Vala milenar repleta de sarcófagos de bebés encontrada no Egito

Ministério das Antiguidades do Egito

Um dos sarcófagos de bebé construídos

Uma missão arqueológica sueco-egípcia, liderada por Maria Nilsson e John Ward, ambos da Universidade de Lund, na Suécia, descobriu em Gebel el-Silsila, no Egito, uma enorme vala comum datada da XVIII dinastia.

O descoberta, anunciada por de Mustafa Wasiri, secretário-geral do Ministério de Antiguidades do Egito, revelou que a vala comum foi encontrada a cinco metros de profundidade, tendo duas câmaras sem qualquer decoração.

O espaço está repleto de água, sendo necessário bombear a água para continuar com os trabalhos arqueológicos. É ainda de salientar que, recentemente, houve uma tentativa de roubo no local, dificultando ainda mais as escavações.

Cronologicamente, há indicações de enterros no Egito há, pelo menos, três gerações, que vão desde Tutmés II a Amenófis II, ou seja, há 3.400 anos.

Os arqueólogos encontram, pelo menos, restos mortais de 50 pessoas, metade dos quais pertencentes a crianças. A equipa acredita que o número de cádaveres irá aumentar à medida que a vala continuar a ser explorada.

Até então, nunca foi encontrada uma vala comum nesta região com restos mortais de tantas pessoas. Além do número recorde de cadáveres, a quantidade de restos mortais de crianças e mulheres é impressionante, indicando que havia na época uma sociedade estruturada e completa, onde trabalham e viviam várias pessoas na localidade, anteriormente conhecida como Jeny.

Os trabalhos descobriam até agora três sarcófagos de arenito, dois dos quais foram explorados e continham os restos mortais de um bebé e de uma criança ainda pequena. O terceiro sarcófago também foi também construído para um bebé.

As escavações vão continuar até ao fim do ano. Além dos sarcófagos, foram encontrados ainda encontrados, amuletos, braceletes, ânforas, jarros de cerveja, tigelas, frascos, bem como outros recipientes.

Abdel Moniem, diretor-geral do Departamento de Antiguidades de Aswan, declarou que o grupo está a avaliar o estado de preservação da vala, uma vez que a movimentação de água e areia tem deteriorado o interior, onde estão os vários sarcófagos e artefactos.

O Egito tem vindo a publicitar as novas descobertas na esperança de reanimar o setor do turismo, que ainda está a recuperar da turbulência ocorrida após a revolta de 2011 que derrubou o ditador de longa data Hosni Mubarak.

PARTILHAR

2 COMENTÁRIOS

RESPONDER

Parker Solar Probe lança nova luz sobre o Sol

Em agosto de 2018, a Parker Solar Probe da NASA foi lançada para o espaço, tornando-se pouco tempo depois a sonda mais próxima do Sol. Com instrumentos científicos de ponta para medir o ambiente em …

Encontrado no mar das Malvinas navio alemão da I Guerra Mundial 105 anos depois de naufragar

O naufrágio de um cruzador alemão da I Guerra Mundial foi identificado nas Ilhas Malvinas, onde foi afundado pela Marinha britânica há 105 anos. O SMS Scharnhorst foi o principal ativo da esquadra alemã na Ásia …

Boavista 1-4 Benfica | Águia goleia no xadrez do Bessa

O Benfica deu o pontapé de saída da 13ª jornada com uma vitória competente na visita ao Boavista, por 4-1. Num jogo potencialmente perigoso para as aspirações “encarnadas”, frente a um adversário com somente uma derrota …

Cientistas desenvolvem técnica para determinar o humor através da caligrafia

Uma equipa de cientistas estudou a biomecânica dos movimentos das mãos a escrever e a desenhar, e desenvolveu um método para avaliar as propriedades individuais da velocidade de escrita e da pressão do lápis no …

Quase seis mil denúncias de agressões sexuais em viagens da Uber nos EUA

A plataforma de transporte de passageiros Uber divulgou na quinta-feira um relatório, revelando quase seis mil denúncias de agressões sexuais a utilizadores, motoristas e terceiros nos Estados Unidos (EUA), em 2017 e 2018. No relatório de …

Polícia de Los Angeles vai usar dispositivo "ao estilo Batman" para prender suspeitos

A polícia de Los Angeles, nos Estados Unidos, vai adotar, no início do próximo ano, um novo dispositivo, conhecido como BolaWrap 100, que dispara um cinto de fibra sintética a uma velocidade de 200 metros …

Corriere dello Sport defende-se das acusações e garante ser "inimigo do racismo"

O jornal desportivo italiano Corriere dello Sport afirmou esta sexta-feira ser “inimigo do racismo”, defendendo-se das críticas motivadas pela manchete de quinta-feira, com o título “Black Friday” e ilustrada com os futebolistas negros Romelu Lukaku …

Alisadores e tintas para cabelo podem aumentar o risco de cancro da mama

Alisadores e tintas para cabelo são dois produtos comummente utilizados por mulheres. Um novo estudo sugere que estes podem aumentar o risco de cancro da mama, especialmente em mulheres negras. Muitos produtos capilares contêm compostos que …

Black Friday. Marca de cosméticos oferece por engano desconto de 96% e perde 10 milhões em duas horas

Uma falha no site oficial da marca de produtos cosméticos Foreo fez com que o seu artigo mais caro fosse vendido com um desconto de 96%, fazendo com que a empresa sueca perdesse 10 milhões …

Camisola usada por Pelé no seu último jogo foi vendida por 30 mil euros em leilão

Uma camisola usada por Pelé no seu último jogo com a seleção brasileira foi vendida por 30 mil euros num prestigiado leilão de objetos desportivos, realizado na quinta-feira em Turim, Itália. A camisola com o número …