Cerca de 15% dos eleitores norte-americanos acreditam que os Illuminati existem

Os clubes secretos e os grupos internos proliferaram tanto quanto as sociedades humanas, mas poucos persistiram na imaginação norte-americana de forma tão vibrante quanto os Illuminati, uma suposta conspiração de indivíduos iluminados que controlam o mundo. E alguns desses crentes votam.

De acordo com uma nova pesquisa da Insider, divulgada pelo Insider Business, 15% do eleitorado norte-americano registado acredita que a existência dos Illuminati – ou uma organização comparável – é plausível.

Na pesquisa, foi perguntado a mais de mil entrevistados: “Qual das seguintes ideias não comprovadas, fenómenos paranormais ou crenças gerais acredita serem confiáveis?”. As respostas incluíam 15 opções, tais como “a existência de chemtrails”, “a eficácia da cura de cristal” ou “nenhum destes”.

O termo Illuminati remonta a 1776, quando foi cunhado em referência aos Illuminati da Baviera, uma sociedade secreta fundada pelo filósofo alemão Adam Weishaupt.

Na passagem para o século 19, o grupo estava dissolvido – graças, em parte, a um decreto do Governo da Baviera que proibia sociedades secretas -, mas as suas ideias já se haviam espalhado. Em 1798, George Washington escreveu uma carta onde mencionava as “doutrinas nefastas” dessa sociedade secreta.

Agora, a expressão Illuminati é usada para descrever vários grupos obscuros que supostamente estão a controlar a sociedade. A lista de suspeitos dos Illuminati incluem nomes como George W. Bush, Beyoncé e a rainha Elizabeth II, que, segundo uma teoria popularizada pelo ex-repórter desportivo da BBC David Icke, também pode ser um réptil.

Estima-se que 200 milhões de norte-americanos foram registados para votar nas eleições presidenciais de 2016. Se pesquisa da Insider for uma imagem precisa da população dos Estados Unidos (EUA), 30 milhões desses eleitores acreditam nos Illuminati.

De acordo com a pesquisa, os republicanos são mais propensos a acreditar na sociedade secreta do que os democratas.

Os entrevistados também foram questionados sobre seus hábitos relativamente aos media sociais. O YouTube tornou-se num sinónimo de teorias de conspiração tal que a empresa anunciou um novo plano para reprimir o conteúdo extremista.

A pesquisa do Insider descobriu que aqueles que acreditam nos Illuminati gastam 60% mais tempo no YouTube do que os que não acreditam. O pesquisador típico assistiu aproximadamente 72 minutos de vídeos na plataforma por semana, enquanto os crentes dos Illuminati atingiram os 116 minutos.

TP, ZAP //

PARTILHAR

RESPONDER

É mesmo possível reconhecer um ditador pelas suas características faciais

Os líderes democraticamente eleitos tendem a ter rostos mais atraentes e simpáticos do que os líderes autoritários, conclui um polémico estudo. É comum as pessoas formarem juízos de valor baseados na aparência de um rosto. No …

Moedas já fala como presidente. "Temos que deixar a política da fricção e apostar na construção de soluções, de resultados"

Carlos Moedas, que se vê como um presidente inclusivo", recusa uma política de "fricção", nomeadamente na oposição ao poder nacional e promete concentrar-se nos "resultados e nas pessoas" para melhorar a vida dos lisboetas. Carlos Moedas, …

Responsabilidade é a característica mais importante para alcançar bons resultados escolares

Cerca de 300 estudantes do concelho de Sintra participaram no estudo internacional que teve como objetivo correlacionar o desempenho escolar com as competências sociais e emocionais dos mesmos. A responsabilidade é uma das características mais importantes …

CCB condenado por violar direitos laborais de técnicos de espetáculos

O Centro Cultural de Belém (CCB) foi condenado em tribunal por violação dos direitos laborais de 12 técnicos de espetáculos. Segundo o jornal Público, os juízes do Tribunal da Relação de Lisboa deram razão a 12 …

Berlinenses apoiam expropriação de grandes proprietários para conter preços da habitação

Resultados do referendo são um sinal da crescente divisão que se vive na sociedade berlinense em relação à especulação imobiliária. Agentes imobiliários interpretam o resultado como um "mau sinal" que pode levar à "paralisação imediata …

Portugal com 230 novos casos de covid-19 e uma morte. País cada vez mais próximo da zona verde da matriz de risco

Portugal registou, esta segunda-feira, 230 novos casos e uma morte na sequência da infeção por covid-19, de acordo com o boletim epidemiológico da Direção-Geral da Saúde (DGS). País está mais próximo da zona verde da …

Restauração defende manutenção do lay-off simplificado

A Associação da Hotelaria, Restauração e Similares de Portugal (AHRESP) defendeu hoje a continuidade do lay-off simplificado para apoio à manutenção dos postos de trabalho das atividades da restauração, similares e alojamento turístico. “Esta medida assume …

Cumbre Vieja deixou de expelir lava, mas os sismos voltaram

O vulcão Cumbre Vieja, em La Palma, nas Canárias, parou de emitir lava. Apesar de a atividade ter sido a mais baixa da última semana, as autoridades alertam que a situação pode mudar rapidamente. A atividade …

Portugal continental tem 83,89% da população com vacinação completa

Cerca de 8,27 milhões de pessoas em Portugal continental tinham a vacinação completa contra a covid-19 até às 19h00 deste domingo, revelou à agência Lusa fonte oficial da task force que coordena o processo de …

Mulheres ganham 9% das câmaras, menos do que em 2017

Das 308 câmaras do país, 28 foram ganhas por uma mulher, o que corresponde a aproximadamente 9% do total e menos do que as 32 autarcas eleitas em 2017, segundo o portal de dados estatísticos …