Paquistão. Homem que matou a irmã, estrela das redes sociais, foi condenado a perpétua

Qandeel Baloch / Facebook

Qandeel Baloch, a celebridade paquistanesa morta pelo próprio irmão

O irmão de uma estrela das redes sociais assassinada em 2016 no Paquistão, que reconheceu tê-la matado pelo seu “comportamento intolerável”, foi condenado esta sexta-feira a prisão perpétua, declarou o seu advogado.

“Se Deus quiser, ele será absolvido” no recurso que será apresentado, disse à agência de notícias AFP, citada pela agência Lusa, Sardar Mehmood, após confirmar que o seu cliente, Muhammad Waseem, havia sido condenado à prisão perpétua pelo tribunal da cidade de Multan, no centro do país.

Antes do anúncio da decisão, Sardar Mehmood havia declarado que “nenhuma evidência” havia sido apresentada contra Muhammad Waseem, “apenas suspeitas”.

A vítima, Qandeel Baloch, cujo nome real é Fauzia Azeem, recebeu a alcunha de ‘Kim Kardashian paquistanesa’. A estrela das redes sociais aparecia sempre cuidadosamente penteada e maquilhada, em poses provocantes, às vezes consideradas escandalosas pelos compatriotas mais conservadores.

O assassínio de Qandeel Baloch causou um grande choque no Paquistão, onde centenas de mulheres são mortas a cada ano por familiares, com o pretexto de “limpar” a honra da família. Três meses após os eventos, o Parlamento paquistanês aprovou por unanimidade uma lei contra este tipo de crime.

“É claro que eu a estrangulei”, disse Muhammad Waseem, preso no dia seguinte ao crime, numa conferência de imprensa organizada pela polícia. “Ela estava no piso térreo e os nossos pais estavam a dormir no telhado. Dei-lhe um comprimido e depois matei-a”, disse o assassino.

“Não tenho qualquer arrependimento pelo que fiz, ela teve um comportamento completamente intolerável”, disse o assassino. Muhammad Waseem disse aos investigadores que agiu depois da transmissão de “vídeos chocantes, publicados principalmente no Facebook”, segundo uma fonte da polícia.

Pouco antes do seu assassínio, Qandeel Baloch havia posado com um dignitário religioso e este mufti foi posteriormente suspenso de um comité religioso. Também processado pela morte da jovem, o dignitário religioso foi absolvido hoje, junto com outros quatro acusados, incluindo um segundo irmão de Qandeel Baloch.

TP, ZAP //

PARTILHAR

RESPONDER

Cinco antepassados de crocodilos viveram há 150 milhões de anos na Lourinhã

Pelo menos cinco crocodilomorfos, antepassados dos crocodilos, viveram na região da Lourinhã há 150 milhões de anos, durante o período do Jurássico. Num artigo publicado na Zoological Journal of the Linnean Society, os paleontólogos Alexandre Guillaume, …

A radiação de Chernobyl está a deixar as vespas esfomeadas (e isso é má notícia)

A Zona de Exclusão de Chernobyl é a área em torno da cidade ucraniana de Pripyat, onde a Central Nuclear de Chernobyl entrou em colapso em 1986. Apesar de não haver humanos na região, e …

Beethoven deixou a 10.ª sinfonia inacabada (e a IA vai completá-la)

Um dos maiores dilemas da história da música é a obra inacabada de Ludwig van Beethoven (1770-1827), a "10ª sinfonia", com muitos músicos a esforçar-se para finalizá-la, utilizando alguns dos fragmentos disponíveis, mas sem sucesso. Desta …

Orcas bebé têm maior probabilidade de sobreviver se viverem com a avó

Crias de orca que vivam com a avó têm uma maior probabilidade de sobreviver quando comparadas às outras orcas. A experiência destas espécimes mais velhas é essencial para o grupo. Tal como nos humanos, as avós …

A "capital mundial das pessoas feias" mora na Itália

Piobbico, na Itália, é uma cidade medieval repleta de grandes edifícios de pedra cercados por florestas exuberantes. No entanto, a cidade é conhecida pela feiura dos seus habitantes. Esta cidade, com cerca de 2.000 habitantes, alberga …

Jovem norte-americano despistou-se e caiu ao rio. Siri chamou os bombeiros

Um jovem norte-americano estava a caminho da universidade quando perdeu o controlo do carro, que derrapou sobre gelo, e foi parar ao rio Winnebago. Como não conseguiu encontrar o seu telemóvel, recorreu à Siri para …

Basta uma máscara impressa para enganar os sistemas de reconhecimento facial

Especialistas da empresa de inteligência artificial Kneron testaram sistemas em três continentes e vários falharam. O reconhecimento facial é, cada vez mais, um método de controlo e de segurança encarado como credível e, inclusivamente, usado …

Pandit olha para as vacas como família e quer produzir "leite ético" para vegans

Um agricultor nos Estados Unidos quer produzir "leite ético" para vegans, mantendo como prioridade o bem-estar e a saúde das vacas. Ultimamente, o consumo de leite tem sido posto cada vez mais em causa. Não só …

Jogadores do Arsenal doam um dia de salário para ações solidárias

Os futebolistas e a equipa técnica do Arsenal vão doar um dia de salário para ações solidárias de Natal. Os elementos técnicos também entraram na iniciativa, que prevê, ainda, a doação da receita do próximo …

Turismo, indústria e energia fazem do Norte região que mais cresceu em 2018

O Norte foi a região portuguesa que mais cresceu em 2018, com um aumento do Produto Interno Bruto (PIB) de 2,9%, impulsionado pelo turismo, indústria e energia, segundo dados divulgados pelo Instituto Nacional de Estatística …