Teste experimental deteta cancro em apenas 10 minutos

Cientistas australianos desenvolveram um novo teste experimenta capaz de detetar cancro em apenas 10 minutos, utilizando o ADN obtido através de uma amostra de sangue.

A deteção precoce tem melhorado significativamente o prognóstico do cancro. Por esse motivo, cientistas de todo o mundo têm tentado encontrar novas formas de identificar a doença o mais cedo possível.

Foi o que decidiu fazer uma equipa de cientistas australianos da Universidade de Queensland, que recentemente criou um teste experimental capaz de detetar esta doença em apenas 10 minutos. Isto foi possível dado que os cientistas chegaram à conclusão de que o cancro forma uma estrutura de ADN única quando colocado em água.

No estudo, publicado esta terça-feira na Nature Communications, os cientistas afirmam que a identificação da presença desta estrutura única pode representar uma autêntica revolução no diagnóstico do cancro.

Em comunicado, principal autor do estudo, Matt Trau, explica que “descobrir que as moléculas de ADN cancerígenas formaram nanoestruturas 3D completamente diferentes do ADN em circulação foi um avanço que permitiu uma abordagem inteiramente nova para detetar o cancro de forma não invasiva em qualquer tipo de tecido, incluindo sangue”.

Foi a partir desta descoberta que a equipa criou aparelhos de deteção portáteis que poderão, no futuro, ser adaptados a smartphones.

Nesta etapa da investigação, falta ainda a fase dos ensaios clínicos. No entanto, para já, a sua aplicação a mais de 200 amostras de sangue e tecidos humanos resultou na deteção de células cancerígenas com uma taxa de acerto de 90%. Nesta fase, segundo a Visão, o teste foi aplicado aos cancros da mama, próstata, intestino e linfomas.

É certo que o cancro modifica o ADN das células saudáveis, mas diferentes tipos de cancro têm assinaturas diferentes. Desta forma, os cientistas sublinham a dificuldade de encontrar um traço comum capaz de distinguir as células saudáveis das afetadas pelo cancro.

Contudo, “esta assinatura única de ADN apareceu em todos os tipos de cancro de mama que examinámos e noutras formas de cancro, incluindo da próstata, colo-retal e linfoma”, adiantou Abu Sina, outro dos investigadores da Universidade de Queensland.

“Concebemos um teste simples usando nanopartículas de ouro que mudam instantaneamente de cor para determinar se as nanoestruturas 3D do ADN do cancro estão presentes”, detalhou Trau.

Segundo a equipa, estas partículas de ouro ligam-se ao ADN afetado e as alterações do comportamento molecular que levam à alteração da cor podem ser observadas com um microscópio de alta resolução.

“Certamente, ainda não sabemos se é o Santo Graal de todos os diagnósticos de cancro, mas parece realmente interessante”, lê-se no comunicado.

ZAP //

PARTILHAR

RESPONDER

"Ato que nenhum fim pode justificar". Vaticano critica a aceitação mundial da eutanásia

Através de um novo documento, o Vaticano condenou a disseminação da aceitação internacional da eutanásia e do suicídio assistido, inclusive em alguns países tradicionalmente católicos da Europa. O Vaticano referiu no documento publicado hoje - e …

Facebook teme sair da Europa caso não possa transferir dados para os EUA

A Comissão de Proteção de Dados irlandesa propôs que os dados dos cidadãos europeus não possam sair do continente. O Facebook diz que não sabe como poderá continuar a prestar os seus serviços na Europa …

O guarda-redes do Chelsea é o melhor em quê? "Em cometer erros"

Kepa alvo de críticas fortes. Frank Lampard confirmou a chegada de mais um guarda-redes, proveniente de França. O Chelsea volta a ser notícia por causa do mercado e volta a ser notícia por causa de um …

Promotores assumem pela primeira vez que Trump pode ser investigado por fraude fiscal

O gabinete do procurador do distrito de Manhattan, que tem travado uma batalha legal com o Presidente dos Estados Unidos (EUA) para obter as suas declarações de impostos, sugeriu na segunda-feira, pela primeira vez, que podia …

Revelada causa da morte de 300 elefantes no Botsuana

O Governo do Botsuana anunciou, esta segunda-feira, que uma cianobactéria foi a causa da misteriosa morte de cerca de 300 elefantes no Botsuana em meados deste ano. A causa da morte dos paquidermes foi determinada após …

Cavani: brasileiros com milhões... mas pessimistas

O Grémio estabelece quatro parcerias para contratar o uruguaio. No entanto, a direção do clube não acredita que Cavani se vai mudar para Porto Alegre. "Na vida, se não conversas, nada sabes. Até pode surgir uma …

Ministério da Saúde indiano sem dados sobre médicos que morreram de covid-19. Associação fala em 382 óbitos

Depois de o Ministério da Saúde indiano ter afirmado esta semana que o não dispõe dos dados sobre os profissionais de saúde que morreram devido à covid-19, a Associação Médica do país publicou uma lista …

Chega apresenta proposta que prevê castração química para pedófilos

O projeto de revisão constitucional do Chega, entregue hoje no parlamento, prevê a remoção dos órgãos genitais a criminosos condenados por violação de menores, algo que em si mesmo encerra dúvidas de conformidade com a …

Fluminense: as derrotas pós-Evanilson e as quatro ausências de Fred

O reforço do FC Porto deixou a equipa brasileira que, desde essa transferência, contabiliza mais derrotas do que vitórias. A instabilidade de Fred não ajuda. Portugal continua mais atento ao Flamengo do que ao Fluminense, mesmo …

MP suíço pede 28 meses de prisão para presidente do PSG e 3 anos para Valcke

O Ministério Público suíço pediu, esta terça-feira, uma pena de 28 meses de prisão para Nasser Al-Khelaïfi, presidente do Paris Saint-Germain, e de três anos para Jérôme Valcke, antigo número dois da FIFA. Trata-se dos primeiros …