Novo tratamento aumenta a sobrevivência em porcos depois de ataque cardíaco

thornypup / Flickr

Os cientistas descobriram que este tratamento experimental feito em porcos altera o tecido cicatricial que se forma depois de um ataque cardíaco. Embora a extensão das cicatrizes seja a mesma, a estrutura muda, permitindo uma melhor recuperação.

Em caso de ataque cardíaco, o músculo cardíaco é danificado, levando à formação deste tecido cicatricial. Como resultado, mesmo quando as pessoas sobrevivem ao ataque, a sua capacidade de bombear sangue fica mais reduzida.

As respostas médicas existentes atualmente tentam restaurar o fluxo sanguíneo — e, portanto, o oxigénio — para o coração o mais rápido possível depois um ataque. Isso reduz as cicatrizes, mas como os ataques raramente ocorrem quando a tecnologia médica está à mão, muitas vezes chega tarde demais para evitar danos a longo prazo. A insuficiência cardíaca ocorre dentro de um ano após quase um quarto do primeiro ataque dos pacientes.

De acordo com o IFLScience, James Chong, da Universidade de Sydney, na Austrália, administrou uma infusão intravenosa do rhPDGF-AB, fator de crescimento derivado de plaquetas, a 36 porcos durante sete dias.

Um mês depois, os animais que receberam este fator de crescimento tiveram uma melhor função cardíaca e um aumento de 40% na taxa de sobrevivência, relatou o cientista no estudo publicado na revista Science Translational Medicine.

Em declarações a este site, Chong explicou que, inicialmente, a equipa ficou surpreendida com os resultados porque, embora a função cardíaca tenha claramente melhorado, o volume de tecido cicatricial não havia mudado.

Utilizando técnicas avançadas de microscopia, os investigadores descobriram que o tecido cicatricial dos porcos tinha fibras de colagénio “caóticas e desorganizadas”. Mas, para os porcos que receberam o rhPDGF-AB, as fibras ficaram alinhadas.

Embora a equipa ainda não tenha a certeza do motivo pelo qual o tecido alinhado da cicatriz funcione muito melhor, Chong considera que “ajuda na transmissão do músculo cardíaco viável dos dois lados e também auxilia na formação de vasos sanguíneos”. Juntos, permitem que o coração continue a funcionar de forma relativamente normal, mesmo diante de choques induzidos.

A equipa também já tinha conseguido resultados semelhantes em cobaias, mas o bom, neste caso, é que o coração do porco é muito semelhante ao nosso. Por isso, o próximo passo será fazer ensaios clínicos em humanos, embora a universidade ainda precise de investimento para isso acontecer e concluir alguns testes de segurança específicos.

Porém, a principal questão pendente é a rapidez com que, depois de um ataque cardíaco, o tratamento começa a ser eficaz. Os porcos usados nesta pesquisa receberam-no imediatamente depois de ataques induzidos. Como isso não será possível com as pessoas, o tempo de atraso pode ser um fator crucial.

ZAP //

PARTILHAR

RESPONDER

Uma só teoria da conspiração sobre a covid-19 matou 800 pessoas. 60 ficaram totalmente cegas

Pelo menos 800 pessoas morreram e 60 ficaram cegas na sequência de uma teoria da conspiração sobre a covid-19, concluiu um novo estudo. A investigação, cujos resultados foram esta semana publicados na revista científica American Journal …

Apple e Google removem das suas lojas de aplicações um dos jogos mais populares do mundo

As gigantes tecnológicas Apple e Google removeram esta semana das suas lojas de aplicações, a App Store e a Google Play Store, respetivamente, o Fortnite, um dos jogos mais populares de todo o mundo. As …

Encontrado tesouro de artefactos nazis no "Covil do Lobo", o quartel-general ultrassecreto de Hitler

Quando os nazis se prepararam para invadir a União Soviética, em 1941, construíram um quartel-general militar secreto na floresta Masúria, na Polónia, ao qual chamaram "Wolfsschanze" ou "Covil do Lobo". Desde a sua descoberta após a …

Itália vai construir um túnel submarino para unir Sicília ao continente

Itália está a planear construir um túnel para ligar a região insular da Sicília ao continente italiano. O projeto de cinco mil milhões de euros vai ser pago com a parte do Fundo de Recuperação …

Point Roberts tinha um pé nos EUA e outro no Canadá (mas agora não "pertence" a nenhum)

Point Roberts, em Washington, está numa posição única. Localizada na ponta da Península de Tsawwassen, a cidade fica totalmente abaixo do paralelo 49, a linha que separa o Canadá dos Estados Unidos. Agora, a cidade …

Milhares de processadores quebraram um trilião de chaves para resgatar um Zip com bitcoins

Um misterioso homem perdeu o acesso a um ficheiro Zip onde estavam encriptadas as suas chaves privadas de bitcoins. Os 300 mil dólares foram resgatados por dois especialistas em criptografia — e por muitos milhares …

Reino Unido com mais de mil novas infeções pelo quarto dia consecutivo

O Reino Unido registou mais 11 mortos e 1.441 infeções de covid-19 nas últimas 24 horas, anunciou o Ministério da Saúde britânico, que manteve restrições sobre a área metropolitana de Manchester e parte do norte …

Governo não pondera (para já) proibição de fumar ao ar livre

O Governo não está a ponderar, neste momento, proibir fumar ao ar livre como foi decretado em Espanha, mas há “muitos aspetos em aberto” que serão acompanhados, disse esta sexta-feira a ministra da Saúde, Marta …

Lotação do Avante reduzida a um terço. Visitantes terão uma "área superior à que está estabelecida para as praias"

O PCP anunciou que vai limitar a entrada na sua anual Festa do "Avante!" a um terço da capacidade total, em virtude do contexto de pandemia de covid-19. O espaço de 30 hectares das Quinta da …

Governo da Guiné Equatorial demitiu-se em bloco

O Governo da Guiné Equatorial, liderado pelo primeiro-ministro Francisco Pascual Obama Asue, apresentou a sua demissão em bloco. Em declarações aos jornalistas, o ministro da Comunicação e porta-voz do Governo em funções, Eugenio Nze Obiang, explicou …