Mais de 200 voos cancelados em Hong Kong. Governo alerta para “situação muito perigosa”

A greve geral convocada pelo movimento pró-democracia cancelou mais de 200 voos de e para Hong Kong esta segunda-feira.

Mais de 200 voos de e para Hong Kong foram esta segunda-feira cancelados devido à greve geral convocada pelo movimento pró-democracia, num dia marcado por um protesto que paralisou parcialmente o serviço de metro na cidade.

Um terço dos controladores de tráfego aéreo juntou-se ao protesto contra as emendas à lei da extradição e está a condicionar fortemente as operações no Aeroporto Internacional de Hong Kong, segundo a emissora pública RTHK.

Aquele que é um dos aeroportos mais movimentados do mundo reduziu drasticamente as suas operações de voo e está a utilizar apenas uma das duas habituais pistas. A Cathay Pacific e outras companhias aéreas domésticas, como a Hong Kong Airlines, foram as mais afetadas pelos cancelamentos.

Os protestos desta segunda-feira, após dois dias de confrontos entre manifestantes e a polícia, já causaram a suspensão total ou parcial de pelos menos oito linhas de metro, indicou o jornal South China Morning Post (SCMP).

Esta é a terceira vez em três semanas que os manifestantes interrompem o serviço do metropolitano. O serviço de comboio rápido que liga o centro da cidade ao aeroporto também foi suspenso.

Esta manhã, a líder do executivo de Hong Kong disse que a cidade está “à beira de uma situação muito perigosa” devido aos protestos, mas que o Governo está determinado em garantir a ordem pública. Carrie Lam sublinhou que as ações de protesto estão a atingir sobretudo a classe trabalhadora, a desafiar o princípio “um país, dois sistemas” e a prosperidade da cidade, onde se vive o caos e a violência.

Hong Kong vive há dois meses um clima de contestação social desencadeado pela apresentação de uma proposta de alteração à lei da extradição, que permitiria ao Governo e aos tribunais da região administrativa especial a extradição de suspeitos de crimes para jurisdições sem acordos prévios, como é o caso da China continental.

A proposta foi, entretanto, suspensa, mas as manifestações generalizaram-se e denunciam agora aquilo que os manifestantes afirmam ser uma “erosão das liberdades” na antiga colónia britânica.

A transferência de Hong Kong e Macau para a República Popular da China, em 1997 e 1999, respetivamente, decorreu sob o princípio “um país, dois sistemas”, precisamente o que os opositores às alterações da lei garantem estar agora em causa.

Para as duas regiões administrativas especiais da China foi acordado um período de 50 anos com elevado grau de autonomia, a nível executivo, legislativo e judiciário, sendo o Governo central chinês responsável pelas relações externas e defesa.

ZAP // Lusa

PARTILHAR

RESPONDER

Cães nascem "prontos" para comunicar com os humanos

Um novo estudo indica que os cães com pouco contacto com pessoas conseguem entender gestos como o de apontar e têm tendência para prestar atenção ao rosto dos humanos. A pesquisa sugere que cães com apenas …

Mistério sobre restos mortais de criminosos de guerra do Japão finalmente resolvido

Um investigador japonês encontrou documentos oficiais dos Estados Unidos que detalham como os militares norte-americanos espalharam as cinzas do antigo primeiro-ministro Hideki Tojo e de outros seis criminosos de guerra no Pacífico. Segundo a agência japonesa …

Hospitais do Quénia têm administrado água em vez de vacinas contra a covid-19

Numa altura em que o país se encontra a tentar acelerar o processo de vacinação - de modo a imunizar os 54 milhões de habitantes o mais rápido possível - surgem rumores de que alguns …

Moeda de ouro americana é leiloada por 18,8 milhões de dólares em Nova Iorque

Uma moeda de ouro americana de 1933 foi leiloada nesta terça-feira na Sotheby's de Nova Iorque por 18,87 milhões de dólares, um valor recorde e quase cinco milhões a mais do que o máximo estimado. O …

Mário Jardel: Botas de Ouro roubadas e teste positivo à covid-19

Primeira semana de junho não está a ser tranquila para o antigo avançado. Jardel contraiu o coronavírus mas não apresenta sintomas graves. Mário Jardel ficou temporariamente sem os seus maiores prémios da carreira, a nível individual. …

No restaurante Pizza Pacaya, o forno é um vulcão ativo

David García usa o maior forno da natureza para cozinhar: um vulcão. Em Pacaya, na Guatemala, a sua pizza tornou-se uma atração turística. Na noite de 27 de maio de 2010, o vulcão Pacaya, na Guatemala, …

Australotitan cooperensis. Nova espécie de titanossauro está entre os dez maiores do mundo

Um enorme dinossauro cujos fósseis foram descobertos na Austrália em 2006 foi positivamente identificado como um espécime de uma nova espécie, chamado Australotitan cooperensis, sendo um dos maiores animais conhecidos a ter vivido na terra. Este …

Portugal recebe na próxima semana primeiros estrangeiros com certificado de vacinação

O ministro da Economia e Transição Digital anunciou hoje que Portugal passará na próxima semana a receber no país cidadãos estrangeiros que apresentem o devido certificado de vacinação, como recomendado pelo Conselho da Europa. A medida …

"Mourinho prefere Rúben Dias, mas Pepe é o melhor central do mundo"

Perspetiva de Jorge Andrade, na antevisão ao Europeu 2020. Costinha e Nuno Gomes também deixaram algumas previsões. Para José Mourinho, o melhor defesa-central do mundo é português. Para Jorge Andrade, o melhor defesa-central do mundo é português. …

Bónus para gestores do Novo Banco tiveram em conta “interesse público”

O bónus de 1,9 milhões de euros que foi atribuído no ano passado à equipa de gestão de António Ramalho, no Novo Banco, foi decidido pelo comité de remunerações de forma “prudente e vigilante”. A garantia …