Presidente do Afeganistão reeleito para segundo mandato

DFID - UK Department for International Development / Wikimedia

O Presidente do Afeganistão, Ashraf Ghani

O Presidente do Afeganistão foi reeleito para um segundo mandato com 50,64% dos votos, anunciou a comissão eleitoral independente afegã, esta terça-feira, ao divulgar os resultados definitivos das eleições realizadas em setembro passado.

“A comissão eleitoral (…) declara Ashraf Ghani, que obteve 50,64% dos votos, Presidente do Afeganistão”, anunciou Hawa Alam Nuristani, a presidente do órgão eleitoral, durante uma conferência de imprensa.

O órgão informou igualmente que o primeiro-ministro afegão, Abdullah Abdullah, o principal adversário político de Ghani, obteve uma votação de 39,52% no escrutínio realizado em 28 de setembro.

O anúncio dos resultados definitivos das presidenciais afegãs foi adiado por diversas vezes perante queixas de irregularidades e de má conduta, mas também por causa de problemas técnicos durante a contagem dos boletins de voto.

Os resultados preliminares, cuja divulgação também foi adiada sucessivamente, foram tornados públicos no final de dezembro. Na altura, estes resultados já mostravam uma vitória com maioria absoluta do atual chefe de Estado.

Abdullah Abdullah já contestou a vitória do chefe de Estado e reivindicou a vitória, anunciando que formará um Governo paralelo de união. “Com base em votos biométricos próprios, a nossa equipa ganhou. Os que participam em fraudes são a vergonha da história e anunciamos o nosso Governo de união”, afirmou durante uma conferência de imprensa.

“Os resultados anunciados pela comissão não têm legitimidade“, reagiu o porta-voz da equipa de campanha de Abdullah, Faraidoon Khwazoo, questionado pela agência France Presse. “Abandonámos o processo eleitoral há dois dias. As comissões não agiram de acordo com a lei e perderam a sua legitimidade”.

O anúncio de hoje da comissão eleitoral surge poucos dias depois do secretário da Defesa dos Estados Unidos, Mark Esper, ter anunciado um acordo de trégua entre Washington e os talibãs que poderá levar à retirada das tropas norte-americanas do território afegão.

Esta eleição presidencial foi apresentada como a mais fiável da história da jovem democracia afegã, ao ter contado com aparelhos biométricos fornecidos por uma empresa alemã que permitiram impedir eleitores de votar mais do que uma vez.

Mas quase um terço dos votos registados — quase um milhão num total de 2,8 milhões — foram invalidados por irregularidades. Com 1,8 milhões de votos válidos, num universo de 9,6 milhões de eleitores, estas Presidenciais tiveram a mais baixa taxa de participação de sempre no Afeganistão.

ZAP // Lusa

PARTILHAR

RESPONDER

Montezemolo revelou o sonho que Ayrton Senna não cumpriu

O antigo presidente da equipa da Ferrari, Luca di Montezemolo, revelou que o seu maior arrependimento foi não ter conseguido levar Ayrto Senna para a equipa. Em 1994, Ayrton Senna morreu de forma trágica quando perdeu o …

Friends: atores já terminaram as gravações do episódio especial

Ainda antes de os talk shows serem suspensos devido à COVID-19, Matt LeBlanc foi um dos convidados do The Kelly Clarkson Show, onde confirmou que as gravações do episódio especial de FRIENDS estavam concluídas. O programa …

YouTube remove vídeos que vinculam falsamente a Covid-19 ao 5G

A onda de teorias falsas que ligam a pandemia da COVID-19 ao 5G levou a uma série de incidentes, incluindo ameaças a engenheiros. Agora, o YouTube está a reprimir essa desinformação. O YouTube informou que removerá …

Engenheiros construiram um ventilador caseiro. Pode servir como "último recurso"

Uma equipa de engenheiros da Universidade de Vanderbilt, nos Estados Unidos, construiu um ventilador caseiro que pode ser usado como último recurso. A pandemia de covid-19 continua a desafiar as comunidades médicas e uma das ameaças …

Sepultura de genocídio encontrada no Ruanda pode conter 30 mil corpos

No Ruanda, foi encontrada uma sepultura que pode conter 30 mil vítimas do genocídio no país em 1994. Cerca de 800 mil tutsis e hutus moderados foram assassinados. Mais de 25 anos depois de um genocídio …

Belenenses SAD entra parcialmente em lay-off

"A indústria do futebol está entre as mais atingidas pelos efeitos da pandemia", que provocou a suspensão de praticamente todas as provas futebolísticas, destaca o Belenenses SAD. O Belenenses SAD, da I Liga de futebol, entrou …

Dois milhões de máscaras furtadas em Espanha podem ter sido vendidas em Portugal

O equipamento médico e sanitário furtado está avaliado em cinco milhões de euros e terá sido adquirido por uma empresa portuguesa que conhecia a proveniência do material. Um empresário de Santiago de Compostela foi detido por, …

Facebook terá tentado comprar um software de espionagem em 2017

O Facebook tem estado envolvido em vários escândalos e o mais recente está relacionado com a alegada compra da ferramenta Pegasus, usada para hackear iPhones. A empresa de segurança informática NSO Group, responsável pela Pegasus, alega …

Primeiro-ministro espanhol diz que coronavírus desafia o futuro da UE. E fá-lo em sete idiomas

O primeiro-ministro espanhol Pedro Sánchez publicou no domingo um artigo em sete idiomas europeus, argumentando que o coronavírus pode ser a ruína da União europeia (UE) caso não sejam tomadas medidas mais drásticas para lidar …

Viseiras de Leiria despertam cobiça. Bélgica e EUA queriam comprar toda a produção

Várias empresas de moldes e plásticos da região de Leiria estão a fabricar viseiras de protecção contra a Covid-19. Uma adaptação em tempos de pandemia que está a levantar atenção no estrangeiro, com EUA e …