Peritos da Ordem admitem práticas ilícitas na venda de produtos no BES e Banif

GuilhermeFigueiredo.pt

Guilherme Figueiredo, o bastonário da Ordem dos Advogados

Os peritos da Ordem dos Advogados que analisaram as reclamações de lesados do BES e do Banif disseram esta segunda-feira aos jornalistas que encontraram indícios de práticas ilícitas na venda de produtos financeiros por aqueles bancos.

Os peritos da Ordem dos Advogados que analisaram as reclamações de lesados do BES e do Banif encontraram indícios de práticas ilícitas na venda de produtos financeiros.

Alexandre Jardim, presidente da comissão de peritos independentes para os lesados do Banif, disse que os produtos elegíveis para uma solução de compensação “dizem respeito a práticas identificadas como não estando conformes como direitos e deveres de intermediação financeira”.

Questionado sobre se estavam em causa práticas ilícitas, o responsável disse que foram identificados “indícios”. “A comissão não concluiu que violaram a lei, concluiu que houve indícios de práticas lesivas” para os clientes, disse, referindo que verificaram que se trata de produtos não adequados aos clientes em causa e em que clientes não estavam informados dos riscos associados.

Também o presidente da comissão de peritos da Ordem dos Advogados para o BES, Vítor Pereira das Neves, considerou terem encontrado indícios de “violações reiteradas” dos deveres de intermediação financeira.

“A violação de deveres de intermediação financeira que encontrámos assenta em duas ideias fundamentais. Primeiro, sendo títulos de dívida emitidos pelo Grupo Espírito Santo quando a informação sobre a solidez do grupo não corresponde à realidade; segundo, estes produtos manifestamente não são adequados aos investidores a quem foram vendidos”, afirmou.

Já sobre eventual responsabilidade criminal, o advogado disse que não coube à comissão que liderou avaliá-la.

A comissão de peritos da Ordem dos Advogados para o BES anunciou, em conferência de imprensa, que há 1.264 pedidos de reclamação de créditos de lesados das sucursais exteriores e do Banque Privée elegíveis para uma solução que os compense, correspondente a cerca de 300 milhões de euros de investimento.

Contudo, há mais 37 pedidos que ainda podem ser considerados elegíveis, o que aumentaria o valor eventualmente a recuperar.

Já a comissão de peritos da Ordem dos Advogados para os lesados do Banif informou, por seu lado, que há 2.330 pedidos de reclamação de créditos com condições para serem elegíveis para uma solução.

Os lesados do Banif que apresentaram reclamações junto da Ordem dos Advogados têm investimentos de 250 milhões de euros, sendo, para já, elegíveis 230 milhões de euros.

Além dos relatos dos clientes que se consideram lesados, as comissões contaram com depoimentos dos funcionários dos bancos que venderam os produtos financeiros que levaram os clientes a perderem dinheiro nas resoluções do BES (2014) e do Banif (2015).

// Lusa

PARTILHAR

RESPONDER

Vulcão nas Canárias em erupção e destrói casas. Cinzas podem chegar à Madeira

O vulcão Cumbre Vieja, na ilha espanhola de La Palma, entrou este domingo em erupção na zona de Las Manchas, depois de mais de uma semana em que foram registados milhares de sismos na região. A …

Cientistas queriam estudar a propagação das borboletas, mas criaram uma matriosca de parasitas

Objetivo dos cientistas era perceber, através da introdução da espécie de borboletas Glanville fritillary qual o seu poder de dispersão numa ilha finlandesa. No entanto, acabaram com um retrato alarmante para todos os investigadores que …

Marcelo encontra-se em Nova Iorque com Presidentes das Maldivas e Peru

O Presidente da República tem agendados encontros bilaterais com cinco chefes de Estado, em Nova Iorque, à margem da Assembleia Geral da Organização das Nações Unidas (ONU), entre os quais os presidentes das Maldivas e …

Erupção do Fagradalsfjall dura há seis meses. É a mais longa na Islândia em 60 anos

A erupção vulcânica perto de Reykjavik se tornou a mais longa da história da Islândia desde 1960, marcando seis meses de expulsão de gás, pedra e lava no domingo (18). Milhares de espectadores ficaram maravilhados com …

Cientistas foram à procura de matéria escura e acabaram por encontrar energia escura

Uma equipa de cientistas foi à procura de matéria escura e pode ter encontrado energia escura em vez disso. Os investigadores querem ter a certeza que não foi uma casualidade. A energia escura é uma forma …

Role play ao serviço da Ciência. Investigadores fingem ser Neandertais para estudar caça a aves

Uma equipa de investigadores espanhóis decidiu adotar a "dramatização" científica para reconstruir um novo elemento do comportamento Neandertal: a cooperação com os membros do grupo enquanto usa fogo e ferramentas para caçar gralhas no interior …

Estoril 0-1 Sporting | Figueira deu o fruto que saciou o leão

Foi preciso surgir um erro crasso do guarda-redes estorilista (até então a fazer uma belíssima exibição) para o campeão nacional poder respirar de alívio e festejar a quarta vitória na Liga, esquecendo por agora a …

A tinta mais branca do mundo ajuda a poupar energia nas casas - e pode eliminar de vez o ar condicionado

Uma equipa de investigadores da Universidade de Purdue desenvolveu uma tinta tão branca que revestir um prédio com ela pode reduzir, ou até mesmo eliminar, a necessidade de ter ar condicionado. Depois de testar mais de …

Costa promete "lição exemplar" à Galp depois de "tanto disparate" em Matosinhos

O secretário-geral do PS, António Costa, considerou hoje que “era difícil imaginar tanto disparate, tanta asneira, tanta insensibilidade” como a Galp demonstrou no encerramento da refinaria de Matosinhos, prometendo uma “lição exemplar” à empresa. Falando em …

Porto 5-0 Moreirense | Días, Taremi e Fábio, o trio maravilha

O Porto foi o primeiro dos “grandes” a entrar em campo e deu o mote, e que mote. Os “dragões” receberam o Moreirense e golearam sem apelo nem agravo, por 5-0, graças a uma segunda …