Sporting vs Feirense | Leão resolve perto do fim

O Sporting manteve a pressão sobre o líder FC Porto, ao bater o Feirense por 2-0, em Alvalade.

Numa partida que ficou marcada pela excelente exibição do guarda-redes dos “fogaceiros”, Caio Secco, os “leões” só conseguiram quebrar a muralha do adversário nos últimos 15 minutos, com golos de William Carvalho e Fredy Montero, o último já nos descontos, período em que os visitantes davam tudo para conseguirem restabelecer a igualdade.

O Jogo explicado em Números

  • Início de jogo a todo o gás do Sporting, que fez quatro remates nos primeiros 15 minutos, três deles à baliza, com o guarda-redes Caio Secco a estar à altura em todas as situações. Os “leões” fecharam este período inicial com uns claros 61% de posse, e com inferior eficácia na distribuição (73% contra 74% do adversário).
  • O primeiro remate do Feirense surgiu só aos 31 minutos, curiosamente  na sequência do primeiro passe para finalização da equipa visitante. Nesta altura havia três jogadores dos “fogaceiros” com apenas um passe – Flávio Ramos, Luís Machado e Alcenat.
  • Mau início de partida de Bruno Fernandes, que somou duas faltas e 15 perdas de bola nos primeiros 35 minutos – mais do dobro de perdas do que qualquer outro jogador “leonino” durante este período.
  • A cinco minutos antes do final da primeira parte havia um jogador do Feirense em claro destaque, o lateral-esquerdo Kakuba, que já somava nove acções defensivas  – mais do que todos os defesas do Sporting juntos (sete).
  • Resultado ao final da primeira parte castigador para a equipa do Sporting, que dominara por completo as incidências da partida nos primeiros 45 minutos, acabando, no entanto, por não conseguir concretizar nenhum dos seis remates à baliza, dois deles em situação flagrante.
  • Sem surpresas, Caio Secco liderava os GoalPoint Ratings nesta fase, com 6.2, já com seis defesa, três delas a remates de dentro da área. Do lado contrário, o melhor era o médio William Carvalho 6.1, com três passes para finalização, um deles para ocasião flagrante, um drible eficaz e quatro duelos ganhos em outros tantos disputados.
  • O início da segunda parte trouxe mais do mesmo, com Caio Secco a negar novamente o golo a Doumbia com uma grande defesa. O guarda-redes brasileiro chegou aos 60 minutos como líder isolado do Feirense em passes para o meio-campo adversário, 22, mais nove do que o jogador que se lhe seguia.
  • Pressão sufocante do Sporting, que fechou os 20 minutos iniciais da segunda parte com 72% de posse de bola e seis remates, dois deles à baliza. Bruno Fernandes somava já cinco passes para finalização, mais do que a equipa do Feirense (três).
  • Foi já perto dos últimos dez minutos da partida que terminou a resistência do Feirense. William Carvalho rematou para o fundo da baliza numa jogada confusa dentro da área de Caio Secco, que não ficou isento de culpas após tentar socar a bola na sequência de um canto.
  • Ainda antes do final da partida, Fredy Montero fez o 2-0 ao empurrar para dentro da baliza um passe de Gelson Martins, um dos jogadores mais intervenientes no ataque dos “leões”, com três passes para finalização.

O Homem do Jogo

Sem Bas Dost, lesionado, teve de ser William Carvalho a quebrar a resistência do Feirense, com um golo à queima-roupa, no único remate enquadrado que fez, após três tentativas sem a melhor direcção.

O capitão “leonino” esteve ainda em destaque ao somar três passes para finalização, um deles para ocasião flagrante de golo, dois dribles eficazes, oito duelos ganhos em 13 disputados, quatro alívios e três intercepções, terminando a partida com a nota mais alta nos GoalPoint Ratings, um relevante 7.8.

