Os peões atravessam passadeiras segundo um princípio matemático

E se um princípio matemático ditar a forma como os peões atravessam a passadeira? Uma equipa de matemáticos da Universidade de Tóquio, no Japão, descobriu que os pedestres que cruzam passagens de peões em aglomerados tendem a fazê-lo de acordo com o princípio de Voo de Lévy (1886-1971).

De acordo com uma nova investigação, cujos resultados foram esta quinta-feira publicados na revista científica Journal of The Royal Society Interface, quando grandes grupos de pessoas aguardam de ambos os lados da rua para atravessar a faixa, cruzando-se depois no meio da passagem, tendem a andar de uma forma previsível.

Por norma, as pessoas não optam pela rota mais direta ou mais rápida, tendo antes em consideração as pessoas que estão à sua volta. Tendo isto em conta, os cientistas procuraram melhor compreender este comportamento, estudando-o de perto.

Os cientistas reuniram um grupo de voluntários e pediu-lhes que caminhassem no que descrevem como “corredores simulados”. Durante o procedimento experimental, que foi registado em vídeo, a equipa observou as mudanças de direção, o número de passos dados e ainda os padrões da travessia.

Tal como se pode ler na publicação, a equipa descobriu que os participantes tendem a desviar-se do caminho mais reto, o habitualmente utilizado para atingir um determinado ponto com maior eficácia.

Os cientistas observaram que cada indivíduo faz ajustes no seu percurso, tendo por base o comportamento dos indivíduos que se deslocam em sentido oposto. Quanto à ação coletiva, esta tende a emergir embora as pessoas não se tornem participantes de forma consciente. Tipicamente, o movimento coletivo envolvia a formação de fluxos de pessoas que caminham de forma uniforme em sentidos opostos.

Simplificando: as pessoas, em vezes de caminharem cara a cara de forma contínua, seguem simplesmente uma pessoa que se move na mesma direção, evitando assim estar constantemente a mudar a sua trajetória. Este fluxo aumenta a eficiência, tanto da deslocação do indivíduo como a do grupo.

As conclusões sobre os percursos tomados não parecem grande novidade, exceto se as escolhas tomadas tiveram por base um princípio matemático. A equipa descobriu também que os fluxos observados seguem o processo de Voo de Lévy.

O princípio de Voo de Lévy, assim batizado em homenagem ao seu criador, o matemático francês Paul Pierre Lévy, é uma descrição matemática de um tipo de caminhada em que o pedestre começa por dar pequenos passos, dando depois passos longos em intervalos regulares. O matemático provou que este princípio leva a uma distribuição da lei de potência de comprimentos de passo.

ZAP //

 

PARTILHAR

RESPONDER

A Evolução mostra que podemos ser a única forma de vida inteligente no Universo

As reduzidas probabilidades que acompanham a nossa evolução ao longo da história podem ser uma pista que talvez sejamos a única forma de vida inteligente no Universo. Será que estamos sozinhos no Universo? Tudo se resume …

A China está a usar a educação como arma para controlar o Tibete

A China quer obrigar crianças tibetanas a abandonarem as escolas da região e mudarem-se para escolas chinesas. O objetivo, segundo uma especialista, é "tirar o tibetano da criança". A batalha geopolítica entre a China e o …

Revelada explosão violenta no coração de um sistema que alberga um buraco negro

Uma equipa de astrónomos, liderada pela Universidade de Southampton, usou câmaras de última geração para criar um filme com alta taxa de quadros de um sistema com um buraco negro em crescimento e a um …

"É altura de dizer basta". Sporting corta com as claques

O Sporting rescindiu “com efeitos imediatos” os protocolos que celebrou em 31 de julho com a Associação Juventude Leonina e com o Diretivo Ultras XXI – Associação, anunciou hoje o clube, devido à “escalada de …

Poluição atmosférica associada a abortos espontâneos

Elevados níveis de poluição atmosférica foram associados a abortos espontâneos num estudo feito com mulheres grávidas a viver e trabalhar em Beijing, na China. A China é um dos países que mais sofre com a poluição …

Empresas espanholas dominam obras públicas na ferrovia

As empresas espanholas dominam as obras públicas na ferrovia em Portugal, ascendendo a sua quota a 70%, avança o Expresso na sua edição deste sábado. Para presidente da Associação de Empresas de Construção e Obras …

Cada vez mais mulheres denunciam abusos médicos durante o parto

Um número crescente de mulheres tem vindo a denunciar casos de abuso durante o trabalho de parto. No entanto, pouco está a ser feito para mudar isto. Durante o parto, as mulheres ficam numa posição vulnerável …

Já podemos explorar "Melckmeyd", naufrágio holandês do século XVII

Nas profundezas do Oceano Atlântico, perto da costa da Islândia, encontram-se os destroços de um navio holandês que afundou há 360 anos, no qual agora podemos "mergulhar" graças a uma experiência de realidade virtual. Quando a …

Os furacões podem provocar atividade sísmica tal como um terramoto

Uma equipa de cientistas descobriu um novo fenómeno geofísico no qual furacões ou fortes tempestades podem produzir vibrações no fundo do oceano tão fortes quanto um terramoto de magnitude 3.5. "As tempestades, furacões ou ciclones extratropicais …

Quem anda mais devagar pode envelhecer mais rapidamente

A velocidade a que caminham as pessoas aos 45 anos pode ser um indicador de como é que o cérebro e o corpo envelhecem, revela um novo estudo levado a cabo por uma equipa de …