Cientistas portugueses identificam tipo de stresse que mata o parasita da malária

Yes Meeting

A cientista Maria Manuel Mota

O stress oxidativo, provocado por químicos ou por alterações na dieta, pode resultar numa redução de 90% do número de parasitas.

Uma equipa de investigadores do Instituto de Medicina Molecular de Lisboa, liderada pela investigadora Maria Manuel Mota, descobriu que a susceptibilidade à malária da pessoa infectada se reduz drasticamente através da manipulação do metabolismo relacionado com o stress oxidativo, que pode ser provocado por fármacos ou alterações na dieta.

A forma como a doença progride não está apenas relacionada com as características do agente infeccioso, sendo que as características genéticas do hospedeiro, ou pessoa infectada, também desempenham um papel fundamental nesse processo, permitindo controlar de forma mais ou menos eficiente esse mesmo agente.

Além disso, há também quem defenda que os hábitos alimentares podem também exercer algum tipo de influência no progresso da infecção.

Assim, a equipa de cientistas manipulou a dieta de cobaias de laboratório por períodos curtos de tempo (quatro dias), avaliando seguidamente o nível de infecção causado pelo parasita da malária.

A investigação, publicada na revista Nature Microbiology, mostra que o aumento dos níveis de pró-oxidantes, os químicos que induzem stresse oxidativo, causado por alterações na dieta resultam numa redução de 90% da carga parasitária durante a fase da infecção no fígado e, portanto, na diminuição da severidade da doença.

Os alimentos oxidantes são ricos em gorduras ou têm muitos açúcares e o mecanismo usado pelo hospedeiro para eliminar o parasita da malária, agora descoberto, poderá contribuir para explicar como certas alterações genéticas, associadas a níveis elevados de stresse oxidativo, foram resultado de um processo de selecção natural nas populações, por conferirem um elevado nível de protecção contra a malária.

Duas outras doenças sanguíneas fazem também parte das alterações genéticas associadas ao nível de stresse oxidativo: a anemia falciforme, e a beta talassémia.

A anemia falciforme, doença hereditária caracterizada pela produção anormal de hemoglobinas, causa uma deficiência no transporte de oxigénio e gás carbónico, e a beta talassémia, doença hereditária caracterizada por redução da taxa de síntese da cadeia beta, uma das cadeias de globina – família de proteínas capazes de transportar oxigénio e outros gases – que formam a hemoglobina, resultando em sintomas de anemia.

“Encontrámos um novo mecanismo para matar com facilidade o parasita da malária, o Plasmodium falciparum, que vem de uma resposta inflamatória do organismo do hospedeiro. Ao mesmo tempo, verificámos que há grupos de pessoas com características genéticas que têm uma resposta pró-oxidativa fortíssima na fase sanguínea da doença”, explica Maria Mota.

A investigadora reconhece que a sua equipa “pode ter arranjado um explicação para o facto de haver grupos de população humana com muito menos casos de malária, além do grupo com problemas genéticos como a anemia falciforme ou a beta talassémia”.

Vanessa Luís, a autora correspondente do artigo, reconhece, no entanto, que “ainda não sabemos as implicações a longo prazo desta mudança na doença”.

Natural de Vila Nova de Gaia e licenciada em Biologia pela FCUP, a imunologista Maria Mota é doutorada em parasitologia molecular e investigadora principal na Unidade de Malária do Instituto de Medicina Molecular de Lisboa. Uma das reputadas cientistas portuguesas, foi Prémio Pessoa em 2003.

ZAP //

PARTILHAR

RESPONDER

"Cemitério verde". Estado de Oregon irá permitir (brevemente) a compostagem de corpos humanos

O estado de Oregon tornou-se o terceiro dos Estados Unidos a legalizar um novo processo de compostagem do corpo humano. A governadora do Oregon, Kate Brown, aprovou o projeto de lei que irá permitir o sepultamento …

Responsável pelo RGPD demitido por Medina trabalhava há 33 anos na Câmara de Lisboa

O encarregado de proteção de dados da Câmara Municipal de Lisboa, que o presidente Fernando Medina exonerou devido à polémica da partilha de dados de ativistas com a embaixada da Rússia, trabalhava na autarquia há …

Portugal quase a entrar na "zona vermelha de risco". Variante Delta prevalece em Lisboa e Vale do Tejo

A região de Lisboa está sobre pressão há algumas semanas, mas o resto do país também está prestes a entrar numa situação epidemiológica menos boa. A incidência nacional encontra-se próxima dos 120 casos por 100 …

Pandemia continua a "empurrar" reclusos para fora das grades. Já saíram 2850

As cadeias portuguesas continuam a soltar reclusos que ainda não cumpriram toda a pena, numa altura em que não existem praticamente casos de infecção por covid-19 no sistema prisional. O regime especial de perdão das penas, …

Condutor de carrinha atropela participantes em desfile LGBT (e faz um morto)

O condutor de uma carrinha atropelou pessoas que desfilavam numa marcha de "orgulho gay" em Wilton Manors, perto de Fort Lauderdale na Florida, causando pelo menos um morto e ferindo outra. As autoridades estão ainda a …

Descoberta "pequena Pompeia" no sótão de um antigo cinema em Verona

Arqueólogos descobriram uma "Pompeia em miniatura" no sótão de um antigo cinema no centro histórico da cidade italiana de Verona. Segundo a agência italiana Ansa, autoridades da Superintendência de Arqueologia, Belas Artes e Paisagismo de Verona, …

Colapso de escola na Bélgica matou afinal quatro portugueses

As autoridades belgas confirmaram este domingo a morte de cinco pessoas, entre as quais quatro portugueses, no desabamento de uma escola em obras na cidade de Antuérpia. No balanço de sábado, as autoridades belgas registaram mais …

Chega e IL dizem que cerco na AML é "inconstitucional". Ventura recorre ao Supremo Tribunal Administrativo

André Ventura, líder do Chega, contestou a decisão do Governo de limitar a circulação na AML. Considerando que a medida é inconstitucional, entregou uma "Intimação para proteção de direitos, liberdade e garantias" no Supremo Tribunal …

Há 50 mil anos, humanos e neandertais relacionaram-se no deserto de Negev

Uma recente descoberta no deserto do Negev, no centro de Israel, revelou detalhes importantes sobre o desenvolvimento da cultura humana na região, de acordo com um novo estudo publicado na revista PNAS. Por toda a Ásia, …

Costa reeleito líder do PS com 94% dos votos aponta a vitória nas autárquicas

António Costa foi reeleito no sábado secretário-geral do PS, com 94% dos votos, para um novo mandato de dois anos, de acordo com resultados provisórios divulgados hoje pela Comissão Organizadora do Congresso (COC) do PS. O …