Durante 30 anos, crianças foram entregues a pais adotivos pedófilos. Alemanha fechou os olhos

Investigadores da Universidade de Hildesheim, na Baixa Saxónia, descobriram que, durante quase 30 anos, um professor de psicologia colocou propositadamente crianças abandonadas junto de pais adotivos com um historial de pedofilia. O projeto ocorreu com o conhecimento das autoridades alemãs.

De acordo com o jornal alemão Deutsche Welle, nos anos 70, Helmut Kentler, um professor numa posição de liderança no centro de pesquisa educacional de Berlim, decidiu começar o seu estudo, convencido de que o contacto entre pedófilos e crianças era inofensivo.

Segundo Kentler, que morreu em 2008, aqueles homens eram pais adotivos especialmente carinhosos. Os pais adotivos chegaram a receber um subsídio regular de assistência.

Esta “experiência” só foi descoberta há alguns anos, quando duas das vítimas decidiram contar a sua história, dando início ao estudo realizado pela Universidade de Hildesheim.

Os investigadores descobriram que a experiência contava com uma densa “rede entre instituições educacionais”, o escritório de assistência social juvenil e o Senado (a câmara alta do Parlamento alemão). Durante 30 anos, estas instituições fecharam os olhos, tendo aprovado algumas das colocações das crianças junto de pais adotivos com um historial de pedofilia.

Segundo a conclusão dos investigadores, a pedofilia era “aceite, apoiada e defendida”, tendo os dois órgãos “fechado os olhos ou aprovado” a medida.

Alguns dos pais adotivos eram académicos de alto perfil, sendo que a rede descoberta incluía membros importantes do Instituto Max Planck, da Universidade Livre de Berlim e da Escola Odenwald, que esteve no centro de um escândalo de pedofilia.

Kentler, que mantinha o contacto regular com as crianças e os pais adotivos, nunca foi acusado e as vítimas não receberam qualquer compensação, uma vez que quando estas decidiram falar sobre a sua experiência, o caso já tinha prescrito.

Em 2016, a Universidade de Göttingen publicou um relatório sobre a “Experiência Kentler”, notando a falta de interesse do Senado.

Sandra Scheeres, que já ocupava a tutela da Educação e da Juventude na época, assegurou na segunda-feira que “o Senado de Berlim assume a responsabilidade pelo sofrimento infligido àqueles que estavam sob proteção e responsabilidade públicas”. Desta vez, as autoridades de Berlim garantem que irão desvendar o caso.

ZAP //

PARTILHAR

3 COMENTÁRIOS

RESPONDER

Francisco George defende vacinação de crianças com menos de 5 anos contra a covid-19

As crianças maiores de cinco anos devem ser vacinadas contra a covid-19, desde que a segurança e a eficácia da vacina estejam comprovadas cientificamente nestas idades, defende o médico especialista em saúde pública Francisco George. A …

Cientistas imprimiram, pela primeira vez, células cerebrais vivas em 3D

Uma equipa de cientistas usou uma nova técnica laser e conseguiu imprimir em 3D células cerebrais vivas. A maioria dos neurónios sobreviveram durante mais de dois dias após terem sido impressos em 3D, o que significa …

Descoberto antídoto contra agentes nervosos tipo Sarin e Novichok

Uma equipa do Laboratório Nacional Lawrence Livermore (LLNL), nos Estados Unidos, desenvolveu um antídoto que neutraliza a exposição ao envenenamento por agente nervoso. O estudo, que foi publicado na revista Scientific Reports, foi o resultado de …

Marte sobreviveu a super-erupções (que libertaram "oceanos" de poeira e gases tóxicos)

A região de Arabia Terra, situada no norte de Marte, já foi palco de erupções suficientemente potentes para libertar "oceanos" de poeira e gases tóxicos no ar.  A NASA confirmou, recentemente, que uma região do norte …

Vulcão, La Palma

O Cumbre Vieja também tem negacionistas. "É tudo orquestrado"

Nos últimos dias, as redes sociais têm-se tornado o palco dos "negacionistas dos vulcões" que defendem que, por trás da erupção do Cumbre Vieja, há mão humana. Nas redes sociais já há negacionistas do vulcão Cumbre …

Selecção da Lituânia falhou os Mundiais porque...chegou atrasada

Per Strand venceu, António Morgado ficou em sexto, mas os ciclistas da Lituânia acabaram por marcar a prova de estrada de juniores, nos Mundiais em Flandres. Per Strand Hagenes é o novo campeão mundial júnior de …

Gil Vicente 1-2 Porto | Dragão canta de galo com dois golaços

Foi sofrer até ao fim. Sérgio Conceição tinha alertado que não seria fácil bater o Gil Vicente e foi isso que ocorreu na noite desta sexta-feira em Barcelos. O FC Porto apenas a um minuto dos …

Na II Guerra Mundial, um erro "humilhante" destruiu dois imponentes navios de guerra da Marinha Real

No dia 10 de dezembro de 1941, os japoneses afundaram os imponentes Prince of Wales e Repulse. A culpa foi do almirante Thomas Phillips que, na sequência de um "erro humilhante", acabou também por falecer. Winston …

O robô Atlas, da Boston Dynamics, faz parkour (e até dá um mortal para trás)

O Atlas é, sobretudo, um projeto de investigação: um robô que ajuda os engenheiros da Boston Dynamics a trabalhar em melhores sistemas de controlo e perceção. O parkour é um verdadeiro desafio para os seres humanos, …

Na Tailândia, um "cemitério" de táxis foi transformado numa horta sobre rodas

Desde pimentos a pepinos, beringelas e até mangericão. Num parque de estacionamento ao ar livre em Banguecoque, os táxis abandonados transformam-se em hortas para alimentar os trabalhadores. A pandemia de covid-19 obrigou os táxis de Banguecoque …