Professor usa reconhecimento facial para perceber nível de tédio dos alunos

Tulane Publications / Flickr

-

Um professor universitário chinês utiliza uma tecnologia de reconhecimento facial nas suas aulas para determinar o grau de interesse dos alunos.

O professor de ciências Wei Xiaoyong, da Universidade de Sichuan, na China, arranjou um método invulgar para perceber se os seus alunos estão interessados nas aulas.

Segundo o The Telegraph, tudo começou quando, há cerca de cinco anos, Wei decidiu utilizar um dispositivo de reconhecimento facial para registar a assiduidade dos alunos.

Agora, o professor tira ainda mais partido dessa mesma tecnologia, uma vez que aproveita o dispositivo para determinar o grau de interesse dos alunos.

Para isso, o professor colocou câmaras estrategicamente posicionadas na sala de aula que registam e identificam as várias reações dos alunos.

De acordo com Wei, o sistema de algoritmos deteta as alterações de humor de cada um, mostrando se estão envolvidos, com uma postura neutra ou simplesmente distraídos.

“Quando cruzamos este tipo de informação com a forma como ensinamos, ao colocar numa linha de tempo, podemos saber quando estamos a conseguir atrair a atenção dos alunos”, explica ao jornal britânico.

O professor decidiu partilhar esta técnica com colegas e amigos, que também dão aulas em universidades chinesas, e espera agora que este método possa ajudar outros profissionais da área.

“Pode ser usado para uma grande variedade de ciências sociais, trabalho psicológico e até por investigadores ligados à área da educação”, considera ainda.

Big Brother escolar

O conceito de instalar câmaras em salas de aula não é novo, como explica o Quartz.

Engenheiros dos laboratórios SensorStar em Queens, Nova Iorque, começaram a usar o método em 2013 para estudar o rosto dos estudantes e a usar um algoritmo para analisar as suas expressões.

O resultado da investigação ainda não foi publicado mas o co-fundador da empresa, Sean Montgomery, defende que a ideia de estar a ser filmado não deve incomodar as pessoas.

“É exatamente aquilo que o professor já consegue ver com os seus olhos e aquilo que consegue ouvir com os seus ouvidos”, argumenta.

Mesmo assim, o conceito não agrada a algumas pessoas que temem não só ver a sua privacidade invadida mas também pelo receio de que as imagens possam ser usadas com outras intenções.

No caso de Wei, o professor não esclareceu se os seus alunos sabem que estão a ser filmados e se há algum tipo de penalização para aqueles que não prestam atenção nas aulas.

ZAP / Hypescience

PARTILHAR

RESPONDER

Prémio para profissionais de saúde. Dias de isolamento e doença também contam para receber compensação

O prémio de desempenho para profissionais de saúde do Serviço Nacional de Saúde (SNS) que trabalharam no combate à covid-19 na primeira vaga da pandemia foi publicado esta sexta-feira em Diário da República. "O diploma vem …

Injeção no Novo Banco sem Retificativo? Especialistas levantam dúvidas

O Governo diz conseguir fazer a injeção no Novo Banco sem recurso a um Orçamento Retificativo no próximo ano, mas especialistas em finanças públicas consultados pelo ECO duvidam. Tanto António Costa como João Leão dizem que …

Tudo pronto para Marcelo anunciar recandidatura. Mas recolha de assinaturas está a ser dificultada

Marcelo Rebelo de Sousa já tem o discurso escrito e o local escolhido, mas é improvável que o anúncio da recandidatura avance esta semana. De acordo com o Público, Marcelo Rebelo de Sousa está preparado para …

Biden vai pedir aos norte-americanos 100 dias com máscara (e convida Fauci para a sua equipa)

O presidente eleito dos Estados Unidos, Joe Biden, anunciou esta quinta-feira que vai pedir aos americanos para usarem máscaras faciais durante 100 dias para ajudar a reduzir a disseminação de covid-19 no país. "Vou pedir às …

PSD ataca o Congresso, PCP as Festas Nicolinas. Tudo pelo cumprimento das regras anticovid

Esta quinta-feira, o PSD e o PCP trocaram farpas sobre o cumprimento das regras impostas pela pandemia no Congresso dos comunistas e nas Festas Nicolinas de Guimarães. João Oliveira, líder parlamentar do PCP, defendeu a opção …

"Um péssimo orçamento". Teodora Cardoso arrasa OE2021 e realça "os estragos" que provoca

A antiga presidente do Conselho das Finanças Públicas, Teodora Cardoso, critica duramente o Orçamento de Estado para 2021 (OE2021) aprovado no Parlamento, considerando que é "péssimo" e apontando "os riscos" que acarreta. "Este é, a todos …

Vacina da Moderna confere imunidade de pelo menos três meses

Um novo estudo publicado esta quinta- feira, mostra que a vacina da Moderna contra a covid-19, que recentemente demonstrou ter 94 por cento de eficácia, faz com que o sistema imunológico humano produza anticorpos que …

Ljubomir Stanisic acusado de corromper polícia com garrafas para furar confinamento

O chef Ljubomir Stanisic, um dos empresários da restauração que esteve em greve de fome durante sete dias, está a ser acusado pelo Ministério Público (MP) de ter corrompido um agente da PSP para poder …

TAP vai suspender acordo de empresa. BE chama Pedro Nuno Santos ao Parlamento

O acordo de empresa assinado entre a TAP e o Sindicato Nacional do Pessoal de Voo da Aviação Civil (SNPVAC) vai ser suspenso, segundo avança o jornal Público. Bloco de Esquerda chama Pedro Nuno Santos …

Após quase cinco meses da acusação do caso BES, ainda há arguidos por notificar

Já lá vão quase cinco meses de que foi conhecida a acusação do caso BES, mas ainda há arguidos que nem notificados foram. Mesmo aqueles que foram, tentam aumentar os prazos para exercer a sua …