Os Neandertais tinham “ouvidos de nadador”

Erich Ferdinand / Flickr (OD)

Crescimento ósseo anormal no canal auditivo era surpreendentemente comum em neandertais, de acordo com um novo estudo da Universidade de Washington.

As exostoses auditivas externas são densos crescimentos ósseos que se projetam para dentro do canal auditivo. Nos humanos modernos, essa condição é geralmente chamada de “ouvido do nadador” e sabe-se que está correlacionada à exposição habitual à água fria ou ao ar frio, embora haja também uma predisposição genética potencial para a doença.

Estas exostoses foram observadas em humanos antigos, mas poucas investigações examinaram a forma como a condição pode aumentar a nossa compreensão sobre os estilos de vida dos humanos passados.

Neste estudo, publicado em agosto na revista especializada Plos One, Erik Trinkau e os seus colegas examinaram os canais auditivos bem preservados nos restos mortais de 77 humanos antigos, incluindo os neandertais e os primeiros humanos modernos, da Época do Pleistoceno do Meio ao Pós-École do Oeste da Eurásia.

Enquanto as primeiras amostras humanas modernas exibiam frequências semelhantes de exostoses para amostras humanas modernas, a condição era excepcionalmente comum em neandertais. Aproximadamente metade dos 23 restos de Neandertal examinados exibiram exostoses leves a severas, pelo menos duas vezes a frequência observada em quase qualquer outra população estudada.

Os autores sugerem que a explicação mais provável para este padrão é que estes neandertais gastaram uma quantidade significativa de tempo a recolher recursos em ambientes aquáticos.

No entanto, a distribuição geográfica das exostoses observadas nos neandertais não apresenta uma correlação definitiva com a proximidade de antigas fontes de água nem com climas mais frios como seria de se esperar. Os autores propõem que múltiplos fatores provavelmente estariam envolvidos nesta alta abundância de exostoses, provavelmente incluindo fatores ambientais, bem como predisposições genéticas.

“Uma frequência excepcionalmente alta de exostoses auditivas externas entre os neandertais e um nível mais modesto entre os humanos modernos do Paleolítico Superior anteriores indica uma maior frequência de recursos aquáticos. Em particular, reforça as habilidades de busca e a exploração e a diversidade de recursos dos Neandertais”, rematou o investigador.

ZAP //

PARTILHAR

1 COMENTÁRIO

RESPONDER

Crianças e adolescentes são quem mais consome açúcar em Portugal

Um estudo do Instituto de Saúde Pública da Universidade do Porto (ISPUP), que teve por base o Inquérito Alimentar Nacional e de Atividade Física, concluiu que as crianças e os adolescentes são quem mais consome …

A Rússia já sabe como apareceu a fissura na nave Soyuz (mas não revela)

A Corporação Espacial Estatal da Rússia, Roscosmos, já sabe qual é a origem da fissura encontrada há um ano na nave Soyuz MS-09, acoplada à Estação Espacial internacional. Mas não revelará mais informações. "O buraco foi …

SIVRAC, a bicicleta elétrica que se dobra em apenas um segundo

Com um quadro em forma de "X" e dobrável num estalar de dedos, a nova SIVRAC promete ser uma solução prática para quem viaja, por exemplo, de bicicleta para o trabalho. A bicicleta é um …

Porto 2-1 Young Boys | Dragão de duas faces com estreia feliz

O FC Porto entrou na Liga Europa com o pé direito, ao vencer o Young Boys por 2-1, no Estádio do Dragão. Uma primeira parte de enorme qualidade, na qual os suíços só por uma …

Dois turistas foram apanhados a nadar nus em Veneza. Vão pagar 3 mil euros cada um

Os homens checos estavam em Itália para apoiar a sua equipa de futebol - o Slavia de Praga que jogou contra o Inter em Milão -. Os dois visitantes, em Veneza, decidiram dar um mergulho. Um …

Voar sobre as águas do Sena. Paris testa "bolha do mar", um barco-táxi amigo do ambiente

Paris está a testar um novo meio de transporte mais amigo do ambiente: um barco-táxi ecológico que desliza nas águas do rio Sena. Esta semana, o sea bubble (bolha do mar) está em testes no rio …

Há uma "Matilde" na Bélgica que também precisa do medicamento mais caro do mundo

Mais de 950 mil belgas responderam ao apelo de um casal, que precisava de reunir 1,9 milhões de euros para comprar o medicamento mais caro do mundo para a filha. Pia, de nove meses, sofre de …

System of a Down confirmados no festival VOA, no Estádio Nacional

Os System of a Down são a primeira grande confirmação do VOA - Heavy Rock Festival, que em 2020 se realiza a 2 e 3 de julho no Estádio Nacional. De acordo com a Blitz, este …

PSV 3-2 Sporting | “Leão” vendeu cara uma derrota injusta

O Sporting iniciou a sua participação na fase de grupos da Liga Europa com uma derrota amarga na Holanda, na visita ao PSV, por 3-2. Seis minutos fatais na primeira parte deixaram os “leões” em desvantagem …

Políticos da Coreia do Sul estão a rapar o cabelo (e já se sabe porquê)

Políticos da oposição na Coreia do Sul estão a rapar o cabelo em protesto contra a nomeação de um ministro da Justiça cuja família está a ser investigada por suspeita de irregularidade. O vice-presidente do parlamento, …