Novo teste para a covid-19 custa 5 dólares e demora 15 minutos a dar o resultado

Testar se está infetado com covid-19 pode vir a tornar-se cada vez mais rápido e fácil. Na quarta-feira, a Food and Drug Administration (FDA), autorizou a Abbott Laboratories a lançar o novo teste que poderá estar à venda por apenas 5 dólares.

Segundo a revista Science, o novo teste é capaz de detetar proteínas virais que são exclusivas do SARS-CoV-2, o vírus que causa o COVID-19. Ao contrário do diagnóstico convencional de coronavírus, o teste de Abbott não requer nenhum equipamento de laboratório especializado.

A Abbott diz que o novo teste deverá custar apenas 5 dólares (cerca de 4 euros), e por isso a empresa pretende produzir dezenas de milhões de testes entre setembro e outubro. Ao fornecer respostas quase em tempo real sobre quem está infetado, o novo teste vai permitir que os infetados se apercebam rapidamente que devem ficar em casa e diminuir a possibilidade de propagação.

Michael Mina, epidemiologista do T.H.Chan School of Public Health, está radiante com a nova descoberta. “Esta é uma notícia maravilhosa”, afirma, defendendo que há muito que desejava uma mudança nos testes.

“Este é um grande passo em direção ao desenvolvimento, e aprovação de testes semelhantes que podem eventualmente ser usados como ferramentas de saúde pública. Estou muito animado com este passo”, garante Mina. Batizado de BinaxNOW, o teste da Abbott usa um dispositivo do tamanho de um cartão de crédito com uma tecnologia de fluxo lateral para detetar sinais de SARS-CoV-2.

Depois de retirada a amostra nasal, esta deve ser colocada no dispositivo juntamente com algumas gotas da solução, que ajudam o material a fluir por uma tira, contendo anticorpos que se ligam ao vírus e criam uma mudança de cor e sinalizam a presença de proteínas SARS-CoV-2.

O dispositivo da Abbott não é o primeiro teste deste tipo, com capacidade para detetar a covid-19, no mercado. Contudo, os outros testes exigem equipamentos especializados para ler os resultados, limitando assim o seu uso generalizado. Tanto Mina, como outros especialistas em saúde pública, têm defendido a utilização destes testes mais simples em escolas e locais de trabalho.

Os EUA realizam cerca de 700 mil testes de coronavírus por dia. Quase todos requerem uma instalação de laboratório com equipamento especializado para detetar material genético exclusivo do SARS-CoV-2, tornando o custo mais elevado.

Joseph Petrosino, diretor de virologia do Baylor College of Medicine, admitiu em comunicado que “os testes de laboratório têm uma viabilidade excelente, mas são muito demorados”. O especialista explica que a principal falha destes testes é que durante o período de espera do resultado, os pacientes continuam a interagir com outras pessoas, e quando o resultado é revelado já podem estar infetadas sem saber.

Ainda assim, de acordo com o FDA, o novo teste da Abbott identifica corretamente pacientes com o vírus em 97,1% das vezes, e pessoas sem o vírus 98,5%.

Charles Chiu, especialista em medicina laboratorial da Universidade da Califórnia, explica que “a disponibilidade de testes mais rápidos deverá ajudar a apoiar laboratórios sobrecarregados, acelerar os tempos de resposta, e expandir muito o acesso às pessoas que precisam deles”.

ZAP ZAP //

PARTILHAR

RESPONDER

Chocos passaram num teste cognitivo desenvolvido para crianças

No ano passado, os chocos já tinham passado no teste do marshmallow, mas agora uma equipa de cientistas decidiu fazer uma nova experiência. Segundo o site Science Alert, o teste do marshmallow consiste em colocar uma criança numa …

Estranhos terramotos revelam vulcões ocultos debaixo do deserto do Utah

Duas estranhas sequências de terramotos, em setembro de 2018 e abril de 2019, chamaram a atenção dos cientistas para o deserto de Black Rock, no estado norte-americano do Utah. As sequências de sismos, que incluíram os …

Chovem eletrões. Descoberto furacão de plasma espacial acima do Polo Norte

Uma equipa de cientistas, liderados pela Universidade Shandong, na China, identificou um furacão espacial acima do Polo Norte. Os investigadores usaram dados de satélite para identificar o furacão espacial acima do Polo Norte e revelaram que não …

Sporting 2-1 Santa Clara | Super-Coates volta a ser herói

Arrancado a ferros… à campeão? O Sporting esteve a poucos segundos de registar o terceiro empate em casa, perante um Santa Clara que não foi em nada inferior aos “leões” e até conseguiu ser superior em …

Os gatos demonstram ser menos leais do que os cães (mas pode haver uma razão)

Ainda existe um estereótipo sobre a diferença entre cães e gatos. Normalmente as pessoas associam os cães a animais amorosos e leais, enquanto os gatos são tidos como distantes e indiferentes. Um novo estudo pode …

O mistério do "lago dos esqueletos" na Índia intriga cientistas há décadas

O Roopkund, localizado na parte indiana dos Himalaias, é um lago glacial com centenas de ossos humanos. E ninguém sabe como foram lá parar. Em 1942, um guarda florestal revelou ao mundo a existência deste lago …

A fronteira mais importante da China é imaginária: a Linha Hu

A Linha Hu, também conhecida como linha Heihe-Tengchong, é uma linha imaginária que divida a China em duas partes com áreas quase iguais. Estende-se da cidade de Heihe até Tengchong. Desenhada pela primeira vez em 1935, …

Algumas pessoas moram em aeroportos durante meses (ou até mesmo anos)

Aeroportos não servem de casa apenas para os sem-abrigo. Há pessoas que, involuntariamente ou não, ficam lá durante meses e, em alguns casos, até mesmo anos. Em janeiro, as autoridades de Chicago prenderam um homem de …

Senado da Carolina do Sul aprova fuzilamento como método de execução

Com esta decisão, a Carolina do Sul poderá converter-se no quarto estado do país a incorporar este método de execução de pena de morte, depois do Utah, Oklahoma e Mississípi. De acordo com a agência noticiosa …

"Oxigénio tornou-se ouro". Criminosos lucram com a sua escassez no México

A pandemia de covid-19 deixou a Cidade do México a atravessar uma grande escassez de oxigénio médico. Criminosos estão a aproveitar para lucrar com a situação. A capital mexicana registou um pico de infeções e hospitalizações …