Paulo Morais defende instabilidade e promete atacar máfia dos advogados

Teresa Lamas Serra / Facebook

Paulo Morais, presidente da Associação Transparência e Integridade (ATI)

Paulo Morais, presidente da Associação Transparência e Integridade (ATI)

Paulo Morais diz que o próximo Presidente da República “tem de atacar o problema das sociedades de advogados” de que fala como uma verdadeira “máfia” e defende a “instabilidade política”, lembrando D. Afonso Henriques e o 25 de Abril.

Declarações feitas pelo ex-vereador da Câmara Municipal do Porto no debate presidencial com Sampaio da Nóvoa na TVI24.

“Há sociedades de advogados que são verdadeiras irmandades, para não dizer máfias, que verdadeiramente intervêm no processo legislativo porque fazem leis, intervêm no processo judicial porque vão para os tribunais litigar”, acusa Paulo Morais.

O ex-vereador considera que o próximo Presidente da República “tem de atacar” este problema, lamentando que “a legislação de maior relevância económica, que tem a ver com contratação pública, urbanismo, ordenamento do território, ambiente, obras públicas, não é feita no Parlamento, é feita nas grandes sociedades de advogados”.

E quando o discurso da maioria é o de apelar à estabilidade, Paulo Morais frisa que o seu apelo é para “alguma instabilidade na política para dar alguma estabilidade às pessoas“.

Paulo Morais diz ter ido a Coimbra visitar o túmulo de D. Afonso Henriques, e que lhe deixou ficar um cravo vermelho.

Não foi com estabilidade que D. Afonso Henriques fez o país ou que se fez o 25 de Abril“, nota.

No debate a três com Vitorino Silva e Jorge Sequeira na SIC Notícias, Sampaio da Nóvoa lamentou a “ideologia da austeridade” que provocou “resultados dramáticos”, salientando que foi “um experimentalismo ideológico e fundamentalista que nos conduziu a uma situação de grande dificuldade”.

Para contrariar essa tendência, o ex-reitor defende políticas que “apostem nas pessoas, na economia, no trabalho”.

Edgar Silva acusa Marcelo de ser “mestre na arte do disfarce”

Na sucessão de debates entre os candidatos presidenciais, ficam ainda os ataques de Edgar Silva a Marcelo Rebelo de Sousa na RTP1.

O candidato comunista acusa o professor de ser um “Cavaco Silva a cores“, salientando que o opositor “procura dissimular os apoios de Pedro Passos Coelho e de Paulo Portas”.

“É um mestre na arte do disfarce. Como dizem os pescadores na minha terra, é a arte do engodo, para aliciar o pescado”, atira ainda Edgar Silva.

Marcelo Rebelo de Sousa defende-se com a ideia de que foi “sempre heterodoxo e independente” e que, “em momentos cruciais”, esteve contra o ainda Presidente da República Cavaco Silva.

Não sou o candidato de direita“, insiste em dizer o ex-comentador político.

ZAP

Nota: Por erro desta edição que muito lamentamos, foi atribuída a Paulo Morais a referência a uma visita a Guimarães. O túmulo de D.Afonso Henriques encontra-se obviamente em Coimbra. Pelo lapso as nossas desculpas ao candidato e aos nossos leitores.

PARTILHAR

RESPONDER

Nova tecnologia microondas permite "ver" através das paredes

Investigadores do US National Institute of Standards and Technology (NIST), nos Estados Unidos, desenvolveram um novo sistema de radar que pode produzir imagens em tempo real de objetos que se encontram atrás de paredes ou …

Pizza para Itália e salmão para a Noruega. Emissora pede desculpa por imagens usadas nos Jogos Olímpicos

O canal de televisão sul-coreano MBC pediu desculpa publicamente após usar imagens para representar países durante a cerimónia de abertura dos Jogos Olímpicos de Tóquio. Fotos de pizza para a comitiva italiana, de salmão para a …

"Quanto mais cedo, melhor". A dona da Marlboro apoia a proibição dos cigarros até 2030

O CEO da Philip Morris Internacional, dona da Marlboro, apoia a proibição da venda de cigarros, mas os activistas anti-tabaco já acusaram a empresa de hipocrisia por tentar comprar uma farmacêutica enquanto lucra com o …

Bezos e Branson não são astronautas, clarifica Administração da Aviação norte-americana

Dúvida instalou-se depois dos voos que levaram os dois bilionários ao espaço. Novas diretrizes da Administração Federal de Aviação vêm esclarecer.  Após os voos que os tornaram nos primeiros turistas espaciais, Jeff Bezos e Richard Branson …

Soldados afegãos buscam refúgio no Paquistão após perderem postos na fronteira

Quase meia centena de soldados afegãos buscaram asilo no Paquistão após perderem para os Talibãs o controle das posições militares na fronteira, informou o exército paquistanês esta segunda-feira. Centenas de soldados do exército afegão e oficiais …

Portugal ultrapassa Estados Unidos em população com vacinação completa

EUA vivem atualmente um planalto no seu processo de vacinação, com pouco mais de meio milhão de cidadãos a serem vacinados diariamente. Desaceleração no ritmo de inoculações é atribuída a motivações pessoais da população e …

Mulher que vestia camisola com capa do Charlie Hebdo ferida em Londres

Uma mulher que vestia uma camisola estampada com uma capa da revista satírica francesa Charlie Hebdo foi ferida levemente com arma branca no domingo em Hyde Park, em Londres, informou a polícia, que pediu colaboração …

Novo Banco. Comissão de inquérito aprova que resolução do BES foi "fraude política"

A comissão de inquérito ao Novo Banco aprovou uma proposta do PCP de alteração ao relatório referindo que a resolução do BES e a sua capitalização inicial, de 4.900 milhões de euros, foi "uma fraude …

BCP prevê saída de mais de 800 trabalhadores e admite despedimento coletivo

O presidente do BCP disse esta segunda-feira que deverão sair do banco mais de 800 trabalhadores, abaixo da meta inicial de 1.000, mas que depende dos funcionários que aceitarem rescindir e mantém a possibilidade de …

Jogos Olímpicos. Ouro e prata para atletas de...13 anos

Pódio muito jovem na estreia do skate feminino. A espreitar o pódio ficou uma norte-americana com quase o triplo da idade. O skate está a "viver" os seus primeiros dias na história dos Jogos Olímpicos. Inserido …