Jogadores em foco

  • Montero 6.9 – Apontou o golo que deu a tranquilidade às hostes leoninas, num dos seis remates de que foi autor, dois dos quais à baliza. Venceu os cinco duelos aéreos que disputou e fez ainda um passe para finalização.
  • Caio Secco 6.9 – Somou nove defesas, quatro delas a remates de dentro da área, três saídas a soco e uma recolha. Foi o jogador da sua equipa que mais passes fez, 34, sendo que apenas três deles não foram bolas longas.
  • Bruno Fernandes 6.5 – Rematou duas vezes, uma delas à baliza, e foi líder em número de passes para finalização, com seis. Tentou por três vezes o drible, sendo feliz em todas elas, e colocou 18 vezes a bola na área adversária. Sofreu sete faltas, duas delas em zona de perigo, mas perdeu a posse em 29 ocasiões.
  • Doumbia 4.6 – Rematou cinco vezes, uma delas à baliza, desperdiçando duas ocasiões flagrantes. Venceu metade das dez disputas em que esteve envolvido e foi apanhado uma vez em fora-de-jogo. Uma exibição para esquecer.
  • Luís Machado 4.3 – Contabilizou dois dribles eficazes, mas rematou apenas uma vez, de forma desenquadrada. Falhou ainda quatro desarmes e cometeu outras tantas faltas.

Resumo

PARTILHAR

RESPONDER

Greve geral volta a parar França. Filas de trânsito chegam aos 620 quilómetros

Os acessos a Paris estão, esta manhã, muito complicados devido ao quinto dia de greve contra a reforma das pensões e que afeta sobretudo a rede de transportes na capital francesa. De acordo com as autoridades, …

"Mário Centeno está a perder influência no Governo". Os (maus) sinais para o Orçamento de Estado 2020

A proposta de Orçamento do Estado para 2020 [OE 2020] vai ser apresentada daqui a uma semana e alguns economistas antecipam os riscos do documento, falando de uma "situação potencialmente perigosa para as contas públicas" …

Utilizadores russos do Reddit terão divulgado documentos comprometedores sobre o Brexit

A rede social Reddit anunciou ter concluído que utilizadores russos estiveram na origem da divulgação de documentos confidenciais do governo britânico sobre as negociações comerciais do Brexit. O Reddit anunciou, num comunicado citado pela Associated Press, …

Concorrência quer novas regras para fidelizações nas telecomunicações

A Autoridade da Concorrência (AdC) quer mudanças nas regras impostas pelas operadoras de telecomunicações nos contratos de fidelização. Segundo um relatório da AdC, ao qual o Jornal de Negócios teve acesso e que será esta segunda-feira …

Se Trump fosse julgado perante um júri, seria condenado "em três minutos"

Caso o processo de impeachment avance, e Trump seja apresentado perante um júri, Jerry Nadler acredita que o presidente norte-americano seria considerado culpado "em três minutos". O presidente da comissão de Justiça da Câmara dos Representantes, …

Sangue, lágrimas e crianças escoltadas na primeira despromoção da história do Cruzeiro

O Cruzeiro desceu de divisão pela primeira vez na sua história. O último jogo do campeonato, que selou a despromoção, ficou marcado por episódios violentos entre adeptos e polícia. O cenário vivido no 'Mineirão', este domingo, …

Movimento "Convergência" prepara moção para convenção do Bloco (mas rejeita cisão)

Largas dezenas de elementos do Bloco de Esquerda (BE) estiveram reunidos para preparar uma moção para apresentar na próxima convenção do partido, mas rejeitam estar a criar uma nova tendência ou a preparar uma cisão. João …

Empresário lesou Fisco em 60 milhões, mas não tem de devolver nada

Um empresário do setor do ouro condenado a sete anos de prisão por fraude fiscal agravada não terá de devolver nenhuma parte dos 60 milhões de euros de prejuízo que deu ao Estado por não …

Maioria das pistolas Glock roubadas da PSP pode ter estado sempre com a polícia

Luís Gaiba defende que a contagem do armamento não estava atualizada e que, por isso, a maioria das armas alegadamente desaparecidas pode nunca ter saído da posse da polícia. O agente Luís Gaiba, suspeito do roubo …

Rússia banida dos Jogos Olímpicos e Mundiais por quatro anos

A Rússia foi banida, esta segunda-feira, de Jogos Olímpicos e Mundiais por quatro anos, na sequência de uma decisão, tomada por unanimidade, do comité da AMA que avalia o cumprimento dos regulamentos. A Rússia foi excluída dos …