Cientistas chineses clonaram um primata geneticamente modificado pela primeira vez

Uma equipa de cientistas chineses anunciou nesta quinta-feira que clonou cinco macacos a partir de um único primata geneticamente modificado, visando estudar problemas no ciclo do sono, depressão e doença de Alzheimer.

Pela primeira vez, clones foram produzidos a partir de um macaco modificado para fins de investigação biomédica, informou a agência de notícias estatal chinesa Xinhua.

O feito foi divulgado através de dois artigos publicados numa revista científica chinesa, como parte de uma série de anúncios recentes de avanços biomédicos no país.

Alguns destes anúncios provocaram acesos debates éticos, entre os quais está o caso do cientista que no ano passado anunciou – sem provas que assegurassem as sua declarações – que tinha alterado o ADN de bebés para que se tornassem imunes ao vírus da SIDA.

Para o procedimento científico divulgado nesta quarta-feira, uma equipa do Instituto de Neuro-ciências da Academia Chinesa de Ciências em Xangai afirmou ter alterados os genes de um macaco para causar distúrbios no ritmo circadiano – o “relógio” que regula o ciclo biológico de 24 horas dos seres vivos e que regula funções como o sono e o apetite.

A partir deste animal foram clonados cinco outros macacos, que nasceram nos últimos seis meses, e que mostraram sinais de sofrer de problemas mentais associados a distúrbios do sono, que incluíam depressão, ansiedade e comportamentos ligados à esquizofrenia.

A pesquisa, que também é publicada nesta quinta-feira pela revista em língua inglesa National Science Review, dá conta que estes estudos podem ajudar na investigação de distúrbios cerebrais humanos, uma vez que os cientistas foram capazes de criar animais com determinados problemas de saúde.

Poo Muming, diretor do instituto de neuro-ciência e coautor do estudo, disse à imprensa estatal que a equipa de investigadores poderia clonar mais macacos com diferentes transtornos mentais, esperando que futuros procedimentos experimentais facilitem a produção de novos medicamentos ou tratamentos.

O teste científico provocou indignação entre os defensores do bem-estar animal, que rotularam o procedimento como “monstruoso”. “A manipulação genética e a consequente clonagem de animais é um prática monstruosa que causa sofrimento aos animais, condenou Julia Baines, consultora política da PETA no Reino Unido, citada pela Fox News.

O mesmo instituto de Xangai já tinha anteriormente recebido destaque internacional quando clonou, em janeiro de 2018, dois macacos com o método semelhante ao usado há 20 anos para criar a ovelha Dolly.

PARTILHAR

RESPONDER

Ex-governador brasileiro condenado a mais de 10 anos de prisão

O ex-governador do estado brasileiro de Minas Gerais foi condenado, esta quinta-feira, a uma pena de 10 anos e seis meses de prisão pela Justiça Eleitoral do país. Fernando Pimentel foi considerado culpado dos crimes de …

Áudio das viagens na Uber vai poder ser gravado

A partir de dezembro, a Uber vai passar a oferecer aos utilizadores no Brasil e no México a possibilidade de gravar o áudio da viagem com o objetivo de melhorar a segurança do motorista e …

Mourinho quer ser campeão no próximo ano (e não precisa de reforços)

O treinador português foi oficialmente apresentado como técnico do Tottenham, esta quinta-feira, e diz que já tem em vista a conquista do campeonato na próxima época. José Mourinho admitiu hoje que o título de campeão inglês …

Casal homossexual de pinguins "roubou" um ovo para poder ter a sua família

Um casal homossexual de pinguins de um jardim zoológico na Holanda estava tão ansioso por ter as suas crias que não resistiu à tentação e acabou por roubar um ovo de outro par. De acordo com …

Gabriel renova contrato com o Benfica até 2024

O médio brasileiro renovou contrato por mais uma época com o Benfica, até 2024, anunciou, esta quinta-feira, o clube no seu site oficial. "Estou muito feliz com esta renovação por mais um ano, é uma forma …

Malta Files permitiu ao Fisco recuperar milhões. Rui Pinto diz que foi um dos denunciantes

O pirata informático assumiu, esta quinta-feira, ter sido um dos denunciantes dos Malta Files, que permitiu ao Fisco identificar cidadãos e empresas portugueses que se aproveitaram do regime fiscal maltês para pagar menos impostos. "De acordo …

Há 5 anos que aparecem maços de notas nas ruas de uma aldeia inglesa (e ninguém sabe porquê)

Os residentes de uma aldeia inglesa andam a descobrir maços de notas nas ruas desde 2014. Um mistério que, até agora, ninguém conseguiu explicar. Mas há várias teorias e uma envolve o Pai Natal! O dinheiro …

Em 2018, só nove crianças foram colocadas em famílias de acolhimento

Apenas nove crianças tiveram uma medida de proteção em regime de acolhimento familiar em 2018, sendo que quase todas as crianças sinalizadas pelas comissões de menores ficaram na família, a maioria junto dos pais. De acordo …

Militar da GNR diz que droga apreendida na "casinha" era da Juve Leo

Decorreu, esta quinta-feira, a terceira sessão do julgamento da invasão à academia do Sporting, que decorre no tribunal de Monsanto, em Lisboa. O militar da GNR João Oliveira admitiu hoje, em tribunal, que a posse da …

Continental vai acabar com 5500 empregos em todo o mundo até 2028

A alemã Continental vai suprimir 5.500 empregos no mundo até 2028, num contexto de abrandamento conjuntural e de queda da procura por motores a combustão, anunciou esta quarta-feira o fornecedor automóvel germânico. Com o objetivo de …