forças de segurança, que reforçaram a operação no local com um canhão de água. Um polícia foi atingido …

Príncipe André nega ter abusado sexualmente de jovem de 17 anos

O príncipe André, filho de Isabel I, é acusado de ter abusado sexualmente de Virginia Giuffre, uma jovem que na altura tinha 17 anos. O caso remonta ao dia 10 de março de 2001 e, este …

FC Porto tira pão da boca ao Sporting ao desviar central brasileiro

Os 'dragões' podem estar perto de chegar a acordo para a transferência de Gustavo Henrique. O central do Santos estava em negociações com o Sporting, mas uma forte investida do FC Porto, pode ter mudado …

Será que os cães conseguem farejar uma gravidez?

Já ouvimos falar de cães a farejar bombas e de cães a farejar cancro. E quanto à gravidez, o que poderá o nariz de um cão dizer? Há várias mulheres grávidas a relatar que o cão …

Quatro mortos em manifestações na Bolívia. São 23 desde o final de outubro

Comissão Interamericana de Direitos Humanos registou pelo menos 122 feridos desde sexta-feira. Já houve 23 vítimas mortais desde o final de Outubro, início da crise social e política na Bolívia. Quatro pessoas morreram no sábado em …

UE acusada de pagar aos próprios traficantes para travar imigração

A União Europeia conta com um processo no Tribunal Penal Internacional interposto por Omer Shatz e Juan Branco. A UE é acusado de pagar aos próprios traficantes para parar a imigração. Omer Shatz, advogado e professor …

Governo quer ter a primeira refinaria de lítio da Europa

O Governo quer abrir a primeira refinaria de lítio no continente europeu. No entanto, João Galamba refere que tudo depende dos resultados do estudo de impacto ambiental das minas. Sem confirmar que venha a haver minas …

Cientistas desvendam novas pistas sobre o maior macaco que já existiu

O mítico "Bigfoot" é uma criatura lendária mas, durante milhões de anos, o verdadeiro — um símio com o dobro do tamanho de um ser humano adulto — percorreu as florestas do Sudeste Asiático, antes …

Preço do tabaco pode aumentar. Decisão cabe ao Governo

Os responsáveis do Programa Nacional para a Prevenção do Tabagismo propuseram um aumento do preço do tabaco, e a decisão depende agora do Governo. Os responsáveis do Programa Nacional para a Prevenção do Tabagismo propuseram um …

Derrocada em Borba. Um ano depois, ainda é uma ferida aberta e problemas continuam

Um ano depois do acidente na pedreira de Borba, o sindicato que representa os trabalhadores garante que os perigos persistem, enquanto a associação Assimagra salienta que foi um caso “isolado” e está a avançar com …