Revelados novos segredos sobre o exoplaneta mais quente já descoberto

Centro de Voo Espacial Goddard da NASA/Chris Smith (USRA)

Esta ilustração mostra como o planeta KELT-9b vê a sua estrela hospedeira

Um estudo revela novos segredos sobre o exoplaneta mais quente já descoberto, que supera os 4.700ºC e é considerado um “Júpiter quente”.

Descoberto em 2016, o longínquo Kelt-9 b, situado a 650 anos-luz da Terra, é o exoplaneta mais quente já descoberto até agora. Supera os 4.700ºC na sua face diurna, uma temperatura que é semelhante à do nosso Sol e que é superior à de 80% de todas as estrelas do universo.

Este exoplaneta gasoso orbita uma estrela que é duas vezes mais quente que o Sol, a uma distância dez vezes mais próxima do que aquela que separa Mercúrio da nossa estrela. Com um tamanho 1,8 vezes maior do que Júpiter e tendo 2,9 vezes a sua massa, é considerado um “Júpiter quente”. A sua órbita completa dura um dia e meio terrestres e ostenta uma gigantesca e brilhante cauda de gás, como se fosse um cometa.

De acordo com o jornal espanhol ABC, para conhecer mais dos seus segredos, investigadores da Universidade da Califórnia usaram dados do telescópio espacial Hubble para obter o espectro de eclipses do planeta ao passar em frente à sua estrela.

Mais tarde, como explicaram em março ao site The Conversation, utilizaram um software para extrair a presença de moléculas e descobriram que havia muitos metais (feitos de moléculas).

A descoberta, relatada em janeiro na revista científica The Astrophysical Journal Letters, surpreendeu a equipa de cientistas, já que se pensava que estas moléculas não estariam presentes em temperaturas tão extremas, mas que se dividiriam em compostos mais pequenos.

Sujeito à forte atração gravitacional da sua estrela hospedeira, o Kelt-9 b está a ser “bloqueado por marés”, o que significa que a mesma face do planeta está permanentemente voltada para a estrela. Segundo o diário, isto faz com que haja uma grande diferença de temperatura entre os lados diurno e noturno do planeta.

Como as observações do eclipse sondam o lado diurno mais quente, as moléculas observadas poderiam ser arrastadas por processos dinâmicos desde as regiões mais frias, como o lado noturno ou desde as profundidades do interior do planeta.

“Estas observações sugerem que as atmosferas destes mundos extremos estão a ser regidas por processos complexos que ainda não são bem compreendidos”, observam os cientistas.

Além disso, escreve o ABC, o Kelt-9 b tem uma órbita inclinada de cerca de 80 graus, o que sugere um passado violento, com possíveis colisões, o que, na verdade, também se observa em muitos outros planetas desta classe.

“O mais provável é que este planeta se tenha formado longe da sua estrela-mãe e que as colisões tenham ocorrido enquanto migrava para dentro, em direção à estrela”, dizem os investigadores.

Isto apoia a teoria de que os grandes planetas tendem a formar-se longe da sua estrela hospedeira em discos proto-estelares e capturam materiais gasosos e sólidos à medida que migram em direção à sua estrela.

  ZAP //

PARTILHAR

RESPONDER

Tondela 1-3 FC Porto | Hat-trick de Taremi castiga insolência beirã

O iraniano Mehdi Taremi foi a grande figura da vitória do FC Porto em casa do Tondela, por 3-1. Os homens da casa marcaram primeiro, mas cedo se viram reduzidos a dez elementos e tiveram …

Chamam-lhe "Lady Trump". A candidata a governadora do Nevada que está a gerar polémica

Conhecida como "Lady Trump", Michele Fiore anunciou a sua candidatura a governadora do estado do Nevada em estilo, gerando polémica nos Estados Unidos. Michele Fiore, vereadora de Las Vegas, anunciou esta terça-feira a sua candidatura a …

Benfica abre inquérito a envolvimento de colaboradores em negócio de ações da SAD

O Benfica abriu um inquérito interno para averiguar o possível envolvimento de dois colaboradores num eventual negócio de transação de ações da SAD ‘encarnada’, informou hoje o clube, em comunicado. “Tendo em conta as recentes notícias …

Um hipopótamo na água

Tribunal norte-americano reconhece hipopótamos de Pablo Escobar como pessoas jurídicas

O grupo de hipopótamos, mais uma parte do legado deixado na Colômbia por Pablo Escobar, recebeu o estatuto de "pessoas jurídicas". Um tribunal federal dos Estados Unidos defendeu que os descendentes dos hipopótamos do barão da …

Mais rapidez e menos ruído. E-bikes permitem que militares em ação passem despercebidos

Os soldados do Regimento de Cavalaria da Infantaria Montada de Queensland, na Austrália, estão a testar e-bikes para perceber se o veículo poderá ser uma opção válida para operações no terreno. Passar despercebido no terreno é …

Oposição critica Governo de El Salvador por usar a covid-19 para limitar manifestações

Na quarta-feira, a Assembleia Legislativa de El Salvador aprovou um decreto que proíbe reuniões públicas e privadas que não estejam relacionadas com as artes, cultura ou desporto até 8 de dezembro. Segundo a Vice, apesar de …

Portugal com mais 883 casos confirmados e quatro mortes

Portugal regista hoje mais 883 casos confirmados de covid-19 e quatro óbitos pela doença, assim como 729 pessoas recuperadas e menos internamentos em enfermaria e unidades de cuidados intensivos, de acordo com o boletim diário. Segundo …

Um boneco do Super-Homem a voar

Indianos declaram "guerra" ao Super-Homem e à Mulher-Maravilha

Injustice, o último filme de animação da DC Comics, deixou alguns indianos muito perto de um ataque de fúria. Cenas em que o Super-Homem e a Mulher-Maravilha surgem a lutar contra militares indianos e a …

Alec Baldwin

Hollywood em choque. Alec Baldwin recebeu arma carregada, mas disseram-lhe que estava "fria"

A morte da directora de fotografia Halyna Hutchins, depois de ter sido atingida pelo actor Alec Baldwin durante as filmagens de "Rust", deixou o mundo de cinema de Hollywood abalado. E ninguém percebe como é …

Provedor da Santa Casa sob suspeita. Renda com desconto, gastos e bolsa investigados

A Polícia Judiciária (PJ) apreendeu documentos e computadores ao provedor da Santa Casa da Misericórdia de Lisboa (SCML), Edmundo Martinho, e à professora Maria da Luz Cabral. Em causa estarão suspeitas relacionadas com despesas, uma …