/

Sismo de magnitude 7,1 registado ao largo de Fukushima

Um sismo de magnitude 7,1 na escala de Richter foi registado este sábado ao largo da costa de Fukushima, indicou a Agência Meteorológica do Japão.

O Japão foi abalado este sábado por um sismo de magnitude de 7,1. O sismo terá sido sentido pelas 23h07 locais (14h07 em Portugal continental), de acordo com o Serviço Geológico dos Estados Unidos, que monitoriza a atividade sísmica em todo o mundo.

Segundo a Bloomberg, o epicentro do terramoto foi na costa de Fukushima, cerca de 220 quilómetros a norte de em Tóquio. O forte terremoto foi sentido amplamente em todo o Japão, incluindo o tremor de 4 na escala de 7 pontos na capital japonesa.

O terramoto foi sentido ao largo de Fukushima, onde se encontra a central nuclear que em 2011 foi apanhada por um tsunami. Desta vez, não houve ameaça de tsunami devido ao terramoto e nenhum relato imediato de grandes danos. Porém, de acordo com a Tokyo Electric Power Co., mais de 800 mil residências foram atingidas por apagões.

De acordo com o Japan Times, a população mais próxima das áreas costeiras foi aconselhada a deslocar-se para zonas mais altas como precaução.

O gabinete do primeiro-ministro japonês e a Tepco (Tokyo Electric Power Company), que opera nas centrais nucleares, encontram-se a monitorizar as mesmas para assegurar-se de que não há fugas radiativas.

Há dez anos, Fukushima sofreu um abalo de magnitude 9, acompanhado por um tsunami, que ocasionou 15 mil mortes e arrasou com a central nuclear próxima da cidade.

  Maria Campos, ZAP //

 

Deixe o seu comentário

Your email address will not be published.