Astrónomos revelam segredos dos discos protoplanetários Peter Pan

Jonathan Holden / NASA

Impressão de artista de um disco de Peter Pan

Uma equipa de astrónomos da Universidade Queen Mary, em Londres, revelou como são formados os discos de Peter Pan. A descoberta pode ajudar a compreender a evolução dos discos e a formação de planetas.

Os discos protoplanetários são discos gigantes de gás e poeira que circulam em torno de estrelas jovens. Os discos recém-descobertos, conhecidos como discos Peter Pan, receberam este nome como se a sua contrapartida fictícia fosse “nunca crescer”, já que vivem entre 5 a 10 vezes mais do que outros discos protoplanetários conhecidos.

Apesar de os cientistas estarem conscientes da existência destes discos desde 2016, as perguntas sobre a sua formação e duração aumentaram nos últimos tempos, permanecendo sem resposta.

Num estudo publicado no dia 11 de junho na Monthly Notices of the Royal Astronomical Society, os cientistas usaram simulações em computador para observar uma série de possíveis configurações iniciais e de evolução dos discos para revelar a combinação de condições necessárias para formar os discos de Peter Pan.

A estas características chamaram de “Parâmetros da Terra do Nunca“.

Segundo o SciTechDaily, a investigação permitiu concluir que estes discos só se formam em ambientes solitários, longe de outras estrelas, e que precisam de ser muito maiores do que o normal na fase inicial.

“A maioria das estrelas forma-se em grandes aglomerados, com cerca de 100.000 estrelas. No entanto, os discos de Peter Pan não se formam nesse tipo de ambientes. Estes discos devem estar muito mais isolados dos seus vizinhos estelares. Também precisam de começar de forma massiva, para que tenham mais gás para perder e, assim, viver durante muito mais tempo”, explicou Gavin Coleman, primeiro autor do estudo.

Até agora, os astrónomos pensavam que estes discos tinham uma vida útil de poucos milhões de anos e se desvaneciam num prazo de 10 milhões de anos. “A descoberta da existência destes discos de longa duração foi realmente incrível. Descobrir como é que os discos de Peter Pan conseguem sobreviver durante mais tempo pode ser fundamental para nos ajudar a entender mais sobre a evolução dos discos e a formação de planetas”, esclareceu o cientista Thomas Haworth.

Devido ao ambiente específico necessário para a formação destes discos, os cientistas pensam que são muito raros. Até ao momento, só foram descobertos sete discos de Peter Pan, numa colaboração científica entre a NASA e o Zooniverse.

  ZAP //

PARTILHAR

RESPONDER

Vaticano tem três celas e um só prisioneiro. Uma onda de julgamentos pode mudar isso

Dez pessoas vão ser julgadas no Vaticano por crimes relacionados com a venda de um edifício em Londres. Visto como limitado e sombrio, o sistema judicial da cidade-estado está a mudar. Carlo Capella é o único prisioneiro …

Alexandra Leitão diz que "não há trabalhadores a mais na Administração Pública"

A ministra da Modernização do Estado assegura que não há trabalhadores a mais na Administração Pública e assume toda a abertura do Governo para negociar, "com humildade e responsabilidade", medidas adicionais às inscritas no OE2022. Em …

Start-up israelita quer fazer roupa a partir de algas

A Algaeing, criada em 2016, é uma empresa que converte as algas numa fórmula líquida, que depois pode ser usada como corante ou transformada num tecido. A indústria da moda é uma das responsáveis pelas emissões …

O antigo Presidente dos Estados Unidos, Bill Clinton

Bill Clinton já teve alta hospitalar e deve regressar a Nova Iorque

O ex-Presidente dos Estados Unidos deixou, neste domingo de manhã, o hospital da Califórnia onde foi internado com uma infeção, informou o chefe da equipa de médicos que o tratou. "O Presidente Clinton teve alta do …

Acordo escrito. Bloco diz que Governo "conhece bem" os pontos negociais

O Bloco de Esquerda anunciou, este domingo, que vai enviar ao Governo propostas de articulado de nove pontos negociais colocados em cima da mesa no início de setembro, aos quais declara não ter obtido resposta …

Mais de 1,6 milhões de portugueses vivem com menos de 540 euros por mês

Mais de 1,6 milhões de portugueses vivem abaixo do limiar da pobreza, ou seja, com menos de 540 euros por mês, uma realidade que afeta famílias numerosas, mas também quem vive sozinho, idosos, crianças, estudantes …

O ministro da Economia, Pedro Siza Vieira

"Subida do salário mínimo é para manter", diz Siza Vieira

O ministro da Economia destaca que a trajetória do aumento do salário mínimo nacional "é para manter", assegurando que a meta é que este suba até aos 750 euros em 2023. Em entrevista ao semanário Expresso, …

O Presidente da Venezuela, Nicolás Maduro

Cabo Verde extraditou Alex Saab para os Estados Unidos

O empresário Alex Saab, considerado pelos Estados Unidos testa-de-ferro do Presidente da Venezuela deixou a ilha do Sal, este sábado, em cumprimento do pedido de extradição das autoridades norte-americanas. "Isto configura um rapto. Foi novamente raptado", …

Nove mortes e mais 465 novos casos de covid-19 nas últimas 24 horas

Portugal registou, este domingo, mais nove mortes e 465 casos de infeção pelo novo coronavírus, segundo o último boletim epidemiológico da Direção-Geral da Saúde (DGS). De acordo com o último boletim da DGS, dos 465 novos …

O O primeiro-ministro, António Costa

Governo quer reunir com todos os partidos e solicitou ao Bloco os termos de acordo escrito

O Governo quer reunir-se com todos os partidos com quem tem negociado a viabilização do Orçamento do Estado e solicitou ao Bloco de Esquerda que envie o conteúdo e os termos do acordo escrito proposto. Estas …