/

Silas perto de ser anunciado como novo treinador do Sporting

Manuel de Almeida / Lusa

O ex-treinador do Belenenses, Silas

O Sporting CP já encontrou o homem certo para substituir Leonel Pontes no comando técnico do clube. Segundo avança o Record, Silas é o escolhido de Frederico Varandas.

Depois de uma série de maus resultados com Leonel Pontes à frente da equipa, o Sporting encontrou agora o substituto do técnico madeirense. Silas, antigo treinador do Belenenses SAD, será o novo treinador dos ‘leões’ e deverá ser anunciado esta sexta-feira, depois do jogo do Sporting frente ao Rio Ave, a contar para a Taça da Liga.

Silas foi a escolha do presidente leonino, Frederico Varandas, após o Sporting alegadamente ter tentado a contratação de José Mourinho, Abel Ferreira, Pedro Martins e Quique Setién. Ao que o Record apurou, Silas já deverá estar no banco sportinguista no jogo de segunda-feira com o Desportivo das Aves.

Silas é conhecido por gostar de apostar na juventude, algo que tem sido aposta do emblema de Alvalade nos últimos tempos. Com um futebol ofensivo e organizado — semelhante ao visto na sua passagem por Belém — poderá encaixar que nem uma luva nos ideias leoninos.

Frederico Varandas e Silas estiveram reunidos esta terça-feira para discutir os detalhes da sua mudança para Alvalade. Aos 43 anos de idade, esta será apenas a terceira temporada do antigo jogador que pendurou as chuteiras em 2017.

Como Silas ainda não possui o 4º nível do curso de treinadores, o seu nome não poderá constar nas fichas de jogo oficiais. Contudo, a situação não se prolongará por muito tempo, já que em novembro vai participar no curso de treinadores da UEFA, como explica o jornal Record.

O “não” das outras opções

Depois da derrota em Famalicão, não tardaram a ser apontados nomes ao lugar de treinador dos ‘verdes e brancos’. José Mourinho foi o nome mais sonante contactado pela SAD do Sporting, mas o antigo treinador do Manchester United rejeitou a ideia de se mudar para Lisboa.

Uma das outras opções era Abel Ferreira, atual treinador do PAOK e ex-técnico do SC Braga. Com o Sporting a sondar o português, o clube grego terá impedido a sua saída, obrigando ao pagamento da cláusula de rescisão de 7 milhões de euros.

Pedro Martins, também ele na Grécia, a comandar o Olympiacos, optou igualmente por não se aventurar no projeto sportinguista. Depois de dois anos sem ser campeão, o Olympiacos é o atual líder do campeonato grego e aspira a reconquistar o título. O “fator Liga dos Campeões” também deverá ter tido influência na decisão do antigo treinador vimaranense.

O espanhol Quique Setién também terá sido abordado pela direção sportinguista, mas, segundo o Record, a proposta foi rejeitada por eventuais problemas pessoais não revelados. Desta forma, o antigo técnico do Real Bétis não se mostrou disponível para se mudar para a capital portuguesa.

  ZAP //

Deixe o seu comentário

Your email address will not be published.