Arqueólogos descobrem relevo peruano com 3.800 anos

O relevo encontrado em Vichama, no Peru, tem 3.800 anos, pertence a uma das mais antigas civilizações do continente americano e os arqueólogos pensam que retrata um período de seca e de fome que este povo sofreu.

De acordo com a Deutsche Welle, que cita a agência peruana Andiana, os arqueólogos descobriram um relevo antigo que pertence a uma das mais antigas civilizações do continente americano.

O mural, com um metro de altura e 2,8 metros de comprimento, tem aproximadamente 3.800 anos e é composto por cobras e cabeças de homem. Foi descoberto no litoral do sítio arqueológico de Vichama, a 110 quilómetros a norte de Lima, a capital do país.

Vichama é um dos pontos de escavação da recentemente descoberta civilização Caral, também conhecida como Norte Chico, e está a ser explorada por vários arqueólogos desde 2007.

A civilização Caral tem cinco mil anos, sendo uma das mais antigas do continente americano, e desenvolveu-se ao mesmo tempo que as prósperas civilizações da Mesopotâmia, do Egipto e da China. A população vivia no Vale do Supe, ao longo da costa norte-central do Peru.

Datada de 1800 e 3500 A.C., pensa-se que Vichama fosse uma comunidade de pescadores e uma das várias cidades dos povos Caral. O mural agora encontrado era feito de adobe, um material semelhante a argila do qual eram feitos tijolos e estava localizado no ponto de entrada de um salão cerimonial.

O relevo mostra quatro cabeças humanas, lado a lado, com os olhos fechados, juntamente com duas cobras que passam entre elas. Os animais apontam as suas cabeças para aquilo que parece ser um símbolo de semente humanóide que cava o solo.

Segundo o arqueólogo Ruth Shady, que supervisiona a escavação e anunciou esta descoberta, teoriza que as serpentes podem representar uma divindade da água que irriga a terra e faz as sementes crescerem.

Shady, citada pela DW, afirma que o relevo foi provavelmente feito no final de um período de seca e de fome, até porque outros relevos descobertos nas proximidades mostravam pessoas magras e desfiguradas.

A equipa acredita que a descoberta deste relevo reforça a noção de que estes primeiros humanos estavam a tentar retratar as dificuldades que enfrentavam devido à mudança climática e à escassez de água, o que teve um grande impacto na sua produção agrícola.

Até agora, já foram descobertas no local de escavação de Caral ruínas de 22 edifícios num espaço de 25 hectares, que remontam entre 1.800 e 1.500 A.C.

ZAP //

PARTILHAR

RESPONDER

Os Simpsons podem ter previsto o surto do novo coronavírus da China

A série de televisão animada "Os Simpsons" é conhecida por ter feito profecias que, com o passar do tempo, se tornaram mesmo realidade. Agora, os fãs do programa parecem ter encontrado um episódio que prediz …

Identificada nova espécie de dinossauro que viveu há mais de 150 milhões de anos

Paleontólogos identificaram, nos Estados Unidos, uma nova espécie de dinossauro do género dos alossauros, que viveu há mais de 150 milhões de anos. A espécie, que tem o nome de Allosaurus jimmadseni, foi identificada a partir …

Escorpião com 436 milhões de anos foi dos primeiros animais a pisar a Terra

Cientistas descobriram um escorpião com 436 milhões de anos que terá sido um dos primeiros animais da Terra a migrar dos habitats aquáticos para os terrestres. Foram encontrados dois fósseis da espécie num antigo mar tropical …

Bruno de Carvalho disposto a liderar SAD do Sporting com Varandas

O ex-presidente do Sporting admitiu, esta sexta-feira, estar disposto a liderar a SAD do clube, mesmo com Frederico Varandas como presidente. No seu comentário semanal na Rádio Estádio, Bruno de Carvalho disse estar disposto a regressar …

A Inteligência Artificial teria resolvido o mistério da fuga de Alcatraz

Um programa de Inteligência Artificial (IA) poderia ter resolvido o mistério da fuga dos irmãos irmãos John e Clarence Anglin e Frank Morris da prisão de Alcatraz, que foi considerada uma das mais seguras dos …

Mais de 30 militares dos EUA ficaram com lesões cerebrais após ataque iraniano

Mais de 30 militares norte-americanos ficaram com lesões cerebrais traumáticas na sequência do ataque iraniano na base militar de Ain al-Assad, no Iraque. 34 militares norte-americanos ficaram com lesões cerebrais traumáticas na sequência do ataque levado …

Homem que torturou suspeitos de planear o 11 de setembro diz que o voltaria a fazer

James Mitchell torturou os cinco suspeitos de terem planeado o ataque de 11 de setembro de 2001. Em tribunal, disse que não tem remorsos e que o voltaria a fazer. James Mitchell foi o psicólogo responsável …

Belenenses e Belenenses SAD chegam a acordo para suspender ações judiciais

A Federação Portuguesa de Futebol (FPF) anunciou, esta sexta-feira, que foi alcançada uma suspensão das ações judiciais entre o Belenenses e a Belenenses SAD. Em comunicado publicado na sua página oficial, a FPF informou que o …

Amazon quer que os clientes paguem com as mãos

A gigante tecnológica Amazon quer que os  clientes comprem e efetuem o pagamento com um aceno da mão em vez de passar um cartão numa máquina. De acordo com o Wall Street Journal, que cita fontes …

59 autarcas constituídos arguidos na Operação Éter

O Ministério Público constituiu 74 arguidos, 59 dos quais autarcas e ex-autarcas de 47 câmaras do Norte e Centro, no processo da investigação às Lojas Interativas da Turismo do Porto e Norte, realizada no âmbito …