TAP no fim da lista de credores em caso de insolvência da Groundforce

A tensão entre a companhia aérea e a empresa de handling voltou a colocar o cenário de insolvência em cima da mesa. Mas isso pode vir a revelar-se um “calvário” para a TAP.

De acordo com o jornal online ECO, o desentendimento entre a TAP e a Groundforce coloca a empresa de handling mais próxima de um cenário que poderá resultar num pedido de insolvência.

Como credora, a companhia aérea pode pedir a insolvência da Groundforce – sendo que a declaração tem de ser decidida depois pelo tribunal –, e como acionista, pode passar para o fundo da lista de credores na hora de ser ressarcida do dinheiro investido.

Ou seja, sendo ao mesmo tempo credora e acionista, a TAP corre o risco de os seus créditos serem considerados subordinados.

“A lei é muito clara, os créditos dos acionistas são subordinados. Num processo de insolvência, os créditos são agrupados por classe e, tipicamente, os últimos a serem pagos são os créditos subordinados, ou seja, de entidades com caráter especial”, explica ao jornal digital Paulo Valério, diretor da Associação Portuguesa de Direito da Insolvência e Recuperação (APDIR).

Além disso, a transportadora portuguesa ficaria com os direitos de voto na assembleia de credores “muito comprometidos”, no qual seria decidido o futuro da empresa de handling.

“Esta questão pode tornar a insolvência da Groundforce um eventual calvário para a TAP. Este risco é muito real”, sublinha o também sócio da sociedade de advogados VFA.

A possibilidade de insolvência voltou a estar em cima da mesa depois de a administração da Groundforce ter decidido anular os contratos com a TAP, que em março comprou ativos da empresa por cerca de sete milhões de euros.

A primeira prestação, no valor de 462 mil euros, deveria ter sido paga na passada sexta-feira, o que não aconteceu.

“Não está a decorrer qualquer processo de venda”

Por sua vez, em declarações ao Jornal de Negócios, o presidente do conselho de administração da Groundforce e maior acionista, Alfredo Casimiro, garantiu que “não está a decorrer qualquer processo de venda da participação que a Pasogal detém” (50,1%).

O empresário, que tinha em curso negociações com a Atitlan, não confirma um fracasso no diálogo com esta empresa espanhola, dizendo apenas que continua à procura de uma solução.

O Jornal Económico já tinha avançado que há outros interessados (a belga Aviapartner e a norte-americana WFS), mas nenhuma outra negociação avançou ainda.

Ao Negócios, Casimiro revelou ainda que a Groundforce tem “cerca de 21 milhões de euros de capitais próprios negativos, em consequência da crise pandémica”. Mas continua a insistir que a empresa “era rentável antes da pandemia e voltará a sê-lo, assim que a operação aérea for normalizada”.

Prova disso é a situação das últimas semanas, com o aumento do número de voos, que colocou a Groundforce “em condições de garantir o pagamento de salários e terá de recrutar trabalhadores já para junho“.

A Groundforce é detida em 50,1% pela Pasogal e em 49,9% pelo grupo TAP, que, em 2020, passou a ser detido em 72,5% pelo Estado e que é acionista minoritário e principal cliente da empresa que presta assistência nos aeroportos de Lisboa, Porto, Faro, Funchal e Porto Santo.

ZAP //

PARTILHAR

RESPONDER

Escritora Manuela Gonzaga é candidata do PAN à Câmara de Lisboa

A escritora, historiadora e ex-jornalista Manuela Gonzaga é a candidata do PAN à presidência da Câmara Municipal de Lisboa, nas próximas eleições autárquicas, anunciou na segunda-feira o partido, remetendo para quarta-feira a apresentação da candidatura. "Com …

Costa Andrade acusa PGR de querer agir "à revelia" da Constituição e da lei

O ex-presidente do Tribunal Constitucional acusou, esta segunda-feira, a Procuradora-Geral da República (PGR) de pretender intervir no processo criminal, classificando esta atuação como "própria de um processo inquisitório" e "à revelia da Constituição e da …

Secretário-geral do PSD prevê "grande resultado" nacional nas autárquicas

O secretário-geral e coordenador autárquico do PSD disse antecipar que o partido terá "um grande resultado no país" e manifestou-se convicto da vitória em Portalegre, com a candidata Fermelinda Carvalho. No jantar de encerramento do primeiro …

"Um absurdo". Em 2424 vagas, só 2 professores com menos de 30 anos devem entrar nos quadros

O envelhecimento da carreira docente volta a fazer parte das reclamações da Federação Nacional de Professores (Fenprof), com o secretário-geral da entidade, Mário Nogueira, a revelar que, no próximo concurso de acesso aos quadros da …

Pfizer investiga pessoas vacinadas que contraíram a doença e estuda impacto da dose de reforço

A farmacêutica Pfizer vai realizar um estudo sobre um grupo de pessoas que depois de vacinadas contra o covid-19 contraíram a doença para determinar se é necessária uma dose de reforço. O anúncio sobre a investigação …

Vídeo da TAP a contratar em Espanha gera revolta. Companhia já abriu inquérito disciplinar

Numa altura em que o cenário do despedimento colectivo na TAP está na agenda política nacional, há um vídeo que revela o director de Recursos Humanos da companhia numa acção de recrutamento de trabalhadores em …

Defesa alega que Salgado tem “lapsos de memória” e “desgaste físico e emocional”

Os advogados apresentam um apanhado do que chamam do perfil psicológico do arguido, bem como as condições físicas em que atualmente se encontra. A contestação conta com 191 páginas. Tendo em conta o escrutínio público a …

"Errar é humano". Rui Moreira defende Medina das críticas (mas garante que no Porto não aconteceria algo semelhante)

Depois de Fernando Medina se ver envolvido no casos dos dados dos ativistas russos, Rui Moreira vem defender o seu homólogo dizendo que este não deverá abandonar a autarquia lisboeta. Em entrevista à TVI24, o Presidente …

"Cena de Kafka ou de Orwell". Bielorrússia exibe Protasevich em conferência de imprensa

As autoridades bielorrussas exibiram, esta segunda-feira, o jornalista Roman Protasevich, numa conferência de imprensa descrita pela oposição como uma "cena kafkiana" e realizada sob "coação". Esta segunda-feira, Roman Protasevich esteve presente numa conferência de imprensa do …

Pipa conhece interesse do Sporting e não descarta transferência

Gonzalo Ávila Gordon, mais conhecido por Pipa, tem sido observado pelo Sporting CP como opção para concorrer pelo lugar de Pedro Porro. "Vi as notícias, sei que o Sporting é o campeão português e um grande …