Paritário e abrangente, é assim o novo Governo de Macron

Etienne Laurent / EPA

Emmanuel Macron

Emmanuel Macron

O Governo do novo Presidente francês ultrapassa como prometido as barreiras da esquerda e da direita, com ministros que vão desde Os Republicanos ao Partido da Esquerda Radical, passando pelo Partido Socialista ou pelo Movimento Democrático, incluindo ainda várias figuras da sociedade civil.

Como prometido, existe ainda paridade de género, não contando com o primeiro-ministro Édouard Philippe: onze homens e onze mulheres. São nove ministros e dois secretários de Estado de cada sexo.

François Bayrou, do Movimento Democrático, concorreu a várias eleições presidenciais, mas este ano abdicou de o fazer a favor do centrista Macron, do En Marche!. Foi recompensado com a pasta da Justiça, sendo um dos três ministros de Estado. Os outros são o socialista Gérard Collomb, que fica com a pasta do Interior, e o independente Nicolas Hulot, célebre ecologista, que assume a Transição Ecológica e Solidária.

O antigo candidato às primárias de centro e direita, Bruno Le Maire, d’Os Republicanos, será o ministro da Economia. Além de Philippe e de Le Maire, o partido de direita será ainda representado por Gérald Darmanin, ministro da Ação e das Contas Públicas.

O campo socialista, além de Collomb no Interior (alegadamente foi o responsável pela aproximação entre Macron e Bayrou), terá Jean-Yves Le Drian (ministro da Defesa do ex-presidente François Hollande) como ministro da Europa e dos Negócios Estrangeiros.

Já o Movimento Democrático (MoDem), além de Bayrou, estará representado por Marielle de Sarnex, ministra responsável pelas Questões Europeias.

Do En Marche de Macron estão no governo Sylvie Goulard (antiga membro do MoDem), que será ministra das Forças Armadas (desaparece a denominação Defesa e regressa a usada pela última vez em 1974). Richard Ferrand (vindo do campo socialista), é o ministro da Coesão dos Territórios, enquanto outro antigo socialista Christophe Castaner será secretário de Estado responsável pelas relações com o Parlamento, além de porta-voz do Governo.

Mounir Mahjoubi, de origem marroquina, será secretário de Estado para o Digital. O empresário que apoiou a campanha de François Hollande em 2012, sendo nomeado mais tarde por ele para o organismo consultivo sobre o tema do digital. No passado foi militante socialista, mas desde janeiro está no En Marche!.

Representado no Governo está também o Partido Radical da Esquerda (de centro esquerda), através de Jacques Mézard, novo ministro da Agricultura, e Annick Girardin, que assume a pasta do Territórios Ultramarinos.

No total há dez ministros da chamada sociedade civil, sem ligação a um partido. Um deles é precisamente o ecologista Hulot, que tem uma fundação com o seu nome e é conhecido em França pela série de documentários Ushuaia. Hulot já tinha recusado propostas de anteriores presidentes.

Françoise Nyssen, CEO da editora Actes-Sud, será a ministra da Cultura. Laura Flessel, antiga campeã de esgrima, é a nova ministra do Desporto. Frédérique Vidal, que assume a pasta do Ensino Superior, é um professor universitário. Já Jean-Michel Blanquer, que já desempenhou funções como diretor-geral do Ensino, será o ministro da Educação.

A médica Agnès Buzyn, até agora presidente da Alta Autoridade de Saúde, assume a pasta das Solidariedade e da Saúde. Muriel Pénicaud, diretora-geral da Business France (a agência francesa equivalente à portuguesa AICEP), é a ministra do Trabalho. Marlène Schiappa, antiga bloguer, é secretária de Estado responsável pela Igualdade das Mulheres e dos Homens.

A ex-diretora de gabinete da Ségolène Royal, Élisabeth Borne, que desde maio de 2015 estava à frente da gestão dos transportes parisienses, será a ministra da Transição Ecológica responsável pelos Transportes. Sophie Cluzel, fundadora de várias associações de escolarização de crianças deficientes, será secretário de Estado para as Pessoas com Deficiência.

PARTILHAR

RESPONDER

"Esqueceu-se disto". Parque Nacional na Tailândia envia lixo deixado pelos visitantes por correio

Se deitar lixo ao chão no Parque Nacional Khao Yai, na Tailândia, esse mesmo lixo será enviado de volta para sua casa. Os infratores também serão registados na polícia local. O Parque Nacional Khao Yai, no …

Banco britânico HSBC permitiu branqueamento de esquema de Ponzi de milhões de dólares

O banco britânico HSBC permitiu que fossem transferidos milhões de dólares para todo o mundo de forma fraudulenta, mesmo depois de ter tomado conhecimento da fraude, de acordo com documentos secretos revelados, divulgou hoje a …

Este é o primeiro aeroporto 5 estrelas do mundo devido aos seus protocolos contra covid-19

A Skytrax, órgão que examina e classifica aeroportos em todo o mundo, costuma chamar a atenção do setor pelo menos uma vez por ano, durante a sua cerimónia de prémios. Este ano, o World Airline Awards, …

Há alguma ligação entre stress, insónias e sistema imunitário? Estudo americano sugere que sim

Um estudo realizado por neuro-cientistas da Universidade de Stanford, nos Estados Unidos, sugere que poderá existir uma relação entre o stress, as insónias e um fraco sistema imunitário. Investigadores do laboratório Cold Spring Harbor e da …

Governador das Filipinas diz que cantores de karaoke prejudicam combate à pandemia

Um governador de uma província das Filipinas voltou a sua atenção para um grupo de pessoas que, segundo ele, estão a prejudicar a luta contra a pandemia: cantores de karaoke. Numa publicação no Facebook na madrugada …

Histórico: Filipe Albuquerque vence 24 Horas de Le Mans e sagra-se campeão mundial de LMP2

O português Filipe Albuquerque, da United Autosports, venceu este domingo as 24 Horas de Le Mans em automobilismo, na categoria LMP2, a segunda mais importante, e sagrou-se campeão mundial de resistência a uma corrida do …

Convenção do Chega chumba (duas vezes) lista de André Ventura para a direção nacional

A proposta do presidente do Chega, André Ventura, para a direção nacional do partido foi hoje chumbada na convenção que decorre em Évora, ao não conseguir reunir os dois terços dos votos dos cerca de …

Portugal com mais 13 mortos e 552 novos casos nas últimas 24 horas

Portugal contabiliza hoje mais 13 mortos relacionados com a covid-19 e 552 novos casos de infeção com o novo coronavírus, segundo o boletim epidemiológico da Direção-Geral da Saúde (DGS). Segundo os dados a DGS, a região …

TikTok anuncia acordo com Oracle e Walmart e adia proibição nos EUA

A aplicação TikTok, detida pela sociedade chinesa ByteDance e ameaçada de ser proibida nos Estados Unidos, anunciou este domingo um acordo de princípio com a Oracle, como parceiro tecnológico, e com a Walmart, em termos …

As gaivotas são inoportunas? Saiba que as suas fezes podem valer mil milhões de dólares

Afinal, as gaivotas podem ser animais bem mais interessantes do que aquilo que a maioria das pessoas pensa. É que as suas fezes são muito valiosas e os seus nutrientes fertilizam campos agrícolas e recifes …