Pai de Maguire foi uma das vítimas das invasões a Wembley (e assistiu à final com duas costelas partidas)

O defesa central do Manchester United revelou que o pai, Alan, de 56 anos, ficou com duas costelas partidas e com dificuldades em respirar após ter sido abalroado pelos adeptos que no passado domingo tentaram entrar à força no Estádio de Wembley.

O pai do jogador inglês Harry Maguire foi uma das pessoas que ficaram feridas após centenas de adeptos sem bilhete tentarem invadir o estádio de Wembley para assistir à final do Euro 2020 entre Inglaterra e Itália.

Em declarações ao jornal britânico The Sun, o jogador, que vestiu a camisola da seleção inglesa durante o Euro 2020, contou que o pai acabou por ficar com duas costelas partidas e com dificuldade em respirar depois de ser arrastado pela confusão que se instalou nas imediações do estádio.

Não foi uma experiência agradável, mas tive sorte. Desta vez, ao contrário de todas as outras, não tinha o meu sobrinho ou um dos meus filhos aos ombros”, sublinhou.

“Espero que as pessoas aprendam com isso. O meu pai não conseguia respirar e acabou com costelas partidas, e eu não quero que ninguém passe por este tipo de problemas quando vai a um jogo de futebol. É certo que o meu pai vai continuar a ir ver-me e a apoiar-me nos jogos, mas agora estará muito mais consciente de tudo”, frisou o jogador, de 28 anos.

Na sequência dos atos de violência, as autoridades inglesas acabaram por prender 88 adeptos.

Na terça-feira, a UEFA anunciou a abertura de um procedimento disciplinar contra a federação inglesa, devido aos incidentes ocorridos durante a final do campeonato europeu de futebol.

Ana Isabel Moura, ZAP //

PARTILHAR

RESPONDER

Crianças "raramente" são afetadas por sintomas prolongados da Covid-19

Apenas 4.4% das crianças que integraram o estudo manifestavam sintomas da doença quatro semanas após o diagnóstico. Investigadores encontraram uma relação entre os sintomas prolongados e a idade das crianças, já que a duração dos …

Incêndio em Loulé tem duas frentes ativas e levou 53 pessoas a sair de casa

O incêndio que deflagrou esta quarta-feira no concelho de Loulé está com duas frentes ativas em zona de mato e vegetação e já levou 53 pessoas de 30 habitações a sair de casa "por precaução", …

Desportivismo? O skate voltou a mostrar como se faz

Final da competição de parque teve mais um momento que justifica entrar nos melhores destes Jogos Olímpicos. A grande maioria dos seguidores dos Jogos Olímpicos pode estar a ver skate pela primeira vez. Nos Jogos Olímpicos …

Jovens saudáveis dos 12 aos 15 anos têm que esperar por task force para vacinação

Os adolescentes saudáveis com idades entre os 12 e os 15 anos têm de esperar pela calendarização da task force para serem vacinados contra a covid-19, não se podendo vacinar nesta fase, segundo a Direção-Geral …

Tribunal decretou insolvência da Groundforce

O Tribunal Judicial da Comarca de Lisboa decretou esta quarta-feira a insolvência da SPdH (Groundforce), anunciou a TAP, que tinha feito um requerimento nesse sentido, no dia 10 de maio, de acordo com um comunicado. O …

"É uma questão pontual". Urgência de obstetrícia do Hospital de Setúbal encerrada por falta de médicos

A urgência de obstetrícia do Hospital de São Bernardo, em Setúbal, está encerrada desde as 09h00 desta quarta-feira, situação que se irá prolongar por 24 horas, devido à falta de médicos desta especialidade, informou à …

Mulheres checas esterilizadas ilegalmente serão indemnizadas pelo Governo

Mulheres esterilizadas sem o seu consentimento receberão uma compensação por parte do governo da República Checa, medida que deverá ser aplicada após o Presidente Milos Zeman aprovar esta semana um projeto de lei. Segundo avançou esta …

Linha de fora-de-jogo vai mudar na Premier League

Esta é uma das mudanças que vão ser implementadas, na nova temporada. Os responsáveis pela arbitragem na Premier League, aparentemente, gostaram do que viram no Europeu 2020, em relação ao vídeoárbitro: parar o jogo menos vezes, …

OMS quer adiar as doses de reforço das vacinas em países ricos por causa das desigualdades mundiais

O diretor-geral da Organização Mundial da Saúde (OMS) pediu esta quarta-feira uma moratória sobre as doses de reforço das vacinas contra a covid-19 para que os países pobres possam imunizar a sua população. A Organização Mundial …

Jovens saudáveis em ambientes de risco devem ser vacinados, defendem especialistas

Especialistas são contra a existência de um único critério, o das doenças pré-existentes, e defendem que deve ser criado um regime de "porta aberta" que permita a vacinação de todos os jovens entre os 12 …