Schiaparelli despenhou-se em Marte porque o software de navegação a enganou

(dr) ESA

-

O módulo Schiaparelli despenhou-se em Marte no dia 19 de Outubro. Agora, o inquérito sobre a queda da sonda está concluído e revela que “as informações contraditórias no computador de bordo causaram o fim prematuro da sequência de descida”.

A parte inicial da missão foi um sucesso: o módulo separou-se da sonda científica Trace Gas Orbiter (TGO) e, quando entrou na atmosfera de Marte, o paraquedas abriu a uma altitude de 12 km e a uma velocidade de 1730 km/h.

No entanto, um erro desencadeou uma libertação prematura do paraquedas e da concha traseira, um breve disparo dos propulsores de travagem e, finalmente, a ativação dos sistemas terrestres como se o Schiaparelli já tivesse aterrado – quando, na realidade, o veículo ainda estava a uma altitude de aproximadamente 3,7 km.

Desta forma, a sonda Schiaparelli acabou por se dirigir ao planeta vermelho a cerca de 540 quilómetros por hora em vez de travar suavemente para a aterragem.

A investigação, conduzida por peritos e divulgada na quarta-feira à noite, confirma a primeira hipótese avançada pela agência em novembro. O relatório final refere que a queda da Schiaparelli se deveu um erro transmitido pelo software de navegação que fez com que surgissem estimativas de altitude erradas.

Isto significa que a fase terminal da descida foi ativada demasiado cedo e a Schiaparelli entrou em queda livre, ficando desfeita ao atingir o solo marciano após 33 segundos.

O diretor geral da ESA, Jan Wörner, salienta que o módulo “esteve muito perto de pousar com sucesso em Marte”, e que a esta falha não põe em causa o sucesso da missão.

“A cápsula entrou na atmosfera de Marte e todo o hardware e sensores produziram uma quantidade enorme de dados, e esse era o objetivo mais importante do teste”, destacou.

A sonda-mãe Trace Gas Orbiter (TGO) continua a orbitar Marte, onde tentará encontrar indícios de metano e outros gases que podem indicar a presença de vida, além de também funcionar como uma estação de retransmissão de dados para a sonda que será enviada dentro de três anos.

ZAP //

PARTILHAR

1 COMENTÁRIO

  1. Estimado(a)s,

    Ao contrário do que foi mencionado na matéria, o relatório final (divulgado em http://exploration.esa.int/science-e/www/object/doc.cfm?fobjectid=59175) constatou problemas na Unidade de Medida Inercial (IMU) e não no Software de Navegação e Controlo (GNC).

    Essas afirmações estão descritas nos ítens 6.2.1, do referido relatório, onde detalha o incorreto funcionamento da IMU, e no ítem 6.3.3, onde descreve, no parágrafo quarto, que a duração da saturação do IMU foi o fator chave para a falha, eximindo o software da culpa no acidente.

    O Software de Navegação foi projetado para gerir saturações de até 15 milisegundos e recebeu dados saturados, oriundos da Unidade de Medida Inercial, durante mais de 5 segundos – 30 vezes superior ao projetado – motivo pelo qual não conseguiu calcular corretamente a altura da sonda.

    A Unidade de Medida Inercial (IMU) é um “hardware” e foi construída pela empresa estadunidense Honeyewll, enquanto que o GNV é um “software” de navegação desenvolvido pela empresa espanhola GMV.
    Trata-se, portanto, de coisas distintas.

    Além do mais, ao contrário do que foi mencionado na matéria, a notícia referida no artigo (http://www.esa.int/Our_Activities/Space_Science/ExoMars/Schiaparelli_landing_investigation_completed/(print)) cita no primeiro parágrafo que o erro foi no “Computador de Bordo” e não no “Software de Navegação”.

RESPONDER

Os polegares dos neandertais adaptaram-se a ferramentas com pega

Os polegares dos neandertais adaptaram-se para segurar melhor ferramentas com pega, da mesma forma como utilizamos atualmente um martelo, revela uma nova investigação da Universidade de Kent, no Reino Unido. A mesma investigação sugere ainda …

Sporting 2-1 Moreirense | JackPote rende pontos ao “leão”

O “Leão” soma e segue na liderança do campeonato, depois de vencer o Moreirense por 2-1, graças a um bis Pedro Gonçalves. Neste sábado, na recepção ao Moreirense, num embate relativo à oitava jornada, sofreu, mas conseguiu …

Raro crustáceo parasita descoberto na boca de um tubarão em exibição num museu

Uma equipa de cientistas descobriu uma espécie extremamente rara de Cymothoidae na boca de um espécime de tubarão capturado no Mar da China Oriental e agora em exibição num museu. Os Cymothoidae são uma família de isópodes …

Série da Netflix faz disparar venda de jogos de xadrez nos Estados Unidos

A série "The Queen’s Gambit", da plataforma de streaming Netflix, que retrata a ascensão de uma jovem jogadora de xadrez na década de 1950, fez disparar as vendas deste jogo de tabuleiro nos Estados Unidos. …

Novo comité central do PCP eleito com 98,5%

O novo comité central do PCP foi este domingo eleito no XXI congresso nacional dos comunistas, em Loures, com 98,5% dos votos. Dos 611 delegados, 602 votaram a favor, seis abstiveram-se e três votaram contra na …

Elefante salvo de um poço profundo na Índia. Resgate durou 14 horas

Uma equipa de 50 pessoas ajudou a salvar um elefante que tinha caído num poço profundo em Dharmapuri, no sul da Índia. Moradores locais atiraram folhas de bananeira para o animal comer antes de ser …

Santa Clara 0-1 Porto | Magia de Díaz resolve jogo pobre

Missão cumprida. O Porto viajou até aos Açores para defrontar o Santa Clara e leva na bagagem os três pontos. Mas não o conseguiu com brilhantismo, longe disso. A eficácia foi a palavra de ordem, num …

Raro pinguim totalmente branco encontrado nas Ilhas Galápagos

Um raro pinguim com o corpo totalmente "pintado" de branco foi encontrado no arquipélago das Galápagos, no Equador. Em comunicado, o Parque Nacional das Galápagos detalha que o raro espécime foi encontrado enquanto um guia fazia …

A China tem 8 milhões de cegos, mas apenas 200 cães-guia. Há uma razão

A China tem 8 milhões de cegos, mas apenas 200 cães-guia. As cidades populosas, as vias não adaptadas, as poucas escolas de treino e a própria população são entraves à existência destes companheiros (e verdadeiros …

Governo das Ilhas Salomão quer banir o Facebook para preservar a União Nacional

O Governo das lhas Salomão quer banir temporariamente a rede social Facebook numa tentativa de combater o cyberbullying e a difamação, alegando que a plataforma está a "minar" a União Nacional. A decisão, que já …